Resenha - Freebird; The Movie - Lynyrd Skynyrd

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Ricardo Seelig
Enviar correções  |  Comentários  | 

Nota: 9

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

Uma das bandas mais cultuadas do rock, o Lynyrd Skynyrd tem uma história trágica. Dia 17 de outubro de 1977, apenas três dias após o lançamento do ótimo álbum "Street Survivors", que vinha na esteira do duplo ao vivo "One More From The Road", lançado no ano anterior e que consolidou o Skynyrd como um dos maiores nomes do rock americano, o avião da banda caiu a caminho de um show na Universidade de Lousiana, matando o vocalista Ronnie Van Zant, o guitarrista Steve Gaines e a sua irmã, Cassie Gaines, que fazia backing vocals para o grupo, além do manager Dean Kilpatrick.

1393 acessosLynyrd Skynyrd: banda processa ex-baterista e quer impedir filme5000 acessosMötley Crüe: a ousada tattoo de modelo paulista em tributo à banda


Lançado dia 08 de agosto de 1996, quase dez anos após o acidente, "Freebird - The Movie" é a trilha sonora do documentário homônimo, que conta a carreira do grupo intercalado com imagens de diversos shows (com destaque para a apresentação da banda no Knebworth Festival de 1976, abrindo para os Rolling Stones, onde tocaram em um palco em forma de língua e roubaram o show).

Todo o áudio de Knebworth foi restaurado pelo produtor Tom Dowd, o mesmo do clássico "One More From The Road", enquanto que as versões de "What's Your Name" e "That Smell", gravadas no Convention Hall de Asbury Park, em Nova Jérsei, precisaram de overdubs de baixo, o que levou o baixista Leon Wilkinson a refazer as suas partes em estúdio.

Contraditoriamente, o vídeo continua inédito no Brasil (na época do seu lançamento, o VHS podia ser encomendado diretamente pelo site oficial da banda), enquanto que o CD ganhou versão nacional logo após o lançamento americano, em 96.

Falar de um show do Lynyrd Skynyrd, o maior nome do southern rock, com a banda no auge, durante a turnê de um dos seus melhores álbuns, é covardia. O CD é um desfile de clássicos, e abre com "Workin' For MCA", seguida de "I Ain't The One" e de um dos destaques do disco, "Saturday Night Special", onde podemos sentir na pele todo o poder do paredão de guitarras formado por Gary Rossington, Allen Collins e Steve Gaines (só para constar: quando o Iron Maiden anunciou a volta de Bruce Dickinson e Adrian Smith ao grupo em 1999, Steve Harris declarou não lembrar de nenhuma banda que tenha feito algo relevante com três guitarras, com exceção do Lynyrd Skynyrd. O velho 'Arry sabe das coisas ...).

Como uma máquina do tempo que nos leva de volta para o passado, "Whiskey Rock-A-Roller" e a matadora "Travelin' Man" (outro destaque em um show repleto de pontos altos) fazem você se sentir no meio da multidão.

"Travelin' Man", aliás, merece um parágrafo a parte. Uma das melhores canções do grupo, tem a sua raiz em uma linha de baixo matadora de Leon Wilkinson, com as guitarras entrando aos poucos e se interligando completamente, como se, ao invés de três guitarristas, o Lynyrd Skynyrd tivesse apenas um, com seis braços tocando dezoito cordas. De arrepiar.

As versões de "What's Your Name" e "That Smell" presentes aqui, apesar dos overdubs já citados, estão comprometidas pela qualidade do áudio, o que é uma pena, porque, além de ótimas músicas, possuem um valor histórico muito grande, já que são um dos últimos registros ao vivo do grupo. Mas, mesmo assim, é um prazer incrível ouvir o solo inspiradíssimo de "That Smell", onde, mais uma vez, as guitarras de Rossington, Collins e Gaines formam uma parede sonora ao mesmo tempo poderosa e belíssima.

"Gimme Three Steps", a versão para "Call Me The Breeze" de J.J. Cale e "T For Texas (Blue Yodel No. 1)" abrem caminho para o encerramento sensacional do show, com os dois maiores clássicos do Skynyrd: "Sweet Home Alabama" e "Freebird".

Marca registrada do grupo, "Sweet Home Alabama" foi gravada como uma resposta a "Southern Man" de Neil Young (do álbum "After The Gold Rush", de 1970), crítica feroz do artista canadense ao comportamento racista dos estados do sul dos Estados Unidos, pivô de diversos conflitos raciais e local de origem de associações como a Klu Klux Klan. Essa música encerra o registro do show do grupo em Knebworth.

Já "Freebird" foi gravada em um estádio lotado durante o evento Day On The Green, no dia 03 de julho de 1977, e traz uma emoção palpável. Quem assistiu o vídeo lembra do estado do público, que parecia estar em transe coletivo enquanto a banda executava a música. Esse clima também pode ser sentido no registro em CD, onde o grupo toca o seu maior hino de maneira perfeita, com destaque para o pequeno solo improvisado pelo pianista Billy Powell e, é claro, para a guitarra de Allen Collins, que durante mais de seis minutos toca alucinadamente, em um dos maiores solos da história do rock.

Fechando o CD temos uma versão de "Dixie", canção que é considerada quase como um hino sulista, executada pelo artista Bruce Brown.

Quem quer entender o rock and roll e suas transformações em mais de cinqüenta anos de vida precisa conhecer certas bandas, certos álbuns e certas músicas. "Freebird - The Movie" mostra um dos maiores grupos dos anos setenta no auge, com a sua melhor formação (Ronnie Van Zant no vocal, Gary Rossington, Allen Collins e Steve Gaines nas guitarras, Leon Wilkinson no baixo, Billy Powell no piano e Artymus Pyle na bateria), tocando em um de seus últimos shows. Precisa de mais algum motivo para ter este disco?

Acho que não.

Faixas:
1. Workin' For MCA
2. I Ain't The One
3. Saturday Night Special
4. Whiskey Rock-A-Roller
5. Travelin' Man
6. Searching
7. What's Your Name ?
8. That Smell
9. Gimme Three Steps
10. Call Me The Breeze
11. T For Texas (Blue Yodel No. 1)
12. Sweet Home Alabama
13. Freebrid
14. Dixie - By Bruce Brown

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Lynyrd SkynyrdLynyrd Skynyrd
Banda processa ex-baterista e quer impedir filme

0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Lynyrd Skynyrd"

Slayer e TestamentSlayer e Testament
Mandando a "toca Raul" dos EUA em ensaio

Lynyrd SkynyrdLynyrd Skynyrd
A história e curiosidades de "Sweet Home Alabama"

Southern rockSouthern rock
Os 10 discos essenciais do estilo

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Lynyrd Skynyrd"

Mötley CrüeMötley Crüe
A ousada tattoo de modelo paulista em tributo à banda

MetallicaMetallica
Garoto de 10 anos destrói com Enter Sandman em programa de TV

Whiplash.NetWhiplash.Net
O site publica matérias pagas ou protege quem anuncia?

5000 acessosEm 16/08/1977: Morre Elvis Presley5000 acessosGuitarpedia: Os 10 riffs de guitarra mais complicados da história5000 acessosMetallica: os segredos de "Enter Sandman"5000 acessosO Diabo é o pai do Rock5000 acessosU2: banda manda caixa de cerveja Guinness pro alcoólatra Slash5000 acessosRockstars: publicação elege os 100 maiores ainda vivos

Sobre Ricardo Seelig

Ricardo Seelig é editor da Collectors Room - www.collectorsroom.com.br - e colabora com o Whiplash.Net desde 2004.

Mais matérias de Ricardo Seelig no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online