Black Sabbath: Obrigatório, se você acredita em duendes!

Resenha - Sabbath Bloody Sabbath - Black Sabbath

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Rodrigo Noé de Souza
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 10

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Desde sua criação, no dia 13 de Fevereiro de 1970 (numa sexta-feira!), o Black Sabbath virou o Rock de cabeça para baixo com riffs fúnebres de Tony Iommi, das letras sombrias do Geezer Butler e dos vocais jazzísticos de Ozzy Osbourne (antes dele estragar tudo por causa das bebedeiras!). Seus discos viraram peças obrigatórias para qualquer ex-hippie frustrado com aquela pregação de ¨Paz e Amor¨, extinta naquele fatídico festival de Altamont, durante a turnê dos Rolling Stones.
895 acessosBlack Sabbath: projeto Home of Metal chega a São Paulo5000 acessosNirvana: "Teoria é um desperdício de tempo", dizia Kurt

Após o bem sucedido Volume 4, Ozzy/Tony Iommi/Geezer Butler/Bill Ward trocaram o estudio Record Plant e se hospedaram em um castelo chamado Clearwell Castle, no País de Gales, também refugio de bandas como Deep Purple, Led Zeppelin e Rush.

Durante as gravações, o guitarrista acreditava que teria visto assombrações naquele recinto, como gnomos, duendes, gárgulas, ruídos, sombras, alem de pregar peças em seus companheiros.

Se for verdade ou não, o que temos certeza é que Sabbath Bloody Sabbath se tornou mais um clássico da banda. A faixa-título é obrigatória por causa dos riffs, alem de destacar Sabbra Cadabra, Who Are You (ambas com a ajuda do mago Rick Wakeman), Killing Yourself to Live e a instrumental Fluff (Iommi tocando piano e Harpiscord).

O guitarrista ainda tocou flauta em Looking for Today e Will Malone fez arranjos em Spiral Architect.

Sabbath Bloody Sabbath ficou em 4º lugar na Inglaterra e 11º nos EUA. Obrigatório, se você acredita em duendes!

Tracklist:

1-Sabbath Bloody Sabbath
2-A National Acrobat
3-Fluff
4-Sabbra Cadabra
5-Killing Yourself To Live
6-Who Are you?
7-Looking For Today
8-Spiral Architect

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Sabbath Bloody Sabbath - Black Sabbath

3027 acessosBlack Sabbath: Uma espiral que eleva a genialidade ao supremo5000 acessosResenha - Sabbath Bloody Sabbath - Black Sabbath5000 acessosTradução - Sabbath Bloody Sabbath - Black Sabbath

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Black SabbathBlack Sabbath
"Podemos fazer alguns shows pontuais", diz Iommi

895 acessosBlack Sabbath: projeto Home of Metal chega a São Paulo1894 acessosBlack Sabbath: veja unboxing da "The Ten Year War"1286 acessosDoom Metal: os 25 maiores álbuns do gênero0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Black Sabbath"

Lars UlrichLars Ulrich
A diferença entre o Purple, o Led e o Sabbath

Black SabbathBlack Sabbath
About.com elege os cinco melhores álbuns da banda

Heavy MetalHeavy Metal
As dez maiores bandas britânicas

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Black Sabbath"

NirvanaNirvana
"Teoria é um desperdício de tempo", dizia Kurt

Iron MaidenIron Maiden
Bruce Dickinson e sua preferência pelo Brasil

Classic RockClassic Rock
As 10 melhores baladas dos anos 80

5000 acessosMetal Sucks: os melhores álbuns de metal do século 215000 acessosMotorhead: perguntas dos fãs respondidas por Lemmy5000 acessosJohnny Depp: a banda que poderia ter desbancado o Guns5000 acessosTop 5: discos de metal nacional com nomes de outros estilos5000 acessosPedro Bial: chamando atenção para bumbum de Axl em 19915000 acessosDimebag Darrell: guitarra de Van Halen num caixão do Kiss

Sobre Rodrigo Noé de Souza

Nasci em 1984. Esse ano não é só o início de uma nova democracia, mas também é o ano em que vários discos foram lançados, como Powerslave (IRON MAIDEN), Stay Hungry (TWISTED SISTER), W.A.S.P., Don´t Break The Oath (Mercyful Fate), Slide It In (WHITESNAKE), 1984 (VAN HALEN), The Last In Line (DIO) e, o meu favorito de todos, Ride the Lightning (METALLICA). Sou um aficcionado por Metal, desde AC/DC e ZZ Top, até Anaal Nathrakh e Krisiun. Sou Jornalista, blogueiro, facebookeiro, o que for. Quem quiser saber o que eu escrevo, acessem meu blog: www.esporropublico.zip.net.

Mais matérias de Rodrigo Noé de Souza no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em junho: 1.119.872 visitantes, 2.427.684 visitas, 5.635.845 pageviews.

Usuários online