Despot: Black Metal nacional fincado nas raízes do estilo

Resenha - Satan In The Death Row - Despot

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Vitor Franceschini
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Marcelo Murrer, conhecido como B.A.V. (ex-Necrocult e Unholy Massacre) é o moço por traz desse trabalho. Responsável por compor (as letras também contam com a participação de Luiza Utsch) e por todos os instrumentos, ele carrega o nome do Despot desde 2008 e de lá pra cá lançou 3 demos antes deste debut.
5000 acessosPoeira: Rockstars e as bandas que eles sonhavam fazer parte5000 acessosKing Diamond: o "Rei Satânico"

O som é focado no Black Metal e a temática pende para o lado do ateísmo e da literatura. Porém, há nuances de Death Metal ‘old school’ em algumas passagens, o que incrementa ainda mais as composições.

A veia ‘old school’ impera na musicalidade da banda, inclusive na produção um tanto quanto rústica. Porém, apesar de diretas, as músicas possuem uma pequena dose de técnica, melodia e variação, não soando tão cruas como pode parecer. O clima único das bandas brasileiras de Metal extremo também se faz presente.

Destaque sem dúvidas para Matriarch e sua boa variação, além dos leves arranjos, Putrified By Fire, a faixa título e a macabra Le Roi Nu. O primeiro disco do Despot soa como algo que pode ser tornar ‘cult’. Detalhe para a arte da capa que lembra muito bandas de Metal tradicional dos anos 80. Baixe o trampo gratuitamente no Bandcamp.

http://www.facebook.com/despotbrazil
http://despotband.bandcamp.com/

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Despot"

PoeiraPoeira
Frampton nos Stones? Plant no The Who?

King DiamondKing Diamond
Ele é satanista, e não meramente marqueteiro

GhostGhost
O lado escuro do rock: você acredita em magia negra?

5000 acessosIron Maiden: "se as bandas de metal mandassem no mundo..."5000 acessosIron Maiden: a concepção original de Eddie5000 acessosIron Maiden: conheça parte da equipe e dos parentes5000 acessosO peso da emoção: a trajetória de Blaze Bayley5000 acessos30 Seconds To Mars: Jared Leto comenta sobre o Coringa de Heath Ledger5000 acessosMetallica: Newsted arrebenta nos vocais de Creeping Death em 1992

Sobre Vitor Franceschini

Jornalista graduado tem como principal base escrever sobre Rock e Metal, sua grande paixão. Ex-editor do finado Goredeath Zine, atual comandante do blog Arte Metal, além de colaborador de diversos veículos do underground.

Mais matérias de Vitor Franceschini no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online