Black Cobra: veia metálica bem mais evidente

Resenha - Feather And Stone - Black Cobra

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Formado em 2001 e tendo como base Los Angeles, o Black Cobra vem fazendo muito barulho pelo underground norte-americano e europeu desde que estreou com “Bestial” em 2006. O conjunto não tem um baixista em sua formação, é rigorosamente um duo onde Jason Landrian (voz e guitarra) e Rafael Martinez (bateria) agora retornam com “Feather And Stone”, um EP que apresenta algumas experimentações bastante positivas em sua música, outrora tão direta e ríspida.
5000 acessosGuitarras: as 15 músicas mais complicadas para tocar5000 acessosKiss FM: as 500 mais tocadas pela rádio em 2008

A maior diferença é uma veia metálica bem mais evidente, abordando gêneros como o Stoner, Doom e afins. O aparente minimalismo é compensado com folgas pela constante energia imposta pela dupla, que dispara vocalizações selvagens e gritos torturados. Os riffs são pesadíssimos e algumas vezes até mesmo desprovidos de melodias, além de um incrível desempenho de Martinez na bateria. Toda esta aura caótica fica muito bem representada por “Five Daggers”, “Below The Cusp”, “Dragon And Phoenix” e “Ascension”.

Em algumas canções há abordagens inesperadas, como em “The Sapphire Falcon”, com rudimentos de blues; ou com o sentimento do Thrash Metal surgindo em "Red Tide". O único momento descontraído fica por conta de “Thanos”, onde o Black Cobra segue por caminhos bem mais introspectivos ao encarar toda uma camada de psicodelia lamacenta, que naturalmente se contrasta com o que é proposto no restante do EP.

A audição é breve – são oito faixas que beiram os 25 minutos – mas tudo é tão barulhento que o ouvinte se sente cada vez mais atropelado, canção após canção. E o castigo não termina por aí, pois esta versão em digipack também apresenta uma seção de vídeos captados quando o Black Cobra se apresentou na Holanda em abril de 2007, no Roadburn Festival, cuja atuação ao vivo se mostra tão impressiva quanto em estúdio. Procure conhecer!

Black Cobra - Feather And Stone
(2007 / At A Loss Recordings - importado)

01. Five Daggers
02. The Sapphire Falcon
03. Below The Cusp
04. Thanos
05. Red Tide
06. Dragon And Phoenix
07. Ascension
08. Swords For Teeth

Vídeos ao vivo:
01. Five Daggers
02. El Doce de Octubre
03. Ascension

Homepage: www.blackcobra.net

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Black Cobra"

GuitarrasGuitarras
As 15 músicas mais complicadas para tocar

Kiss FmKiss Fm
As 500 mais pedidas na programação em 2008

FotosFotos
Confira 10 das mais curiosas no mundo do Rock - Parte 1

5000 acessosPlágio ou coincidência: trechos semelhantes no rock/metal5000 acessosPra convencer: dez álbuns de metal para quem não gosta de metal5000 acessosIron Maiden: veja Bruce abandonando o palco em 19995000 acessosRaul Seixas - Perguntas e Respostas5000 acessosMarcel Castro: De ingressos e tour-books a guitarras autografadas5000 acessosRegis Tadeu: "Roots" do Sepultura e o mimimi dos metaleiro troo

Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online