Crimfall: "Symphonic Blackened Folk Power Viking Metal"

Resenha - Writ Of Sword - Crimfall

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Renato Spacek, Fonte: ocaralhoa4.blogspot.com
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Symphonic Blackened Folk Power Viking Metal, esse sim seria o rótulo certo para o Crimfall, que passa por diversas subdivisões do Metal. Na primeira música podemos ver uma agressividade extra na guitarra, tanto na melodia do riff quanto, principalmente, no timbre, que além de sujo e pesado, parece estar expressando a raiva do guitarrista, remete bem a timbres típicos do Groove Metal, que logo contrasta com orquestras e, com a entrada de um poderoso e agressivo gutural, podemos ver um som extremamente bem feito e harmonioso, calcado num peso extremo.
5000 acessosDébil Metal: quando os fãs assustam os ídolos5000 acessosAstros do rock: o patrimônio líquido de cada um

Vocais femininos (um dos melhores vocais femininos que eu já escutei, diga-se de passagem) dão um toque totalmente singular e especial à banda, contrastanto com o peso e guturais agressivos. Em certas partes temos bases orquestradas magníficas guiadas pela melodia principal do violino, seguido de partes acústicas que lembram música celta e gritos bárbaros em coro.

Cáhceravga, uma pequena faixa acústica com vocais femininos, é seguida de músicas com mais ênfase no peso e na agressividade, um pouco mais puxadas para o Black Metal, mas sem deixar as atmosferas Folk e Viking e as orquestras de lado. Ainda mais épicas que as faixas anteriores, "Shackles Of The Moirai" e as seguintes são repletas de várias coisas, principalmente temáticas bastante épicas e mais peso do que as primeiras faixas do disco.

1. Dicembré - 01:43
2. Storm Before The Calm - 05:56
3. Frost Upon Their Graves - 05:31
4. Cáhceravga - 01:11
5. Shackles Of The Moirai - 05:01
6. The Writ Of Sword - 06:53
7. Geadgái - 04:35
8. Silver And Bones - 08:21
9. Son Of North - 05:49

Jakke Viitala - Guitar, Orchestration, Programming
Mikko Häkkinen - Vocals
Helena Haaparanta - Vocals
Miska Sipiläinen - Bass
Janne Jukarainen - Drums

Session members:
Olli Vänskä - Violin

Guest members:
Tapio Wilska - Vocals
Ville Seponpoika Sorvali - Vocals
Mathias "Vreth" Lillmåns - Vocals
Mathias Nygård - Vocals

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Crimfall"

Débil MetalDébil Metal
Quando os fãs assustam os ídolos

Astros do rockAstros do rock
O patrimônio líquido de cada um

Legião UrbanaLegião Urbana
A versão de Renato Rocha sobre a sua saída

5000 acessosEddie: a foto que supostamente inspirou Derek Riggs5000 acessosMegadeth: Dave explica por que não tocar "The Conjuring"5000 acessosSteve Vai: as 10 melhores faixas de guitarra na opinião dele5000 acessosSeparados no nascimento: John Lennon e Silvio Brito5000 acessosAC/DC: a história do nome e a idéia do uniforme de Angus5000 acessosValentina: roqueira é a primeira finalista do The Voice Kids

Sobre Renato Spacek

Brasiliense e amante do Metal, reside no exterior e tem preferência pelos subgêneros Folk, Power e Groove, mas não se limita a isso, pois também aprecia outros estilos tais como Thrash Metal, Hard Rock, Glam Metal, Death Metal e Black Metal, mas é bem seletivo com os dois últimos. É baixista e conheceu o Rock através do KISS, em 1999, entretanto sua banda preferida é o Dream Theater. Fã de Tolkien, adora os Estados Unidos e a Suécia.

Mais matérias de Renato Spacek no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online