Orchid: uma mescla doom metal, stoner e occult rock

Resenha - Mouths of Madness - Orchid

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 7


Diante dos excessos de modernidade que assolam a música pesada nos últimos tempos, sempre que uma banda aparece com uma sonoridade mais retro acaba surpreendendo. A mídia enche de elogios, os fãs se alvoroçam, e a indústria apoia, mesmo sem muitas vezes levar tanto em conta a qualidade sonora do grupo. Contudo, felizmente, no caso o ORCHID, todo o falatório ao redor de seu nome faz sentido, pois a banda é realmente muito boa, como fica comprovado nesse seu segundo disco, que acaba de ser lançado por sua nova gravadora, a Nuclear Blast.

Metallica: sobre o que fala "For Whom The Bell Tolls"Scorpions: a história por trás da música "Wind of Change"

A sonoridade do grupo neste novo disco continua intacta, bem similar ao debut, ou seja, uma mescla doom metal, stoner e occult rock, além de muitos elementos e hard rock setentista, bebendo da fonte de bandas como BLACK SABBATH e CATHEDRAL.

Os riffs hipnóticos e diferenciados de guitarra, e as ótimas linhas vocais de Theo Mindell também continuam sendo os grandes destaques do som do quarteto, diferenciando a banda das demais do gênero. A produção sujíssima é outro ponto a ser mencionado, pois acaba por deixar o som da banda ainda mais nostálgico e retro.

Contudo, apesar de ser um bom disco, "The Mouths of Madess" no geral não é um disco tão marcante quanto "Capricorn", e por mais que seja de uma audição muito agradável, não é daqueles discos que você irá lembrar tempos depois de escutar, ao contrário do debut da banda, que traz faixas bem mais memoráveis.

Mas que fique claro: se você curtiu o debut, não terá dificuldades de gostar de "The Mouths of Madness", que, como dito, é um bom trabalho. Todavia, se você pretende ter um primeiro contato com a banda, recomendo começar por "Capricorn", um disco bem mais interessante e diferenciado.

The Mouths of Madness - Orchid
(2013 - Nuclear Blast/Scarecrow - Importado)

Tracklist:
1. Mouths of Madness
2. Marching Dogs of War
3. Silent One
4. Nomad
5. Mountains of Steel
6. Leaving It All Behind
7. The Loving Hand of God
8. Wizard of War
9. See You on the Other Side




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Orchid"


Metallica: sobre o que fala For Whom The Bell TollsMetallica
Sobre o que fala "For Whom The Bell Tolls"

Scorpions: a história por trás da música Wind of ChangeScorpions
A história por trás da música "Wind of Change"

Vitão Bonesso: A imensa coleção do apresentador do BackstageVitão Bonesso
A imensa coleção do apresentador do Backstage

Pink Floyd: tudo sobre Another Brick in the WallPink Floyd
Tudo sobre "Another Brick in the Wall"

Guns N' Roses: Perguntas e respostas e curiosidades diversasGuns N' Roses
Perguntas e respostas e curiosidades diversas

Queen: fãs de metalcore mostram que mosh em Bohemian Rhapsody é possívelQueen
Fãs de metalcore mostram que mosh em "Bohemian Rhapsody" é possível

Led Zeppelin: ex-presidente Bill Clinton tentou reunir a bandaLed Zeppelin
Ex-presidente Bill Clinton tentou reunir a banda


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336