ASG: uma das mais criativas e diferenciadas da atualidade

Resenha - Blood Drive - ASG

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Banda formada em Wilmington, na Carolina do Norte/EUA, o quarteto ASG (All Systems Go) sem dúvida é uma das bandas mais criativas e diferenciadas da atualidade, como fica claro nesse seu quinto disco de estúdio, celebrando seus 12 anos de carreira, e que acaba de ser lançado no exterior, via Relapse Records.

Epica: foto original de Simone Simons nua em capa é revelada?Religião: os rockstars que se converteram

Com uma sonoridade bem suja e viajada, os caras fazem uma mistura muito interessante e intensa de stoner, sludge e progressivo, com um "ar" setentista que cativa desde a primeira audição. O trabalho instrumental, embora simples, apresenta ótimas variações, e soluções harmônicas muito ricas e diversificadas, que tornam cada audição do álbum uma experiência das mais agradáveis. E o mais importante de tudo: sem nunca abrir mão do peso!

O vocalista Jason Shi também é um show à parte, com linhas vocais variadas e muito cativantes. No geral, o cara lembra muito uma versão mais agressiva e rasgada do mestre John Arch (ARCH/MATHEOS, ex- FATES WARNING), mas em vários outros momentos mostra que também domina os tons mais graves, como na melancólica "Blues for Bama".

Em sua maior parte, "Blood Drive" apresenta faixas diretas e pesadas, como nas ótimas "Avalanche", "Blood Drive", "Day's Work" (a melhor do álbum) e "Hawkeye". Mas há ainda momentos mais experimentais, como em "Earth Walk", "Children's Music", e na já citada "Blues for Bama", nas quais o quarteto dá mostras de todo seu talento e entrosamento.

Destaque também para a produção, propositadamente suja, e para a capa, retro e psicodélica como exige o estilo.

Se você curte bandas com uma sonoridade mais diversificada e intensa, e é fã de grupos como BARONESS e MASTODON, ou simplesmente curte boa música, independentemente de rótulos, eis uma banda que você precisa conhecer. Ah, e "Blood Drive" tem tudo para figurar entre os grandes discos lançados em 2013, sem dúvida.

Blood Drive - ASG
(2013- Relapse - Importado)

01. Avalanche (4:17)
02. Blood Drive (3:16)
03. Day's Work (4:21)
04. Scrappy's Trip (3:38)
05. Castlestorm (3:56)
06. Blues for Bama (4:22)
07. Earthwalk (4:12)
08. Children's Music (4:41)
09. Hawkeye (2:43)
10. Stargazin' (3:42)
11. The Ladder (4:03)
12. Good Enough to Eat (3:16)




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "ASG"


Epica: foto original de Simone Simons nua em capa é revelada?Epica
Foto original de Simone Simons nua em capa é revelada?

Religião: os rockstars que se converteramReligião
Os rockstars que se converteram

Max Cavalera: triste ver uma banda tão importante virar uma merdaMax Cavalera
Triste ver uma banda tão importante virar uma merda

Slayer: Kerry King fala sobre sua relação com religiõesHalloween: dez clássicos do Heavy Metal para curtir a dataSteve "Zetro" Souza: 5 álbuns favoritos de thrash metalMetallica: Justin Bieber diz ser um grande fã da banda

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.