Matérias Mais Lidas

Nicko McBrain: pedal duplo é pra caras como Aquiles PriesterNicko McBrain
Pedal duplo é pra caras como Aquiles Priester

Jon Schaffer: nomes do Iced Earth e Demons & Wizards somem do site da gravadoraJon Schaffer
Nomes do Iced Earth e Demons & Wizards somem do site da gravadora

Greta Van Fleet: Robert Plant odeia aquele vocalistaGreta Van Fleet
Robert Plant "odeia" aquele vocalista

Metallica: veja o primeiro (e curioso) cartão de visitas da bandaMetallica
Veja o primeiro (e curioso) cartão de visitas da banda

Megadeth: Dave Lombardo quase entrou pra banda, mas percebeu a merda que ia darMegadeth
Dave Lombardo quase entrou pra banda, mas percebeu a merda que ia dar

Joe Lynn Turner: detonando gravadora por continuar projeto Sunstorm sem eleJoe Lynn Turner
Detonando gravadora por continuar projeto Sunstorm sem ele

Nervosa: Banda lança videoclipe de Under RuinsNervosa
Banda lança videoclipe de "Under Ruins"

Pantera: as cinco melhores músicas da banda, segundo leitores da RevolverPantera
As cinco melhores músicas da banda, segundo leitores da Revolver

Megadeth: Dave Mustaine, agora, é faixa roxa em jiu-jitsu brasileiroMegadeth
Dave Mustaine, agora, é faixa roxa em jiu-jitsu brasileiro

Iron Maiden: As faixas do clássico The Number Of The Beast, da pior para a melhorIron Maiden
As faixas do clássico "The Number Of The Beast", da pior para a melhor

Pearl Jam: exigindo que banda cover Pearl Jamm mude nome, sob ameaça de processoPearl Jam
Exigindo que banda cover Pearl Jamm mude nome, sob ameaça de processo

Lista: 10 grandes sucessos que farão 30 anos em 2021 e continuam sendo ouvidos até hojeLista
10 grandes sucessos que farão 30 anos em 2021 e continuam sendo ouvidos até hoje

Quiet Riot: quebrando disco de banda brasileira em 1985Quiet Riot
Quebrando disco de banda brasileira em 1985

Loudwire: o melhor álbum de thrash metal de cada ano, de 1983 até 2020Loudwire
O melhor álbum de thrash metal de cada ano, de 1983 até 2020

Dedo x Palheta: Jason Newsted joga gasolina na fogueira do debateDedo x Palheta
Jason Newsted joga gasolina na fogueira do debate


Matérias Recomendadas

Metal Brasileiro: 10 bandas recomendáveis fora o SepulturaMetal Brasileiro
10 bandas recomendáveis fora o Sepultura

Lemmy: Eddie Van Halen nunca chegará aos pés de Hendrix!Lemmy
"Eddie Van Halen nunca chegará aos pés de Hendrix!"

Power Metal: 10 álbuns essenciais do estiloPower Metal
10 álbuns essenciais do estilo

System of a Down: casamento vai abaixo com Toxicity, vídeo viraliza e Serj divulgaSystem of a Down
Casamento vai abaixo com "Toxicity", vídeo viraliza e Serj divulga

Freddie Mercury: 18 fotos espontâneas ao lado do namorado Jim HuttonFreddie Mercury
18 fotos espontâneas ao lado do namorado Jim Hutton

Stamp
Tunecore

Nervochaos: Ítem deveria ser obrigatório em toda escola de música

Resenha - 17 Years of Chaos - Nervochaos

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Afonso Ellero
Enviar Correções  


Quem não conhece a banda NERVOCHAOS e vê esse DVD em alguma loja deve pensar o seguinte: "A julgar pela discografia, pelas artes de capa, pela sonoridade e pelo conteúdo das letras esse trabalho deve conter cenas de bodes sacrificados, integrantes da banda vestidos a rigor para uma cerimônia macabra, espadas, Baphomet, altar com mulheres nuas e invocações do todo poderoso Satanás".

Pois é... Não se vê nada disso!

O DVD contendo depoimentos, cenas antigas, a histórias das constantes mudanças de formação e apresentações ao vivo da primeira parte da turnê "To the Death", acaba tomando ares de documentário e mostra uma banda totalmente diferente daquela trupe endemoniada que vemos nos palcos.

O que vemos é uma banda de amigos com comportamento quase adolescente e hilário. Você acaba assistindo dois DVD´s e nem vê o tempo passar, pois Edu, Quinho, Felipe e Guiller tratam de fazer com que as cenas mais intensas sejam as passagens nas estradas do mundo. Difícil segurar o riso em algumas situações. Só não contarei algumas dessas passagens para não estragar o prazer de quem quer assistir.

Porém o grande mérito desse trabalho não está no bom humor, na música pesada que permeia todo o DVD, nem tão pouco na qualidade gráfica que é primorosa. O que torna o trabalho relevante são as entrelinhas.

E é exatamente aí que se explica o título do meu texto.

Se você está aprendendo a tocar algum instrumento e tem como sonho montar uma banda de rock pesado precisa assistir esse DVD mesmo que não curta o estilo musical.

O ACDC cantou certa vez: "It´s a long way to the top, if you wanna rock´n roll".

O conteúdo desse trabalho do NERVOCHAOS mostra exatamente isso! Só que do ponto de vista de uma banda underground e não de uma banda pop.

A vida na estrada é retratada de maneira realista sem tentar mostrar um glamour que não existe. É acima de tudo um documento honesto de uma banda idem.

Nela, você jovem iniciante e sonhador, vai se deparar com elementos de rotina que não são usuais nos filmes que assistimos por aí.

Chão de madeira vira colchão, déficit de sono passa a ser rotina, sanduba de beira de estrada com recheio duvidoso pode ser sua única refeição no dia, van abarrotada de equipamentos, palcos mais apertados que o banco traseiro de um fusca, viagens intermináveis, cidades no meio do nada (ou você acha que todo mundo toca em Londres e Paris?), longas esperas em aeroportos que às vezes parecem rodoviária de avião e muita, muita estrada. É isso que você vai assistir!

A banda mostra que só talento não garante longevidade a um trabalho do gênero. É preciso mais do que isso. É preciso perseverança e garra, ou em bom português: "teimosia e desprendimento"!

Pra usar um termo da moda eu diria que "tem de ser guerreiro" pra se manter em pé depois de tantos perrengues, tantas mudanças de formação (cuidado MADE IN BRAZIL, seu recorde está ameaçado), tantos contratempos e sobre-esforços.

Botar a mochila nas costas e cair na estrada pra tocar rock pode parecer romântico, mas o fato é que o preço que se paga por isso só cabe no bolso de quem realmente ama essa música barulhenta e viciante.

Desculpe se você esperava ler sobre a qualidade da música, mas acredito que esse trabalho é muito mais do que musical. É cultural!

Não só a banda está de parabéns, mas também os produtores, cinegrafistas, editores e diretores de arte merecem nosso aplauso.

Não vou me estender na área musical propriamente dita. O Google está à sua disposição para conhecer o som da banda. Se quiser e tiver a oportunidade compre o DVD e assista com o olhar de quem vê uma história e não mais um simples registro de uma banda de rock qualquer.


Outras resenhas de 17 Years of Chaos - Nervochaos

Nervochaos: Boxed histórico da banda

Nervochaos: Material digno de uma lenda do death metal


Malvada
Receba novidades de Rock e Heavy Metal por Whats App
Anunciar no Whiplash.Net


Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Death Metal: 5 álbuns nacionais que não se pode deixar de escutarDeath Metal
5 álbuns nacionais que não se pode deixar de escutar

Krisiun: se não tivessem agido rápido, a banda poderia ter sido presa, diz MoysesKrisiun
Se não tivessem agido rápido, a banda poderia ter sido presa, diz Moyses


Black Sabbath: os vocalistas misteriosos da bandaBlack Sabbath
Os vocalistas misteriosos da banda

Sexo: como se comportam os fãs de cada vertente de Metal?Sexo
Como se comportam os fãs de cada vertente de Metal?


Sobre Afonso Ellero

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.