Matérias Mais Lidas

Iron Maiden: debilitado, Paul Di'Anno depende de vaquinha virtual para fazer cirurgiaIron Maiden
Debilitado, Paul Di'Anno depende de vaquinha virtual para fazer cirurgia

Rodolfo Abrantes: O sonho da minha mãe era eu voltar aos RaimundosRodolfo Abrantes
"O sonho da minha mãe era eu voltar aos Raimundos"

Timo Tolkki: Ex-Stratovarius abraça teorias conspiratórias negacionistas sobre Covid19Timo Tolkki
Ex-Stratovarius abraça teorias conspiratórias negacionistas sobre Covid19

Snowy Shaw: ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no NightwishSnowy Shaw
Ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no Nightwish

Nirvana: Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.Nirvana
Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.

Carlinhos Brown: ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razãoCarlinhos Brown
Ele diz que provocou garrafadas no Rock in Rio 2001 e explica razão

Metallica: TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully GuitarsMetallica
TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully Guitars

AC/DC: Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)AC/DC
Axl Rose sempre sugeria músicas esquecidas para shows (mas em cima da hora)

Soul Station: projeto de Paul Stanley com guitarrista brasileiro lança músicaSoul Station
Projeto de Paul Stanley com guitarrista brasileiro lança música

Guns N' Roses: Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivoGuns N' Roses
Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivo

Mercyful Fate: A decepção da banda com a arte original de MelissaMercyful Fate
A decepção da banda com a arte original de Melissa

Max Cavalera: O único presidente bom do Brasil foi mortoMax Cavalera
"O único presidente bom do Brasil foi morto"

Kurt Cobain: ele não curtia Led Zeppelin e Aerosmith devido às letras machistasKurt Cobain
Ele não curtia Led Zeppelin e Aerosmith devido às letras machistas

Nirvana: por que, até hoje, Dave Grohl não canta músicas da bandaNirvana
Por que, até hoje, Dave Grohl não canta músicas da banda

Sebastian Bach: ele volta a criticar Chris Jericho e diz que wrestling é uma m*rdaSebastian Bach
Ele volta a criticar Chris Jericho e diz que wrestling é uma m*rda


Matérias Recomendadas

Morte: confira 15 das melhores músicas sobre o temaMorte
Confira 15 das melhores músicas sobre o tema

Megadeth: as pérolas mais polêmicas ditas por MustaineMegadeth
As pérolas mais polêmicas ditas por Mustaine

Megadeth: Dave explica por que não tocar The ConjuringMegadeth
Dave explica por que não tocar "The Conjuring"

Freddie Mercury: a descoberta do vírus em 1987Freddie Mercury
A descoberta do vírus em 1987

VH1: os 100 melhores álbuns de rock segundo a emissoraVH1
Os 100 melhores álbuns de rock segundo a emissora

Stamp
Tunecore

A Hill To Die Upon: O desespero santo

Resenha - Holy Despair - A Hill To Die Upon

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Márllon Matos, Fonte: The Undead.net
Enviar Correções  

8


Três anos separam este "Holy Despair" de seu antecessor "Omens". E durante este tempo de espera o A HILL TO DIE UPON conseguiu evoluir bastante, mas sem se afastar de suas origens e de suas características que os fazem diferenciados na cena metálica.

O "Holy Despair" nos brinda com 10 faixas que certamente irão agradar fans de BEHEMOTH, 1349 entre outros. Este duo faz uma excelente mistura entre Death e Black Metal onde nenhum gênero sobressai mais do que o outro e tudo isso aliado a letras de caráter filosófico escritas pelo baterista R. Michael Cook.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O álbum que contem aproximadamente 48 minutos de duração, a principio lembra bem os seus antecessores, mas trás algumas particularidades para o som do AHTDU, como nas faixas "A Jester Arraved In Burning Gold" e " Let The Ravens Have My Eyes" por exemplo, que possuem alguns elementos melódicos que as aproximam do Black Metal Sinfônico (esse fato se justifica por terem sido compostas por Thor, da banda GRAVE DECLARATION), mas fora isso é o mesmo A HILL TO DIE UPON de sempre. Sonoridade, timbre, letras filosóficas, faixas instrumentais acústicas... Todos os "clichês" da banda estão aqui.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

É um álbum bem homogêneo, o que torna a missão de escolher destaques uma tarefa bastante inglória, mas após muitas audições deu para alçar "Oh Death" que conta com a participação de Timbre nos vocais femininos e na harpa, "Satan Speaks" (cuja letra reúne trechos de um livro de C.S. Lewis) , as duas citadas anteriormente e Unyelding Anguish a este posto.

Supera os lançamentos prévios ? Difícil dizer pois é uma questão muito pessoal, mas garanto que "Holy Despair" não faz feio perante a discografia do "A HILL TO DIE UPON".

A Hill to Die Upon - Holy Despair

Cloven Hoof Hava Nagila
A Jester Arrayed in Burning Gold
Unyielding Anguish
Let the Ravens Have My Eyes
Hæðen
Nekyia
Somme
Rime (Jerub-Ba’al)
O Death
Satan Speaks

Ficha técnica:

Adam Cook– lead, rhythm, & bass guitars, despairing voices
Michael Cook– drums, anguished voices
Nolan Osmond – lead guitars
Additional screaming on "Nekyia" by The Scandinavian Black Metal Alliance
Additional singing on "A Jester Arrayed in Burning Gold" by Beckie Frey
Harp and additional singing on "O Death" by Timbre
Cover Artwork by Taylor Hays
Photography by Cameo Johnson
Logo by Christoph Szpjadel Recorded by Drew Webster
Mixed and Mastering by Erik Tordsson at Solid Mix Studios
Produced by Adam Eckley Cook


Outras resenhas de Holy Despair - A Hill To Die Upon

A Hill To Die Upon: Black Metal Brothers


Baladas de Sangue
Receba novidades de Rock e Heavy Metal por Whats App


Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Oh, não!: clássicos que foram estragados pelo tempoOh, não!
Clássicos que foram "estragados" pelo tempo

Cultura inútil: Em quantas músicas Coverdale utilizou love (1)Cultura inútil
Em quantas músicas Coverdale utilizou "love" (1)


Sobre Márllon Matos

Nascido em 1990, despertou para o rock em 2002 e desde lá vem sendo o terror dos vizinhos, seja tocando bateria ou ouvindo Metal no mais alto volume. Cristão convicto, curte de Palavrantiga a Crimson Moonlight, e o seu sonho é conseguir ir para a Austrália ver algum show do Mortification.

Mais matérias de Márllon Matos no Whiplash.Net.