Texas Hippie Coalition: ampliando seus horizontes criativos

Resenha - Peacemaker - Texas Hippie Coalition

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Junior Frascá, Tradução
Enviar Correções  

9


Sem dúvidas, o TEXAS HIPPIE COALITION é uma das bandas novas mais legais da atualidade. E mesmo sendo este "Peacemaker" apenas seu terceiro registro, os americanos mostram uma tremenda evolução, mantendo intacta as características que os consagram, e ampliando ainda mais seus horizontes criativos.

De fato, a música dos caras continua pesada, direta e agressiva, no seu conhecido southern/groove metal, misturando influências que vão de PANTERA e BLACK LABEL SOCIETY até LYNYRD SKYNYRD e THE DOOBIE BROTHERS. Mas logo nas primeiras audições podemos perceber que as faixas estão melhor estruturadas, mais pesadas e ainda mais cativantes. Não que os discos anteriores do THC sejam ruins, muito pelo contrário, mas a verdade é que "Peacemaker" possui é mais regular durante todo seu decorrer, não tendo aquelas quedas de rendimento comum não maioria dos discos que vemos por ai, sendo, portanto, o melhor trabalho da banda até o momento.

publicidade

Com riffs pesadíssimos e repletos de groove (vide a fantástica "Damn You to Hell", no melhor estilo PANTERA clássico), uma cozinha reta mais precisa, e os vocais marcantes e sujos de Big Dad Ritche, o som dos caras é daqueles que chamam a atenção de qualquer apreciador da boa música, e que curte algo mais sujo e direto, mas sem nunca deixar a agressividade de lado.

publicidade

Não temos aqui nenhum hit imediato como "Pissed Off and Mad About It", mas as 11 faixas apresetadas são excelentes, e merecem uma conferida mais apurada.

A produção mais uma vez é fantástica, e a cada riff parece que estamos levando um soco na cara, tamanho a qualidade sonora que sai dos falantes. E isso se aplica também para a balada "Think of Me", que foge completamente ao restante do álbum, mas possui belas melodias, e ótimos arranjos, e mostra toda a versatilidade de Big Dad.

publicidade

Portanto, amigo leitor, se você ainda não conhece o THC, deixe de ficar perdendo tempo, e confira uma das melhores bandas da atualidade, em seu melhor disco até o momento. Altamente indicado, seja qual for o estilo dentro da música pesada que você mais aprecia, e desde já na lista dos melhores discos de 2012.

publicidade

Peacemaker – Texas Hippie Coalition
(2012 – Importado)

Track List:

01 – Hands up
02 – Damn you to Hell
03 – 8 Seconds
04 – Outlaw
05 – Turn it up
06 – Wicked
07 – Don't Come Lookin'
08 – Sex & Drugs & Rock and Roll
09 – Paw paw Hill
10 – Peacemaker
11 – Think of me




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Wonder Years: O soundtrack do grande sucesso de público e críticaWonder Years
O soundtrack do grande sucesso de público e crítica

Led Zeppelin: por que Robert Plant não gosta de cantar Stairway to Heaven?Led Zeppelin
Por que Robert Plant não gosta de cantar "Stairway to Heaven"?


Sobre Junior Frascá

Junior Frascá, casado, é advogado, e apaixonado por heavy metal em todas as suas vertentes (em especial thrash, stoner, doom e power metal) desde seus 15 anos. Também é fã de filmes de terror e séries americanas, faz parte da equipe da revista digital Hell Divine e do site My Guitar, e é guitarrista da banda de metal tradicional MUD LAKE.

Mais matérias de Junior Frascá no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin