Matérias Mais Lidas

Kiko Loureiro: a música que ele mais sofreu para aprender a tocar na guitarraKiko Loureiro
A música que ele mais sofreu para aprender a tocar na guitarra

Krisiun: Vocal do Satyricon é um cuzão, racista, me seguraram pra não bater neleKrisiun
"Vocal do Satyricon é um cuzão, racista, me seguraram pra não bater nele"

Helloween: Weikath fez as pazes com Andre Matos, que os achava escrotos e arrogantesHelloween
Weikath fez as pazes com Andre Matos, que os achava "escrotos e arrogantes"

Guns N' Roses: em 1988, as críticas de Axl Rose a bandas como Kiss e Iron MaidenGuns N' Roses
Em 1988, as críticas de Axl Rose a bandas como Kiss e Iron Maiden

Jon Bon Jovi: filho do cantor estaria namorando atriz que faz Eleven em Stranger ThingsJon Bon Jovi
Filho do cantor estaria namorando atriz que faz Eleven em Stranger Things

Judas Priest: por que eles não fizeram o mesmo sucesso que o Iron Maiden, segundo K.K.Judas Priest
Por que eles não fizeram o mesmo sucesso que o Iron Maiden, segundo K.K.

Deep Purple: a reação impagável de Joe Satriani ao ser chamado para tocar com elesDeep Purple
A reação impagável de Joe Satriani ao ser chamado para tocar com eles

AC/DC: Axl Rose atrasava para os shows com a banda? Chris Slade respondeAC/DC
Axl Rose atrasava para os shows com a banda? Chris Slade responde

Kiss: sem dinheiro, nada feito; por que Peter Criss não se envolveu no documentário?Kiss
Sem dinheiro, nada feito; por que Peter Criss não se envolveu no documentário?

Rock in Rio: Os cachês e exigências dos artistas na edição de 1991Rock in Rio
Os cachês e exigências dos artistas na edição de 1991

Jeff Beck: a inveja de Eric Clapton e o talento de Jimi HendrixJeff Beck
A inveja de Eric Clapton e o talento de Jimi Hendrix

Sepultura: por que voltas de Max e Iggor não fariam sentido hoje, segundo EloySepultura
Por que voltas de Max e Iggor não fariam sentido hoje, segundo Eloy

Skid Row: Bach critica o relançamento de Slave to The Grind em vinil..Skid Row
Bach critica o relançamento de "Slave to The Grind" em vinil..

Sepultura: garotada com vocalista de 9 anos grava Roots Bloody RootsSepultura
Garotada com vocalista de 9 anos grava "Roots Bloody Roots"

1994: 15 grandes trabalhos lançados por bandas de rock e metal no ano do tetra1994
15 grandes trabalhos lançados por bandas de rock e metal no "ano do tetra"


Monolito 2
Roça N Roll
Stamp

Resenha - Lullabies To Paralyze - Queens Of The Stone Age

Por Cristiano Viteck
Em 18/06/05

Quando o vocalista e guitarrista Josh Homme chutou o baixista Nick Olivieri para fora do Queens of the Stone Age no início de 2004, ninguém sabia ao certo qual seria o futuro da banda. Era o fim de uma parceria que teve início no começo da década de 90, quando ambos tocavam no grupo Kyuss, que acabou ficando para trás para dar vez ao Queens of the Stone Age, que nasceu em 1997 e no início do ano passado vivia o auge de sua carreira, ainda colhendo os frutos do terceiro álbum "Songs For The Deaf" (2002), o qual além de trazer o ex-vocalista do Screaming Trees, Mark Lanegan, cantando algumas faixas, ainda teve a honra de contar com Dave Grohl, que chegou para uma participação especial e acabou tocando bateria em todas as canções daquele álbum.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Com nomes de peso como esses e com as ótimas canções da dupla Homme/Olivieri como "No One Knows" e "Go With The Flow", o Queens of the Stone Age foi alçado ao posto de uma das mais importantes bandas da atualidade. Só que então veio a briga. Olivieri partiu, Mark Lanegan abandonou temporariamente o barco para cuidar de sua carreira solo e Dave Grohl voltou a se dedicar ao seu grupo Foo Fighters. Seria o fim do Queens of the Stone Age? "Lullabies to Paralyze", o novíssimo álbum da banda, está aí para garantir que não e, muito mais do que isso, para afirmar que o Queens of the Stone Age ainda vai dar muitas alegrias aos seus milhares de fãs espalhados pelo mundo.

Agora tendo ao seu lado Troy Van Leeuwen (guitarra), Alain Johannes (baixo) e Joey Castillo (bateria), Homme fez do Queens of The Stone Age um grupo para chamar de seu. Ele é dono da banda e se "Lullabies To Paralyze" é desde já um dos melhores discos do ano, é exclusivamente por mérito dele. Muitos segmentos da imprensa tentaram tachar o disco como perdido e sem rumo, principalmente ao compará-lo com o aclamado "Songs For The Deaf". É claro que "Lullabies To Paralyze" não supera o trabalho anterior, mas mesmo assim consegue manter a moral da banda lá nas alturas.

O disco é na verdade é uma viagem ao centro da mente insana de Josh Homme. Sombrio como os primeiros discos do Black Sabbath (tenho certeza que Ozzy e companhia estariam orgulhosos se tivessem gravado um disco como este na década de 70), "Lullabies To Paralyze", que significa "Canções de Ninar para Paralisar", parece um thriller de suspense de uma noite sem fim. O álbum abre com a sufocante "This Lullaby", que marca o retorno de Mark Lanegan para a banda emprestando o seu vozeirão rouco de uísque e tabaco para cantar sobre abandono e solidão. Mas é só o começo do seu pesadelo, que vai ganhando contornos cada vez mais escuros em canções como "Everybody Knows That You Are Insane", "Burn The Witch" e "You Got A Killer Scene There, Man". Assassinos, morte, bruxas, loucura... tudo isto está presente em "Lullabies To Paralyze", que se torna ainda mais aterrorizante com seus acordes arrastados, vozes sufocadas, gemidos abafados e arranjos sinistros. E é claro que como qualquer história de terror ou suspense sempre vem acompanhada de uma boa dose de erotismo, Josh Homme e seus novos colegas acertam em cheio em canções como "Skin On Skin" e, óbvio, na já clássica "Little Sister", que conta com um dos solos mais econômicos e legais gravados na história recente do rock. Se você conseguiu resistir a tudo isso, o Queens of the Stone Age lhe recompensa ao final com "Long Slow Goodbye", uma canção de redenção que te resgata das profundezas para onde você foi levado durante toda a audição de "Lullabies To Paralyze".

Sinistro, estranho e assustador. Este é o novo Queens of the Stone Age que chega para espantar qualquer urucubaca que possam ter jogado sobre a banda. Disco pra cabra macho. E então, ficou com medo ou vai encarar?


Outras resenhas de Lullabies To Paralyze - Queens Of The Stone Age

Resenha - Lullabies To Paralyze - Queens of The Stone Age

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Pentral
Arte Musical
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Josh Homme: As 10 melhores músicas (em 5 conjuntos distintos), pela Far Out MagazineJosh Homme
As 10 melhores músicas (em 5 conjuntos distintos), pela Far Out Magazine


Por pouco: 15 rockstars que quase partiram dessa para uma melhorPor pouco
15 rockstars que quase partiram dessa para uma melhor

Scott Weiland: As Top 10 bandas favoritas do vocalistaScott Weiland
As Top 10 bandas favoritas do vocalista

Noel Gallagher: Foo Fighters, Green Day e QOTSA fazem músicas chatasNoel Gallagher
"Foo Fighters, Green Day e QOTSA fazem músicas chatas"


Metallica: por que 9 entre 10 fãs odeiam Load e Reload?Metallica
Por que 9 entre 10 fãs odeiam "Load" e "Reload"?

Out: os 100 álbuns mais gays de todos os tempos segundo a revistaOut
Os 100 álbuns mais gays de todos os tempos segundo a revista


Sobre Cristiano Viteck

Cristiano Viteck é jornalista em Marechal Cândido Rondon (PR), apresentadordo programa Garagem 95, da Rádio Difusora FM, e assina a coluna de música Pédo Ouvido do jornal O Presente.

Mais matérias de Cristiano Viteck.