Krisiun: "The Great Execution" é um álbum definitivo

Resenha - Great Execution - Krisiun

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Christiano K.O.D.A.
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Quando soltaram na imprensa que o CD teria mais de uma hora de duração, a pergunta que não queria calar era: “Como esses caras conseguirão alimentar tanto tempo de música com criatividade, para não tornar o lançamento cansativo?”. E a resposta chega: com muita sustância, eliminando qualquer dúvida sobre a qualidade desse material.
118 acessosKrisiun: banda agradece e Ward conta como conheceu brasileiros5000 acessosBruce Dickinson: punks não sabem tocar e tem inveja do metal

“The Great Execution” é um álbum definitivo da Krisiun! Não que clássicos como “Black Force Domain” ou “Conquerors of Armaggedon” também não sejam, mas esse álbum consegue ir além. Os gaúchos continuam brutalíssimos e mais técnicos do que nunca e é preciso fazer uma observação: na realidade, eles NÃO amaciaram o seu som, mas sim INCORPORARAM partes mais trabalhadas à porradaria característica do trio, o que fez com que a duração do play ficasse grande assim. O resultado? Um trabalho praticamente perfeito, muitíssimo bem dosado! E esse acréscimo não soa como mero enfeite ou algum tipo de firula não. São boas passagens que realmente enriquecem as estruturas das composições.

Analisando faixa a faixa, percebe-se a desenvoltura extraordinária de cada uma delas. As alternações entre trechos mais e menos velozes trouxe ainda mais vida ao álbum. Além do mais, os riffs de Moyses Kolesne parecem ter sido criados para serem fixados na mente humana. Bem, e os solos dispensam comentários, não?

Alex Camargo mantém o gogó poderoso e capricha nos guturais, cada vez mais inteligíveis. E o vocalista manda muito bem no baixo, mas talvez uma distorção mais agressiva deixaria o resultado ainda melhor.

E Max Kolesne, um monstro que dita o ritmo dos petardos, continua endiabrado com seu estilo único de tocar bateria. É impressionante o que esse cara fez escola, só que sempre se sobressaiu e agora, em “The Great Execution”, isso fica ainda mais evidente. Como pode?

Como se não bastasse tantos aspectos positivos, o CD conta com participação do lendário João Gordo (Ratos de Porão) na canção mais direta do álbum – “Extinção em Massa”. De fato, esse som difere do restante do material, com um ritmo não tão comum executado pela Krisiun, com uma boa mistura de death, thrash e até hardcore. Absurda!

E para os headbangers pirarem de vez, a gloriosa Laser Company (www.lasercomanymusicstore.com.br) lançou a versão brasileira do disco com a faixa bônus dos sonhos dos fãs: uma regravação de “Black Force Domain”, o maior clássico do grupo, que ficou sensacional!

A Krisiun já tem uma sólida carreira e mesmo não precisando provar nada para ninguém, eles conseguiram produzir mais uma obra prima em sua discografia. O que? Ainda não adquiriu o seu disco??? Cara, em que mundo você vive??? Obrigatório!

Krisiun – The Great Execution
Laser Company – 2011 – Brasil
http://www.myspace.com/krisiun666

Track list:

1. The Will to Potency
2. Blood of Lions
3. The Great Execution
4. Descending Abomination
5. The Extremist
6. The Sword of Orion
7. Violentia Gladiatore
8. Rise and Confront
9. Extinção em Massa
10. Shadows of Betrayal
11. Black Force Domain (bônus)

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Great Execution - Krisiun

4504 acessosKrisiun: "Great Execution" é o "South Of Heaven" deles5000 acessosKrisiun: Banda continua um verdadeiro orgulho nacional!2259 acessosKrisiun: mais maduro e ainda mais competente em novo álbum2841 acessosKrisiun: Ratificando posição de destaque na cena extrema

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

KrisiunKrisiun
Banda agradece e Bill Ward conta como conheceu os brasileiros

565 acessosKrisiun: Alex fala com a revista Ultraje sobre novo álbum (vídeo)1102 acessosKrisiun: encerrada polêmica tour na Ásia762 acessosNerd Metal: Krisiun, Nervochaos; A intolerância vs Heavy Metal0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Krisiun"

Metal BrasileiroMetal Brasileiro
As 10 melhores bandas segundo o site OC Weekly

Bill WardBill Ward
Os dez discos de metal favoritos do baterista

Heavy MetalHeavy Metal
O homem tem que ser na vida o que prega no palco?

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Krisiun"

Bruce DickinsonBruce Dickinson
Punks não sabem tocar e tem inveja do Metal

Guitarras e BaixosGuitarras e Baixos
Perguntas e respostas sobre os instrumentos

Maquiagem, spikes e sorrisosMaquiagem, spikes e sorrisos
Conheça o Happy Black Metal

5000 acessosMetal Alemão: as 10 melhores bandas segundo o About.com5000 acessosOzzy Osbourne: os conselhos do Madman sobre masturbação5000 acessosSteve Vai: O dia em que ele foi humilhado por Chimbinha5000 acessosHeart: a suruba que não rolou com Alex e Eddie Van Halen5000 acessosTen Masked Men: versões Death Metal para hits pop5000 acessosRonnie James Dio: Analisando a sua poderosa voz

Sobre Christiano K.O.D.A.

Um cara diretamente ligado ao Som Extremo, fã de livros e filmes, formado em Imagem e Som, Publicidade e Propaganda e Jornalismo. Faz parte da banda de grindcore Prey of Chaos e tem um blog dedicado à música barulhenta. Enfim, alguém que faz da música sua vida.

Mais matérias de Christiano K.O.D.A. no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online