Matérias Mais Lidas

imagemThin Lizzy e o álbum picareta de covers do Deep Purple que garantiu sua sobrevivência

imagemConheça o guitarrista brasileiro de 16 anos que estará no próximo clipe do Megadeth

imagemA inteligente estratégia de Prika para não perder gravadora na ruptura da Nervosa

imagemO hit dos Engenheiros sobre Humberto não querer ser guru dos jovens igual Renato Russo

imagemPor que o processo de composição da Legião Urbana e Engenheiros era tão diferente?

imagemBeatles: A música que Paul McCartney compôs para calar a boca de Pete Townshend

imagemRoger Waters sobre tocar Pink Floyd sem David Gilmour: "Não tenho problema algum"

imagemSteve Grimmett: vocalista do Grim Reaper morre aos 62 anos

imagemSons of Apollo une carisma e técnica em show no Rio com direito a piada de Mike Portnoy

imagemAs 10 músicas mais estranhas do Guns N' Roses, em lista do Ultimate Classic Rock

imagemDez clássicos do thrash metal que não foram gravados pelo "Big Four" - Parte I

imagemAs 10 melhores músicas "lado b" da carreira solo de Dio, em lista do Metal Injection

imagemAs obscuras músicas favoritas do Red Hot Chili Peppers de John Frusciante

imagemDream Theater: confira possível setlist dos shows da banda no Brasil

imagemMax Cavalera quer reunir formação original do Soulfly para turnê em 2023


Stamp

Resenha - Red, White & Crue - Motley Crue

Por Ben Ami Scopinho
Em 13/08/05

Nota: 7

Realmente, já perdi a conta de quantas coletâneas o Mötley Crüe lançou dos anos 90 em diante... O fato é que este registro vem para tentar manter novamente a banda em evidência no cenário nesta sua reunião com a formação clássica (Vince Neil na voz, Mick Mars na guitarra, Nikki Sixx no baixo e Tommy Lee na bateria) enquanto não colocam nenhum CD de inéditas no mercado, valendo mencionar que seu último álbum foi o apenas razoável "New Tatoo", de 2000.

Divulgue sua banda de Rock ou Heavy Metal

"Red, White & Crüe" ironicamente acabou saindo no Brasil como uma "coletânea da coletânea original", pois ao contrário da versão dupla importada, por aqui terminou como um único CD mesmo. É óbvio que os grandes clássicos do Mötley estão presentes, mas estas canções já eram esperadas e já constavam nos outros "best off" da banda. Portanto, infelizmente ficaram de fora algumas músicas muito interessantes.

Novidades? Pouca coisa. Como de praxe, algumas canções inéditas: "Sick Love Song" é uma delas e se aproxima da intensidade do som que se conhece do Mötley Crüe, com o velho Mick Mars mandando muito bem nas seis cordas e Vince cantando como nos bons tempos. Porém "If I Die Tomorrow" foge completamente da proposta da banda. Não que seja uma canção ruim, tem peso, etc e tal, mas apenas não é o Mötley que conhecemos. Também há algumas raridades, como "Black Widow" e "Bitter Pill", além de remixes para os clássicos "Home Sweet Home" e "Too Young To Fall In Love".

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

De resto, as músicas que fizeram esta banda chegar ao estrelato desde o começo de sua carreira, dando uma geral em todos seus álbuns de estúdio. Mesmo sendo canções bem simples, são cheias de energia e conseguem agradar mesmo depois de tanto tempo, inclusive "Hooligan´s Holiday", faixa com John Corabi na voz, do subestimado e auto-intitulado álbum de 1994.

É uma boa antologia. Porém, como foi citado acima, foram "limadas" muitas canções excelentes que nunca constaram nas retrospectivas anteriores, então a situação ficou meio embaraçosa. Enfim, se você não possui nada do Mötley Crüe, o hard rock de "Red, White & Crüe" até preenche esta lacuna. De resto, pode haver certa decepção.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

MÖTLEY CRÜE – Red, White & Crüe
(2005 – Universal)

01. Live Wire
02. Piece Of Your Action
03. Black Widow
04. Looks That Kill
05. Too Young To Fall In Love (Remix)
06. Shout At The Devil
07. Girls, Girls, Girls
08. Wild Side
09. Kickstart My Heart
10. Dr. Feelgood
11. Primal Scream
12. Home Sweet Home (´91 Remix)
13. Hooligan´s Holiday
14. Beauty
15. Bitter Pill
16. Hell On High Heels
17. If I Die Tomorrow
18. Sick Love Song

Homepage: www.motley.com

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Dream Theater 2022


publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Michael Sweet posta nude cristão para satirizar foto de Tommy Lee com a baqueta de fora

Tommy Lee posta nude novamente, porém, em versão meio "Romero Britto"

Tommy Lee postou uma foto com o "Dr. Feelgood" de fora

Dee Snider afirma que não usa teleprompter porque não matou o cérebro com drogas

Internet cai em cima de Vince Neil após flagra que mostra teleprompter em show

Ranking Crew: edição #2 do programa de álbuns ranqueados da Roadie Crew está no ar

Mötley Crüe: Tommy Lee revela em show ter quebrado quatro costelas

Nikki Sixx analisa o momento atual do rock and roll e diz que falta um pouco de sujeira

O motivo que fez Nikki Sixx sempre ser demitido de bandas cover

Iron Maiden: banda nunca quis virar mais um Motley Crue

Nikki Sixx: "eu mesmo me deixo doente"

Mötley Crüe: Axl Rose cogitou gravar cover de "Stick To Your Guns" nos anos 1980

Fotos de Infância: Gene Simmons, do Kiss

Marilyn Manson: ele removeu costelas para praticar autofelação?


Sobre Ben Ami Scopinho

Ben Ami é paulistano, porém reside em Florianópolis (SC) desde o início dos anos 1990, onde passou a trabalhar como técnico gráfico e ilustrador. Desde a década anterior, adolescente ainda, já vinha acompanhando o desenvolvimento do Heavy Metal e Hard Rock, e sua paixão pelos discos permitiu que passasse a colaborar com o Whiplash! a partir de 2004 com resenhas, entrevistas e na coluna "Hard Rock - Aqueles que ficaram para trás".

Mais informações sobre

Mais matérias de Ben Ami Scopinho.