Sideburn: disco promete fazer a banda galgar passos mais largos

Resenha - IV Monument - Sideburn

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá, Tradução
Enviar Correções  

8


Apesar de praticamente desconhecida e sem o respaldo de uma grande gravadora, o SIDEBURN tem uma carreira bem regular até o momento, praticando um estilo bem diferente do que o comum em seu país natal, a Suécia. E agora os caras chegam a seu quarto e melhor disco, que tem tudo para finalmente fazer a banda galgar passos mais largos em sua promissora carreira.

Para quem ainda não conhece o SIDEBURN, os caras praticam um stoner/doom metal bem pesado e vigoroso, repleto de influências de blues e hard rock setentista, com uma sonoridade bem suja e direta, e que agrada facilmente os apreciadores do estilo, com influências diretas de BLACK SABBATH, DEEP PURPLE, CANDLEMASS, CATHEDRAL, RAINBOW e LED ZEPPELIN.

publicidade

Além de ótimas guitarras e grandes arranjos, um dos maiores diferencias do som da banda são os vocais de Jani Kataja, que possui um timbre agradabilíssimo, seja nos momentos mais agitados e rápidos, seja nos mais calmos e ambientais.

Todas as faixas do disco são bem longas, em sua maioria ultrapassando os seis minutos de duração, mas não se tornam cansativas, devido à beleza dos arranjos criados, e das variações harmônicas presentes em quase todo interregno do material.

publicidade

Dentre os destaques do material, cito a excelente "Diamonds", uma típica faixa de abertura de discos de música pesada, bem rápida e intensa; "The Last Day", um "doomzão" de causar inveja aos mestres do CANDLEMASS, com riffs arrastados e uma melancolia de assustar; "Silverwing", repleta de variações e psicodelia; e "The Saviour", pesadíssima, e que remete aos anos do SABBATH com o saudoso mestre R. J. Dio.

publicidade

Portanto, se você gosta de uma sonoridade mais suja, agressiva e retro, que bebe diretamente da fonte dos primórdios da música pesada, eis aqui uma banda que tem tudo para lhe agradar, e que volta com tudo para finalmente buscar um maior destaque na música pesada. E se depender desse seu quarto monumento, tem tudo para conseguir!

IV Monument - Sideburn
(2012 – Transubstans - Importado)

publicidade

1. Diamonds (6:04)
2. Fire And Water (6:08)
3. Tomorrows Dream (4:07)
4. Crossing The Lines (6:25)
5. The Last Day (7:05)
6. Silverwing (7:26)
7. The Saviour (6:51)
8. Bring Down The Rain (5:10)
9. Monument (7:43)




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


System Of A Down: Daron Malakian ensina como ser músicoSystem Of A Down
Daron Malakian ensina como ser músico

Mini Iron Maiden: tocando Ghost Of The Navigator na escolaMini Iron Maiden
Tocando "Ghost Of The Navigator" na escola


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin