Resenha - When Times Turn Red - Perzonal War

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Ben Ami Scopinho
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 8


Vindo da Alemanha e com 12 anos de atividades, o Perzonal War é ironicamente conhecido como a mais "Metallica" das bandas alemãs desde o lançamento de seus primeiros discos. Isso parece estar forçando este pessoal a procurar novos rumos, e "When Times Turn Red" são os primeiros passos bem sucedidos para isto.

Classic Rock: as 10 melhores baladas dos anos 80Monsters Of Rock 2015: conheça a loira que "deu um show" com o Steel Panther

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ainda percebe-se a influência do Thrash Bay Area, assim como a voz de Matthias 'Metti' Zimmer soa como James Hetfield em várias faixas. Mas os músicos estão explorando de forma bastante homogênea a agressão do Thrash com melodias mais melancólicas; os riffs ásperos são apoiados por uma seção rítmica de respeito e os solos são incríveis, porém tudo está mais refinado e envolto em uma aura contemporânea.

As 10 faixas são bem variadas, mas mantém uma linha coerente entre si. São inúmeros os destaques, desde a faixa-título e "Inferno", onde se percebem a influência mais direta do Metallica. "In Flames" (com ótima bateria), "The Unbeliever" e "5 More Days" são exemplos da fusão do Thrash com momentos de melodias pegajosas. Mas o maior distanciamento musical fica para "For The Last Time", quase gótica, com um Zimmer cantando de forma lamuriosa.

Para encurtar a história, há somente uma faixa que realmente não soa bem, e percebe-se que é proposital: "Hope Dies Last" torna-se irritante com seus trovões, chuva e guitarras de fundo pipocando intermitentemente entre as caixas de som durante vários minutos. Também há uma seção multimídia, com um vídeo-clip para "For The Last Time" e um making off bem legal da gravação deste belo registro.

O Perzonal War vem trabalhando sua música de forma a encontrar sua própria sonoridade e está conseguindo. Esta já é uma atitude louvável e "When Times Turn Red" é um disco digno de elogios, merecendo uma conferida cuidadosa.

Formação:
Matthias 'Metti' Zimmer - voz e guitarra
Sascha Kerschgens - guitarra
Sven Krautkramer - baixo
Martin Buchwalter - bateria

Perzonal War - When Times Turn Red
(2006 / AFM Records - Rock Brigade Records)

01. When Times Turn Red
02. In Flames
03. For The Last Time
04. The Unbeliever
05. My Conspiracy
06. New Age
07. Frozen Image
08. 5 More Days
09. Hope Dies Last
10. Inferno

Homepage: www.perzonalwar.de




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Perzonal War"


Classic Rock: as 10 melhores baladas dos anos 80Classic Rock
As 10 melhores baladas dos anos 80

Monsters Of Rock 2015: conheça a loira que deu um show com o Steel PantherMonsters Of Rock 2015
Conheça a loira que "deu um show" com o Steel Panther


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre Ben Ami Scopinho

Mais matérias de Ben Ami Scopinho no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336