Squash Bowels: apocalipse voltou e novamente está...apocalíptico!

Resenha - Grindcoholism - Squash Bowels

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Christiano K.O.D.A.
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


O apocalipse voltou e novamente está... apocalíptico! A energia emanada do trio polonês, formado por Artur "Paluch" Grassmann (vocal/baixo), Mariusz "Melon" Miernik (bateria) e Andrzej "Andy" Pakos (guitarra), permanece infernal e o Grindcore/Gore não demonstra evolução. Mas por se tratar de Squash Bowels, isso é totalmente louvável!
5000 acessosComo batizar a criança: os nomes de bandas mais estúpidos5000 acessosFotos de Infância: Pantera

Nessas catorze violências sonoras, muito bem gravadas por sinal, a bateria continua impiedosa, com 'blast beats' violentíssimos, enquanto os riffs são aquelas pedradas bem dadas na cabeça. O baixo faz a sua graça, colocando ainda mais peso no material, e finalmente, os urros parecem levemente mais trabalhados, com bastantes variações de guturais, rasgados e aqueles com efeitos típicos do Goregrind. Nesse aspecto, tudo ficou bem equilibrado e, por consequência, empolgante.

A porradaria é natural aqui, mas trechos mais extremos, como nos bumbos iniciais da faixa "Inclinations to..." são de meter medo! E se falarmos de "Steering", estaremos diante de uma das mais velozes músicas já compostas pela banda. Que absurda e linda!

Obviamente que tem outras maravilhas aqui, como a que abre o disco, "Tastelessness", excelente cartão de visitas, com todas as características matadoras do conjunto, mas por hora, citar essas três dá uma noção do nível de brutalidade aqui alcançado.

"Grindcoholism" é um álbum fenomenal, mas não conseguiu (por pouco) superar o espetacular e praticamente perfeito "Grindvirus", de 2009 (ler resenha em http://somextremo.blogspot.com.br/2011/05/squash-bowels-grindvirus.html), que tem uma produção levemente superior, mais 'na cara', embora ambos tenham sido gravados no mesmo local, o lendário Hertz Studio, no país natal do conjunto.

Previsivelmente, o álbum do grupo está entre os melhores de 2013. De fato, ele o torna um "Grindcoholic", num caminho sem volta. Se quebrar o pescoço de tanto bater cabeça e morrer, é bom que saiba que terá valido a pena.

Squash Bowels – Grindcoholism
Selfmadegod Records – 2013 – Polônia

http://selfmadegod.bandcamp.com/album/grindcoholism
https://www.facebook.com/squashgrind
https://myspace.com/squashbowels

Tracklist:

1. Tastelessness 02:09
2. Trap 01:30
3. The Theater 02:17
4. Surrender 03:33
5. The Second... 01:58
6. Inclinations to... 01:45
7. Grindcoholism 02:18
8. Steering 02:15
9. Naked Positive Act 02:03
10. La Mienta 02:41
11. Compassions 01:58
12. Litany Of Hungry 02:37
13. Foreign Will 01:31
14. Stigmatizing 03:07
Total: 31:42

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Squash Bowels"

Sem imaginação?Sem imaginação?
Os nomes de bandas mais estúpidos da história

Fotos de InfânciaFotos de Infância
Phil Anselmo, Dimebag, Rex Brow e Vinnie Paul

Roger MoreiraRoger Moreira
Resposta bem humorada a "crítica" no Agora é Tarde

5000 acessosRock In Rio: Freddie Mercury desdenhou dos artistas brasileiros em 19855000 acessosBayley, Wilson e Cherone: grandes erros na história de grandes bandas5000 acessosClassic Rock: os 50 maiores álbuns de rock progressivo5000 acessosJoão Gordo: Ed Motta tem razão, brasileiro não tem noção mesmo!5000 acessosMetal: os dez melhores guitarristas da atualidade5000 acessosSteven Adler: ele queria ser um Rockstar desde os treze anos

Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online