Dirty Sweet: sobrevivendo com folgas ao segundo disco

Resenha - American Spiritual - Dirty Sweet

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Daniel Silva
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Com "American Spiritual", lançado no dia 6 de abril pela Acetate Records, o Dirty Sweet deixa de ser promessa para se tornar realidade. O segundo disco é uma prova pela qual os grupos que se destacam têm de passar e muitos deles se perdem nessa hora. E o Dirty Sweet passou com sobras por essa fase, mostrando que o quarteto não está para brincadeira.

5000 acessosOs Headbangers não praticantes5000 acessosSeparados no nascimento: Ronnie James Dio e Roberto Carlos

"American Spiritual" é infinitamente superior ao trabalho de estreia, "...Of Monarchs and Beggars" (2007). Mais diversificado e maduro, o álbum foi produzido por Doug Boehm, que conseguiu capturar a magia dos anos 70 e deixar o som com um ar moderno ao mesmo tempo.

Tirando a capa, que é horrorosa, o novo disco é perfeito do início ao fim. Rock and roll simples, sem frescuras, para ouvir até o fim e repetir a audição.

Dois clipes imperdíveis foram filmados para promover "American Spiritual". Em "You've Been Warned", a banda está em um quarto para loucos. Em "Marionette", a cena se passa no faroeste.

Não tem pra ninguém. O grupo de San Diego formado em 2003 por Ryan Koontz (vocal), Nathan Beale (guitarra), Christian Schinelli (baixo) e Chris Mendez-Vanacore (bateria), faz o melhor rock da atualidade. E isso diz muita coisa.

Tracklist
1 - Rest Sniper, Rest
2 - You've Been Warned
3 - Star-Spangled Glamour
4 - Get Up, Get Out
5 - Please Beware
6 - An Empty Road
7 - Kill or be Killed
8 - Marionette
9 - Crimson Cavalry
10 - You Don't Try
11 - American Spiritual

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Dirty Sweet"

OpiniãoOpinião
Headbangers não praticantes: radicalismo no Metal

Quase sósiasQuase sósias
A semelhança entre Ronnie James Dio e Roberto Carlos

Corey TalorCorey Talor
"Axl é um pau no cu e quem espera por ele é otário"

5000 acessosMetallica: o que rola nas playlists de James e Lars?5000 acessosIron Maiden: As 10 melhores músicas da atual formação5000 acessosDuff McKagan: as lembranças de quando tocou no Rock In Rio5000 acessosGuns N' Roses: os percalços de Chinese Democracy5000 acessosRudy Sarzo: turnê para salvar a vida de Ozzy Osbourne5000 acessosLemmy Kilmister: Enquanto isso, lá embaixo...

Sobre Daniel Silva

Jornalista, começou a ouvir música relativamente tarde (aos 14 anos), quando conheceu o Green Day. Depois de descobrir o Metallica e, principalmente, o Megadeth, a sua vida mudou. De um autêntico headbanger, passou a curtir todo o tipo de música quando realizou o seu TCC sobre bossa nova. Trabalha em um jornal de grande circulação em Santa Catarina.

Mais matérias de Daniel Silva no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online