Matérias Mais Lidas

Nightwish: As 10 músicas que mudaram a vida de Floor JansenNightwish
As 10 músicas que mudaram a vida de Floor Jansen

Brian May: por que ele prefere tocar com moeda ao invés de palhetaBrian May
Por que ele prefere tocar com moeda ao invés de palheta

Dream Theater: James LaBrie grava Kickstart My Heart com banda do filhoDream Theater
James LaBrie grava "Kickstart My Heart" com banda do filho

Pink Floyd: os incríveis desenhos de uma inteligência artificial para músicas da bandaPink Floyd
Os incríveis desenhos de uma inteligência artificial para músicas da banda

Kurt Cobain: por que ele se sentia ofendido por bandas como Pearl Jam e Alice in ChainsKurt Cobain
Por que ele se sentia ofendido por bandas como Pearl Jam e Alice in Chains

Megadeth: Max Norman diz que Mustaine roubou seus créditos de produção em álbum famosoMegadeth
Max Norman diz que Mustaine roubou seus créditos de produção em álbum famoso

Alcione: Peguei Axl Rose logo pela cintura, ele me abraçou, me chamou de 'amazing'Alcione
"Peguei Axl Rose logo pela cintura, ele me abraçou, me chamou de 'amazing'"

Max Cavalera: Devemos usar nossa música como armaMax Cavalera
"Devemos usar nossa música como arma"

Metaleiro também ama: músicas escritas por bandas de metal que falam de amorMetaleiro também ama
Músicas escritas por bandas de metal que falam de amor

Lista: 15 músicas para quem vai passar o Dia dos Namorados sem companhia (mais uma vez)Lista
15 músicas para quem vai passar o Dia dos Namorados sem companhia (mais uma vez)

Gene Simmons: como Paul Stanley teve a ideia do nome KissGene Simmons
Como Paul Stanley teve a ideia do nome Kiss

Helloween: Michael Kiske realmente não gosta de heavy metal? Vocalista respondeHelloween
Michael Kiske realmente não gosta de heavy metal? Vocalista responde

Motorhead: 10 das frases mais marcantes de Lemmy KilmisterMotorhead
10 das frases mais marcantes de Lemmy Kilmister

Gojira: Meu objetivo é ser tão bom quanto Iggor Cavalera, diz bateristaGojira
"Meu objetivo é ser tão bom quanto Iggor Cavalera", diz baterista

Judas Priest: dez músicas essenciais para conhecer o trabalho da banda - Parte 1Judas Priest
Dez músicas essenciais para conhecer o trabalho da banda - Parte 1


Stamp
Pentral

Resenha - Gianoukas Papoulas - Panorâmica

Por Ricardo Seelig
Em 26/11/06

publicidade

Nota: 7

Gianoukas Papoulas é uma banda que, apesar do nome estranho, faz um som de fácil assimilação. Influenciados por Arnaldo Antunes, Titãs e pela fase atual do Skank, o grupo apresenta em seu debut quatorze canções repletas de apelo comercial.

O som não se limita só à trindade guitarra-baixo-bateria, incluindo um elemento que andou sempre de mãos dadas com o pop: o violão. A maioria das faixas é construída a partir de acordes de violão, evoluindo com a adição dos outros instrumentos. Ou seja: como a criação de toda canção pop deveria ser, mas que, em tempos onde novos recursos tecnológicos nascem todos os dias, está cada vez mais difícil de acontecer. Não sei quem disse, mas é uma verdade absoluta: uma música boa, de verdade, é aquela que, despida de seu arranjo, ainda assim mantém o seu apelo e a sua magia apenas com acordes de violão.

No meio disso tudo, faixas como "Dois Perdidos", "Igual", "Desilusão de Óptica", "Bom Rapaz" e "Na Sala da Justiça" se destacam. A ótima produção realça ainda mais a qualidade do trabalho, que não cansa, nem soa chato, em nenhum momento.

Não consigo dar maiores informações sobre o grupo porque o CD não traz mais nenhuma informação, nem ao menos um release, mas a verdade é que, se você gosta de um pop bem feito e fácil de ouvir, se encontrar este CD pelo caminho não deixe ele passar pela sua vida: compre.

Faixas:
1. Dois Perdidos
2. Nada na Cabeça
3. Volta e Meia
4. Igual
5. Panorâmica
6. Festa
7. Ela Se Foi
8. Desilusão de Óptica
9. Não Passa
10. Queda Livre
11. Bom Rapaz
12. Godzilla
13. Na Sala de Justiça
14. Outra Terça

http://www.gianoukaspapoulas.com.br

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Arte Musical
Blind Guardian
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Slipknot: Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Heavy MetalSlipknot
Corey Taylor explica porque o mundo pop não suporta o Heavy Metal

Anthrax: Scott Ian apresenta a solução para o Phil AnselmoAnthrax
Scott Ian apresenta a solução para o Phil Anselmo


Sobre Ricardo Seelig

Ricardo Seelig é editor da Collectors Room - www.collectorsroom.com.br - e colabora com o Whiplash.Net desde 2004.

Mais matérias de Ricardo Seelig.