[an error occurred while processing this directive]

Matérias Mais Lidas


Summer Breeze 2024

Resenha - Rest In Sleaze - Crashdiet

Por Otávio Augusto Juliano
Postado em 23 de março de 2006

Nota: 10

Se não fosse pelo falecimento do vocalista Dave Lepard no último dia 20 de janeiro, o Crashdiet certamente teria um futuro promissor pela frente (a banda deve encerrar suas atividades após este acontecimento), pois apresentou um excelente Glam Rock em seu primeiro e único trabalho de estúdio, lançado somente no mercado europeu e japonês.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Em se tratando de Hard Rock e Glam Rock, não é novidade para ninguém que a Suécia tem apresentado ao mundo bandas de qualidade nos últimos anos (Hardcore Superstar, Backyard Babies e Gemini Five são alguns bons exemplos).

E o Crashdiet não fica atrás. Pelo contrário, aparece como uma das mais gratas surpresas. Sem dúvida alguma este álbum é um dos destaques de 2005 no gênero conhecido como 80`s Hair Metal. O som é empolgante, com riffs fortes, vocal rasgado (no melhor estilo Tom Keifer, do Cinderella) e energia de sobra.

"Riot In Everyone" é o cartão de visita do disco, demonstrando a força do som da banda. Todos os elementos que uma boa música de Glam Rock/Hair Metal precisa para fazer sucesso estão nela – refrão pegajoso, guitarras arrasadoras e muita, muita atitude. "Queen Obscene / 69 Shots", "Breakin` The Chainz", "Knokk `Em Down" e "Needle In Your Eye" também se sobressaem, embora o álbum num todo seja totalmente recomendável aos fãs do estilo.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - CLI
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Apesar de ser bem curto (10 faixas com pouco mais de 35 minutos no total), o CD é inteiramente bem produzido, esbanjando atitude e energia. Como é muito comum nos álbuns do gênero, uma balada não podia faltar: ela é "It`s a Miracle". Nem chega a ser tão lenta, mas é tocada de forma marcante e intensa, com um brilhante solo de guitarra e uma cadência bastante interessante.

A versão japonesa avaliada traz ainda duas faixas extras, "Riot In Everyone" versão demo e "Tomorrow", esta última destoando das demais, com uma gravação mais baixa e nem tão enérgica. Dois vídeos também fazem parte do material adicional disponibilizado ao público japonês.

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - DEN
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Uma pena que o vocalista e principal compositor da banda, Dave Lepard, tenha falecido tão cedo, levando o grupo, ao que tudo indica, a encerrar as atividades de forma tão precoce. Com certeza bastava uma turnê americana para o Crashdiet estourar pelo mundo todo. Qualidade musical os caras têm de sobra.

Por fim, vale ressaltar que como o álbum não foi lançado no mercado americano, tampouco no Brasil, quem quiser contar com este excelente (e provavelmente único) registro do Crashdiet na coleção, terá que desembolsar algum dinheiro a mais, pois tanto a versão européia quanto a japonesa não saem por menos de R$ 100,00, sob encomenda. Pelo menos garanto que vale cada centavo gasto...

CONTINUA DEPOIS DA PUBLICIDADE - GOO
Anunciar no Whiplash.Net Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal
Compartilhar no FacebookCompartilhar no WhatsAppCompartilhar no Twitter

Siga e receba novidades do Whiplash.Net:

Novidades por WhatsAppTelegramFacebookInstagramTwitterYouTubeGoogle NewsE-MailApps


Stamp

Stratosphere Project: O eco estrondoso da Via-Láctea fundindo-se nas dimensões ocultas

Perc3ption: A arte em situações extremas

"Here Comes The Rain", último registro do Magnum com Tony Clarkin, é mais um bom registro

Resenha - Nebro - Vesperaseth

Sepultura: Em plena forma e com mais um disco brilhante

Deep Purple: Who Do We Think We Are é um álbum injustiçado?

Deep Purple: Stormbringer é um álbum injustiçado?

Megadeth: recuperando a fúria que faltava


publicidadeAdriano Lourenço Barbosa | Airton Lopes | Alexandre Faria Abelleira | Alexandre Sampaio | André Frederico | Ary César Coelho Luz Silva | Assuires Vieira da Silva Junior | Bergrock Ferreira | Bruno Franca Passamani | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Alexandre da Silva Neto | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cláudia Falci | Danilo Melo | Dymm Productions and Management | Efrem Maranhao Filho | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Fabio Henrique Lopes Collet e Silva | Filipe Matzembacker | Flávio dos Santos Cardoso | Frederico Holanda | Gabriel Fenili | George Morcerf | Henrique Haag Ribacki | Jesse Alves da Silva | João Alexandre Dantas | João Orlando Arantes Santana | Jorge Alexandre Nogueira Santos | José Patrick de Souza | Juvenal G. Junior | Leonardo Felipe Amorim | Luan Lima | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Marcus Vieira | Maurício Gioachini | Mauricio Nuno Santos | Odair de Abreu Lima | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Ricardo Cunha | Richard Malheiros | Sergio Luis Anaga | Silvia Gomes de Lima | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Victor Adriel | Victor Jose Camara | Vinicius Valter de Lemos | Walter Armellei Junior | Williams Ricardo Almeida de Oliveira | Yria Freitas Tandel |
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp
Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Sobre Otávio Augusto Juliano

Otávio é paulistano, tem 29 anos e faz algo nada a ver com o Rock: é advogado. Por gostar muito de música e não possuir talento algum para tocar instrumentos musicais, tornou-se um comprador compulsivo de cds. Sempre interessado em leitura ligada ao Rock e Metal, começou a enviar algumas pequenas colaborações para a Whiplash e hoje contribui principalmente com textos relacionados ao Hard Rock, estilo musical de sua preferência. De qualquer forma, é eclético e não dispensa álbuns de todas as demais vertentes do Metal, sendo fã incondicional de W.A.S.P., Mötley Crüe e dos trabalhos do guitarrista Steve Stevens.
Mais matérias de Otávio Augusto Juliano.

 
 
 
 

RECEBA NOVIDADES SOBRE
ROCK E HEAVY METAL
NO WHATSAPP
ANUNCIAR NESTE SITE COM
MAIS DE 4 MILHÕES DE
VIEWS POR MÊS