Matérias Mais Lidas

imagemTestament está confirmado na edição brasileira do Summer Breeze, segundo jornalista

imagemA música do Raul Seixas com erro gramatical que parece um plágio mas é uma homenagem

imagemA dura bronca dos Titãs em Nando Reis durante gravação de "Titanomaquia"

imagemRick Wakeman relembra época em que o Yes abria show para o Black Sabbath

imagemRolling Stones: Keith Richards compara tocar com Brian Jones, Mick Taylor e Ron Wood

imagemShow do Dream Theater em São Paulo não será mais realizado no Pavilhão Pacaembu

imagemA reação de Stevie Ray Vaughan ao ouvir Jimi Hendrix pela primeira vez

imagem4 hits do Deep Purple cujos riffs Ritchie Blackmore já confessou ter copiado

imagemO hit dos Engenheiros sobre Humberto não querer ser guru dos jovens igual Renato Russo

imagemThin Lizzy e o álbum picareta de covers do Deep Purple que garantiu sua sobrevivência

imagemRob Trujillo presta tributo ao Rage Against The Machine após shows em Nova Iorque

imagemPor que o processo de composição da Legião Urbana e Engenheiros era tão diferente?

imagemRoger Waters sobre tocar Pink Floyd sem David Gilmour: "Não tenho problema algum"

imagemO arrependimento que David Bowie carregava em relação a Elvis Presley

imagemSolo de "Hotel California", dos Eagles, por pouco se perdeu para sempre


Stamp

Lucas Godoy: um álbum que prima pela diversidade

Resenha - Neverending Solutions - Lucas Godoy

Por Otávio Augusto Juliano
Em 08/08/10

Nota: 8

Confesso que quando recebi o novo CD solo do guitarrista brasileiro LUCAS GODOY para resenhar, pouco conhecia sobre o trabalho dele. Mas bastou colocar "Neverending Solutions" para tocar no aparelho de som e ir atrás de conferir a história do músico e alguns vídeos no YouTube, para confirmar que o Brasil está mesmo bem servido quando falamos em guitarristas.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

LUCAS GODOY é formado pela EM&T (Escola de Música e Tecnologia), com especialidade em Fusion (estilo que representa uma mistura de Jazz com Rock principalmente) e fez parte da banda de Thrash Metal, THRAM, ao lado de seu irmão Gabriel Godoy. Hoje é consultor da Line 6, marca especializada em amplificadores, processadores de efeitos, dentre outros acessórios para músicos.

Agora LUCAS GODOY lança seu primeiro trabalho solo, resultado de composições e idéias que surgiram anos atrás, inclusive na época do THRAM, mas que não foram aproveitadas naquele momento, por não se encaixarem ao estilo da banda, como declarou o próprio músico em seu site oficial.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Neverending Solutions" é um álbum que prima pela diversidade, com variação de uma canção para outra – a faixa seguinte não segue definitivamente a mesma linha da faixa anterior e as influências variam de METALLICA a STEVE VAI. Tem-se ótimas baladas instrumentais em "Blurry Thoughts" e "Confunsing Math" e um som mais pesado em "Suicide Thoughts", a mais Heavy Metal do álbum, "Biohazard", que tirando o suspense da sua introdução, acelera e apresenta riffs metaleiros, além de "First Blood".

Outra que merece destaque, por ser uma das mais interessantes do álbum é "The Second Path", com muitas alternâncias de cadência e um riff inicial marcante, que lembra o som tirado por JOE SATRIANI, em especial na canção "Summer Song", do álbum "The Extremist".

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Discos instrumentais de guitarra, daqueles em que todas as músicas se parecem e não há diversidade, tendem a ser entediantes e chatos, só agradando mesmo o próprio artista e quem toca o instrumento. Em "Neverending Solutions" tem-se exatamente o contrário e é por isso que o CD agrada bastante, até mesmo pessoas que não sejam guitarristas como eu, mas que curtem boas melodias e canções que transmitam sentimento, ainda que compostas somente de parte instrumental, sem vocal.

Para a gravação do álbum, LUCAS GODOY contou com a participação de seus parceiros de THRAM, seu irmão já citado Gabriel Godoy no baixo e Marcus Dotta na bateria. E teve também a ilustre companhia do baixista Luis Mariutti (ANGRA, SHAMAN, ANDRE MATOS), o que proporcionou um "peso extra" nas 3 músicas que gravou (não por mera coincidência, justamente aquelas citadas nesta resenha como as mais pesadas do álbum).

Como consegui viver de Rock e Heavy Metal

Mais informações sobre o músico e sobre como comprar o disco em: http://www.lucasgodoy.com.

Contato: [email protected]
MySpace: http://www.myspace.com/lucasgodoy

Banda:
Lucas Godoy – guitarras e teclado
Gabriel Godoy – baixo
Luis Mariutti – baixo
Marcus Dotta – bateria

Track List:
1. Biohazard
2. The Second Path
3. Blurry Thoughts
4. Suicide Thoughts
5. First Blood
6. Confusing Math
7. Anywhere But Home
8. Miserable Hopes
9. End Of The Infinite

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net



publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Mick Jagger: em cerimônia na escola do filho em São Paulo

Oh, não!: clássicos do Rock Heavy Metal e que foram "estragados" pelo tempo


Sobre Otávio Augusto Juliano

Otávio é paulistano, tem 29 anos e faz algo nada a ver com o Rock: é advogado. Por gostar muito de música e não possuir talento algum para tocar instrumentos musicais, tornou-se um comprador compulsivo de cds. Sempre interessado em leitura ligada ao Rock e Metal, começou a enviar algumas pequenas colaborações para a Whiplash e hoje contribui principalmente com textos relacionados ao Hard Rock, estilo musical de sua preferência. De qualquer forma, é eclético e não dispensa álbuns de todas as demais vertentes do Metal, sendo fã incondicional de W.A.S.P., Mötley Crüe e dos trabalhos do guitarrista Steve Stevens.

Mais matérias de Otávio Augusto Juliano.