Matérias Mais Lidas

imagemRock in Rio: Pitty alfineta a produção do festival ao revelar qual seria sua exigência

imagemAnitta é a maior roqueira que existe hoje no Brasil, diz integrante do Titãs

imagemSérgio Moro elege banda clássica de Rock como sua favorita

imagemJoão Gordo compara anarcocapitalistas com quem acredita em terraplanismo

imagemBruce Dickinson revela qual é sua música preferida do Iron Maiden

imagemQuando Derico, do Programa do Jô, descobriu que Ian Anderson tocava tudo errado

imagemVídeo de clássico do Kiss é disponibilizado no canal oficial da banda

imagemRock in Rio libera ingressos extras e novamente dia do metal é único que não esgota

imagemPrika diz que fez "tudo errado" na primeira turnê da Nervosa, mas aprendeu lição

imagemNergal diz que vocalista do Arch Enemy é mais corajosa do que muito metaleiro homem

imagemA reação de Jimi Hendrix ao assistir King Crimson ao vivo

imagemGeddy Lee e Alex Lifeson tocam clássica do Rush em evento nos EUA

imagemAlice In Chains faz o primeiro show em três anos; confira setlist

imagemO hit da Legião que Renato Russo compôs para Cássia Eller e traz coincidência trágica

imagemNova Fã que descobriu Metallica por Stranger Things quer cancelar banda e reúne provas


Stamp

Winger: de volta, mas dando as costas ao Glam

Resenha - IV - Winger

Por Patrício duarte
Em 12/03/07

Quando alguém critica negativamente o género Glam Rock, existem boas probabilidades de usar Winger como arma de arremesso. As baladas melosas pela qual ficaram conhecidos, os sucessivos ataques que sofreram no seriado Beavis & Butthead e o advento do grunge na década de 90, em parte acabaram por acelerar a separação da banda.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

Winger "IV" marca portanto o regresso às lides da música e de uma maneira que ninguém esperava. Os autores de "Seventeen" apresentam-nos agora um disco conceitual em que a história contada se passa perante os olhos de um soldado. Será que o disco funciona? Sim, mas não é de fácil audição.

Pelo que tive oportunidade de ler em vários reviews as pessoas estão divididas. Os amantes do Glam ficaram muito desiludidos com este disco, pois a alegria que fazia parte deste género musical e por conseguinte dos álbuns desta banda desapareceu, para além disso não existem baladas radiofónicas. Por outro lado, aqueles que nem gostam deste tipo de sonoridades e que nem sentiam uma grande consideração por Winger admitem estar surpreendidos com este novo disco.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

De fato "IV" é um excelente álbum, daqueles que se vai descobrindo a partir de várias audições. Não existe nenhuma música que deva ser mencionada em especial, "IV" funciona como um todo e é essa a beleza do disco.

A voz de Kip Winger continua impecável e o trabalho de Reab Beach, que também assume funções de guitarrista no Whitesnake é brilhante.

Só há um senão neste disco, as letras com um sentido patriótico soam um pouco estranho aos ouvidos não-americanos. No entanto a música fala por si, "IV" é de fato um ótimo regresso do Winger. Que venham mais discos assim!

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Dream Theater 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Metallica: "Lars não é tão talentoso assim", diz Kip Winger

Guitar World: os 20 melhores álbuns de Hair Metal dos anos 80

Hair metal: os 50 melhores álbuns de todos os tempos, segundo a Rolling Stone

Guns N' Roses: a versão de Axl Rose sobre a separação

Metal: 16 músicas dos anos 80 para se escutar durante o treino