Gstruds: valeu a espera pelo debut destes veteranos do Thrash

Resenha - Only Tia Gertrudes Is Real - Gstruds

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Seguir Whiplash.Net

Por Júlio Neto
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Finalmente esta veterana banda Cearense chega a seu debut. E Valeu muito a espera!

5000 acessosAngra: Kiko Loureiro demite empresário ao estilo Roberto Justus5000 acessosThe Voice Kids: até Brian May ficou impressionado com brasileiro

A GS Truds é uma banda veterana de Thrash Metal, fundada no já distante ano de 1991 em Fortaleza-CE e capitaneada pelo batalhador Luiz “Gstruds”. Neste período a banda lançou três demos (1993, 1994 e 1996) e agora chega ao tão aguardado debut. E valeu cada segundo da espera.

Seu som é um Thrash Metal, com flertes que vão do Death ao Crossover em determinadas passagens. Som feito para banguear ao longo dos quarenta minutos de duração das nove faixas deste CD. As letras são em português e contam com grandes doses de bom humor. Vide títulos como “Puta Purulenta”, “Satã obreiro da Universal” e “Velma, a barata zumbi”. Ouça com o encarte nas mãos acompanhando as letras que é diversão garantida. Musicalmente falando, se trata de uma banda coesa, até pelo tempo de estrada. E o álbum todo é muito nivelado. Como destaque (tarefa complicada), citarei apenas a faixa “Terror no Beco da Poeira” com mudanças de andamentos alternando passagens rápidas com momentos para banguear. Mas o CD tem de ser curtido na íntegra, pois é em um todo muito bom!

A parte gráfica acompanha o alto nível de composições, com uma ilustração do Tiago Amora retratando a “Tia Gertrudes” e toda sua agressividade e sede de sangue. Repetindo a dica de ouvir com o encarte na mão, cada música tem sua própria ilustração, muito bacana. A gravação e produção foram feitas pelo André Noronha e estão ótimas, com o som limpo e cru que o estilo pede.

Mais uma banda de qualidade vinda do Ceará, estado de nomes como Obskure, Darkside, Encefálo, S.O.H., dentre tantos outros de qualidade. Que o próximo não demore mais tanto tempo para sair, pois seu som é viciante.

Line Up:
Paulo – Guitar
Luiz – Vocals
Acácio – Drums
Carlos – Bass

Faixas:
01 – Puta purulenta
02 – Maldição do ovo
03 – Retroboy
04 – Churrasco dos vermes
05 – Ataque das borboletas canibais
06 – Satã obreiro da universal
07 – Terror no beco da poeira
08 – Véio do saco
09 – Velma, a barata zumbi

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Seguir Whiplash.Net

Outras resenhas de Only Tia Gertrudes Is Real - Gstruds

620 acessosGstruds: um ataque de riffs sem precedente


0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Gstruds"


AngraAngra
Kiko Loureiro demite empresário ao estilo Roberto Justus

The Voice KidsThe Voice Kids
Até Brian May ficou impressionado com brasileiro

Tirando a poeira do tímpanoTirando a poeira do tímpano
20 novas bandas de rock pra curtir

5000 acessosMetallica: A opinião de Ron McGovney sobre Mustaine5000 acessosDave Mustaine: "eu toco as músicas do Metallica por diversão"5000 acessosAstros mortos: como estariam alguns se ainda estivessem vivos?3773 acessosLed Zeppelin: o álbum gravado com PJ Proby antes do debut4673 acessosMike Portnoy: não me considero um grande baterista5000 acessosKiss: Ace Frehley fala sobre "Psycho Circus"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.


Sobre Júlio Neto

Ligado ao Heavy Metal há mais de 25 anos. Zineiro, produtor de shows underground. Colecionador voraz de CDs, vinil e livros. Fã incondicional do metal nacional, sempre apoiando as bandas e não deixando de adquirir seus materiais. Mora no sul da Bahia e apesar da distância, sempre a par do que acontece no underground.

Mais matérias de Júlio Neto no Whiplash.Net.