Resenha - When Time Turns Red - Perzonal War

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar Correções  

8


A Alemanha é a terra da Copa 2006, do metal melódico... e do Perzonal War. Formado em 1996, e destoando de todo o estilo melódico que impera no metal germânico atual, a banda tem uma pegada que beira o thrash anos 80, mas especificamente o Metallica, afinal o vocalista e guitarrista Matthias Zimmer tem um timbre de voz muitíssimo similar a James Heatfield. Completam o time o guitarrista Sascha Kerschgen, ou baixita Sven Krautkramer e o baterista Martin Buchwater. Este é seu quinto CD de estúdio, e sua fixação pelo metal oitentista segue firme e forte, só que agora as coisas estão pre... quer dizer vermelhas!

Slash: "Só dá para exceder até certo ponto"

Fotos de Infância: Cliff Burton, do Metallica

Apesar da introdução celta (!) na faixa título, que abre o CD, o que se segue é uma pancadaria thrash bem anos 80, com guitarras no talo e uma influência achapante do Metallica (plágio?). "In Flames" já flerta com riffs mais modernos, e "The Unbeliever" traz uma sonoridade mais suave, aonde os vocais de Matthias funcionam muito bem.

No mais temos um bom disco de heavy metal oitentista sem muitas inovações, como nas ótimas "My Conspiracy", a moderna "Frozen Image" (os riffs estão maravilhosos) e quase harcore "Inferno" que encerra o CD. Comparações a parte, a banda mostra que é mais do que um clone de Metallica, embora a influência seja latente e possivelmente será muito complicado se desvincular disso.

Um bom CD, indicado para quem curte um som pesado, não tão original, mas bem feito e com garra.

Rock Brigade/Laser Company – 2006 (NACIONAL)

Site Oficial: http://www.perzonalwar.de




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Slash: Só dá para exceder até certo pontoSlash
"Só dá para exceder até certo ponto"

Fotos de Infância: Cliff Burton, do MetallicaFotos de Infância
Cliff Burton, do Metallica


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

adWhipDin adWhipDin