Sideburn: disco promete fazer a banda galgar passos mais largos

Resenha - IV Monument - Sideburn

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Junior Frascá, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 8

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Apesar de praticamente desconhecida e sem o respaldo de uma grande gravadora, o SIDEBURN tem uma carreira bem regular até o momento, praticando um estilo bem diferente do que o comum em seu país natal, a Suécia. E agora os caras chegam a seu quarto e melhor disco, que tem tudo para finalmente fazer a banda galgar passos mais largos em sua promissora carreira.
5000 acessosSeparadas no nascimento: Pitty e Amy Winehouse5000 acessosEmo: gênero que todos amam odiar sem conhecer absolutamente nada

Para quem ainda não conhece o SIDEBURN, os caras praticam um stoner/doom metal bem pesado e vigoroso, repleto de influências de blues e hard rock setentista, com uma sonoridade bem suja e direta, e que agrada facilmente os apreciadores do estilo, com influências diretas de BLACK SABBATH, DEEP PURPLE, CANDLEMASS, CATHEDRAL, RAINBOW e LED ZEPPELIN.

Além de ótimas guitarras e grandes arranjos, um dos maiores diferencias do som da banda são os vocais de Jani Kataja, que possui um timbre agradabilíssimo, seja nos momentos mais agitados e rápidos, seja nos mais calmos e ambientais.

Todas as faixas do disco são bem longas, em sua maioria ultrapassando os seis minutos de duração, mas não se tornam cansativas, devido à beleza dos arranjos criados, e das variações harmônicas presentes em quase todo interregno do material.

Dentre os destaques do material, cito a excelente "Diamonds", uma típica faixa de abertura de discos de música pesada, bem rápida e intensa; "The Last Day", um "doomzão" de causar inveja aos mestres do CANDLEMASS, com riffs arrastados e uma melancolia de assustar; "Silverwing", repleta de variações e psicodelia; e "The Saviour", pesadíssima, e que remete aos anos do SABBATH com o saudoso mestre R. J. Dio.

Portanto, se você gosta de uma sonoridade mais suja, agressiva e retro, que bebe diretamente da fonte dos primórdios da música pesada, eis aqui uma banda que tem tudo para lhe agradar, e que volta com tudo para finalmente buscar um maior destaque na música pesada. E se depender desse seu quarto monumento, tem tudo para conseguir!

IV Monument - Sideburn
(2012 – Transubstans - Importado)

1. Diamonds (6:04)
2. Fire And Water (6:08)
3. Tomorrows Dream (4:07)
4. Crossing The Lines (6:25)
5. The Last Day (7:05)
6. Silverwing (7:26)
7. The Saviour (6:51)
8. Bring Down The Rain (5:10)
9. Monument (7:43)

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Side Burn"

Separadas no nascimentoSeparadas no nascimento
Pitty e Amy Winehouse

EmoEmo
Gênero que todos amam odiar sem conhecer absolutamente nada

Max CavaleraMax Cavalera
Explicando o que houve com seus dentes

5000 acessosSlipknot: Veja membros atuais sem máscara5000 acessosAngra: Aquiles detona ex-companheiros de banda em workshop5000 acessosQueen - Perguntas e Respostas5000 acessosDetonator: Mais compartilhado que o funk ostentação de MC Gui5000 acessosManowar: "Nunca fui fã e não gosto do Kiss" - diz Eric Adams5000 acessosReligiões: as guerras santas abordadas em letras de Heavy Metal

Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online