Resenha - Where Memories Combine - Cea Serin

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar correções  |  Ver Acessos


Estes já veteranos no cenário "prog-metal" norte americano, chegam ao seu segundo "full-lenght" (ainda na versão demo) mais atmosféricos do que nunca. Apesar da falta de informações acerca do nome das músicas e de qualquer dica sobre sites ou links, o trabalho se mostra de altíssimo nível.

Frances Bean Cobain: assustada com tatuagem de fãTwisted Sister: segundo Dee, "ser pobre e famoso é uma merda"

Faixas instrumentais se intercalam com momentos bem "prog", mas sem se esquecer do peso, lembrando muito o Fates Warning da época do álbum "Paralells". O vocalista tem um timbre muito agradável e o trabalho instrumental é de alto nível. Sobre os instrumentais, nota 10! Tudo bem colocado e criando um clima excelente para o ouvinte. Já as faixas com vocal se mostram bem calcadas no progressivo, mas com uma boa dose de peso, que as faz extremamente empolgantes. Como em "Embrancing the Abscence" e "That the tongue will incite" (esta com um vocal bem agressivo). Todas têm duração acima dos 6 minutos, sendo altamente recomendadas para fãs de "prog-metal", como na bela "For the Days Left Behind", uma das mais suaves, mas também a mais linda do cd.

Jay Lamm e Keith Warmann são os cabeças por trás dessa bela banda, e o estilo que desenvolvem foi denomidado como "Mercurian Metal". De fato não há como dizer o que o mesmo significa, mas é antes de tudo um belíssimo cd de "prog-metal" que irá agradar a fãs e não fãs do estilo. Pena que faltam informações.

Site oficial: http://www.angelfire.com/me/ceaserin




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Ceaserin"


Frances Bean Cobain: assustada com tatuagem de fãFrances Bean Cobain
Assustada com tatuagem de fã

Twisted Sister: segundo Dee, ser pobre e famoso é uma merdaTwisted Sister
Segundo Dee, "ser pobre e famoso é uma merda"

Jason Becker: O mais tocante desafio do balde de geloJason Becker
O mais tocante desafio do balde de gelo

Music Radar: Os melhores álbuns de Heavy Metal de todos os temposMusic Radar
Os melhores álbuns de Heavy Metal de todos os tempos

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1980Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1980

Slash: Adele é uma injeção no braço da indústriaSlash
"Adele é uma injeção no braço da indústria"

Ozzy Osbourne: quem manda no Black Sabbath é o Tony IommiOzzy Osbourne
Quem manda no Black Sabbath é o Tony Iommi


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.