Matérias Mais Lidas

imagemTravis Barker, do Blink-182, é hospitalizado às pressas e filha pede orações

imagemVeja diz que David Coverdale só passa vergonha nas redes sociais

imagemKerry King explica por que não assumiu o posto de guitarrista do Megadeth

imagemIggor Cavalera diz que reunião da formação clássica do Sepultura seria incrível, mas...

imagemCuecão de couro: Rob Halford posa com suas "great balls of fire" em camarim

imagemAvenged Sevenfold e o álbum do Guns N' Roses que deveria ser mais valorizado

imagemQuando Jimi Hendrix chamou Eric Clapton para subir no palco e afinar sua guitarra

imagemMike Portnoy e a música do Rush que virou um grande sucesso do Guns N' Roses

imagemA resposta de John Lennon quando perguntado se retornaria aos Beatles em 1975

imagemO dia que fãs choraram por gás lacrimogêneo e Falaschi achou que estavam emocionados

imagemO dia que filhos dos Titãs foram retirados de show e Nando Reis quase foi preso

imagemNergal diz que Behemoth é mais que anti-religião e emociona-se com LGBTQ e aborto

imagemCinco músicas que são covers, mas você acha que são as versões originais - Parte 2

imagemCinco álbuns que serão lançados no segundo semestre de 2022 e merecem a sua atenção

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim


Stamp

Resenha - Nothing is Easy: Live at Isle of Wight 1970 - Jethro Tull

Por Rafael Carnovale
Em 09/06/05

Nota: 10

Esqueçam que a banda tocou aqui em 2004. Esqueçam os sucessos "Aqualung" e "Locomotive Breath". Este CD nos traz o Jethro Tull com apenas três álbuns lançados, ainda em sua fase mais crua e com Ian Anderson em alta profusão de idéias. O festival da Ilha de Wight, que ficou famoso por ser a última aparição de Jimi Hendrix, e que ainda teve o The Who e outras bandas de respeito, também teve como representante o Jethro, num "set" de 60 minutos. Este material raro foi resgatado, com qualidade de som razoável para boa e será lançado também em DVD. O Jethro vinha de seu terceiro álbum, "Benefit", e a banda estava em ótima fase.

Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva

"My Sunday Feeling" abre o CD com uma banda competente, a guitarra de Martin Barre soando poderosa e os vocais e a flauta de Ian como sempre dando o toque pessoal e inconfundível. "My God" periga de ser um dos momentos mais bonitos do CD, com o vocal de Ian soando fino e elegante, com uma banda fantástica (Clive Bunker na bateria, Glen Cornick no baixo e John Evan nos teclados). Os primeiros nuances progressivos começariam a aparecer em "With you There to Help me" e "To Cry you a Song" (se bem que o espectro musical do Jethro Tull é amplo demais para se ater em um só estilo).

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Ian se comunicava ativamente com a platéia (coisa que atualmente ainda faz mas com certo cuidado), e músicas como "Dharma for One" e "Nothing is Easy" brilhavam no palco da Ilha de Wight. O "medley" "We Used to Know/For a Thousand Mothers" fecha com maestria um grande show. Tudo que o Blind Guardian e o Rhapsody fazem hoje com toneladas de tecnologia já era feito aqui de maneira bem mais simplificada (sem alfinetar os fãs, as bandas são boas).

Um puta CD. Um puta show, que também sairá em DVD. Se você não comprou o cd ainda não me procure, pois o meu eu não vendo!!!!

Site Oficial: http://www.jethrotull.com

Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Material Cedido Por:
ST2 Music
http://www.st2.com.br
São Paulo (SP)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Jethro Tull: Ian Anderson não sabia tocar flauta


Câncer na língua: entenda a doença de Bruce Dickinson


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale.