Skitsystem: pouca duração e melodia, muito impacto

Resenha - Gra Varld Svarta Tankar - Skitsystem

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


Os nomes mais conhecidos desta matadora banda sueca provavelmente são Tomas Lindberg (voz e guitarra) e Adrian Erlandsson (bateria), que fizeram história com o Death Metal Melódico no saudoso At The Gates. Mas foi em 1994 que a dupla contatou Fredrik Wallenberg (guitarra e voz) e Alexander Höglind (baixo) e deram início a um projeto paralelo com uma proposta bem diferente da música (quase) extrema de suas bandas principais.

Slayer: "Não sei improvisar", diz Kerry KingNicko McBrain: pedal duplo é pra caras como Aquiles Priester

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A paixão pela fúria do Hardcore foi o que motivou o quarteto a montar o System Collapse, que posteriormente acabou levando a definitiva denominação Skitsystem. Foram liberando alguns EPs e Splits e, mesmo tocando irregularmente por bares e clubes, inclusive nos Estados Unidos e Canadá, os suecos foram arregimentando sua parcela de fãs e adquirindo contornos de um conjunto de verdade, e não o mero projeto secundário inicial.

Infelizmente este debut não traz a bateria de Adrian, que já não vinha conseguindo conciliar seu tempo em função de sua outra banda, o The Haunted. Para seu posto foi recrutado Kalle Persson (Dispense), e foi nestas condições que o Skitsystem gravou e liberou seu primeiro álbum, "Gra Varld/Svarta Tankar" em 1999, e que está chegando agora ao Brasil.

Bastante direto e, como alguns críticos já bem observaram, suas canções recuperavam parte do veneno, atitude e integridade que o Punk lamentavelmente foi perdendo ao longo dos anos que antecederam ao lançamento deste registro. Agressivo até o osso, o Hardcore fala alto e até mesmo há sutis pinceladas do Heavy Metal propriamente dito em algumas canções. Ou seja, há muito barulho por aqui!

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

São pouco mais de 30 minutos que honram a tradição em elaborar canções de breve duração e com o mínimo de melodias, tendo momentos de grande impacto como "I Suggan AV Erat Sverige", "Grå Värld", "Svarta Tankar", "Steget Efter" e "Extra Song" (minha preferida!). Em suma, o Skitsystem é bastante indicado a quem aprecia Asocial, Totalitar, Anti Cimex, Mob 47, Crudity e similares. Confira!

Skitsystem - Gra Varld/Svarta Tankar
(1999 / Distortion Records - 2007 / Cut Throat Records - nacional)

01. I Suggan AV Erat Sverige
02. Det Sociala Arvet
03. Pain, Death, Hate
04. Skrivet i Blod, Ristat I Sten
05. Grå Värld
06. När Ska Ni Fatta (II)
07. No Hope, No Future, No Second Chanse
08. Apati
09. Svarta Tankar
10. Steget Efter
11. Stars & Stripes = Scares & Strife
12. Sömnlös Skärseld
13. Missledd
14. Mina Ögon Har Äntligen Slutat Att Se
15. Extra Song

Homepage: www.skitsystem.net




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Skitsystem"


Slayer: Não sei improvisar, diz Kerry KingSlayer
"Não sei improvisar", diz Kerry King

Nicko McBrain: pedal duplo é pra caras como Aquiles PriesterNicko McBrain
Pedal duplo é pra caras como Aquiles Priester


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

Cli336x280 CliIL Cli336x280