Resenha - Homerun - Gotthard

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por OFICIAL FAN CLUBE BRASIL
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Homerun foi lançado em 2001 e é o sexto álbum dessa banda suíça que possui treze anos de existência.
348 acessosGotthard: banda lança vídeo de "Miss Me"5000 acessosKid Vinil: "Uns 10 mil vinis e mais uns 10 mil CDs!"

O álbum foi gravado durante todo o ano de 2000 no estúdio caseiro da própria banda, o Yellowhouse Studios em Lugano e teve a produção de Chris Von Rohr com o guitarrista Leo Leoni e a masterização a cargo de George Marino em N.Y (E.U.A).

Homerun é um álbum multi-platinado que alavancou ainda mais a carreira do Gotthard, levando a banda a por o pé na estrada fazendo uma extensa turnê com shows ao lado de mega bandas como Bon Jovi e AC/DC.

O line-up é composto pelo vocalista Steve Lee, o baixista Marc Lynn, o batera Hena Habegger e dois guitarristas, Leo Leoni e Mandy Meyer que são extremamente profissionais e não deixam dúvidas a respeito de sua competência.

A primeira faixa do track list é “Everything Can Change”, um som tocado com extrema maestria e pode ser considerado o grande hino do álbum. A seguinte “Take It Easy” é um cativante cover do ex-Duran Duran Andy Taylor numa versão vibrante e divertida. A número três é “Light In Your Eyes”, uma ótima música onde as comparações com o Bon Jovi são claras. Tanto na parte instrumental como nos vocais de Steve Lee, a banda incorporou a receita usada por Sambora & Cia na fase “Slippery...” agradando em cheio. “Heaven” é o grande sucesso do álbum. Uma linda balada que fez com que a banda se mantivesse por varias semanas no topo dos “charts suíços” e seu clipe constantemente sendo executado em vários canais de TV’s da Europa. “Lonely People” é uma calma balada acústica que tem em sua letra o ponto alto da música. “Eagle” se diferencia um pouco do álbum com sua levada reggae muito bem trabalhada com pesadas guitarras, percussões e um teclado épico muito legal ao fundo. “End Of Time” lembra muito a “Keep The Faith” do Bon Jovi, só que numa linha mais pesada e sem frescuras com um belo trabalho vocal de Steve Lee e a “quebradeira total” do restante da banda. “Say Goodbye” e “Reason To Live” são mais duas baladas, e possuem aqueles toques bem tradicionais das bandas de rock com refrões grudentos, vocais e solos que emocionam. A penúltima “Come Along” é o grande rock do álbum com um ritmo pulsante incorporado no velho espírito Rock’n Roll. A faixa título “Homerun” finaliza o álbum. Belíssima música com seis minutos onde a banda esbanja inspiração e emoção. Uma parte interessante dessa música é que em certo momento só se ouve o pulsar de um coração, e ao fundo trechos de canções de álbuns anteriores como One Life One Soul, Hush, Montain Mama, Free And Alive, Let It Rain num “revival” que tem tudo a ver com a temática da canção.

Menção especial para a qualidade do encarte e a arte da capa do CD demonstrada através do belo trabalho do designer gráfico Martin Hausler.

Homerun é um álbum altamente recomendado para quem quer ter em mãos um clássico recheado com grandes rocks e baladas.

Edilson Bruschi

Oficial Gotthard Fan Clube Brasil
gotthardbrasil@bol.com.br

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

348 acessosGotthard: banda lança vídeo de "Miss Me"0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Gotthard"

Rock And Roll Hall Of FameRock And Roll Hall Of Fame
10 bandas elegíveis para 2018

AdeusAdeus
O último show de 10 rockstars que morreram nesta década

Top 10Top 10
Músicas boas "escondidas" em discos não tão bons

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Gotthard"

Collectors RoomCollectors Room
A coleção de cerca de vinte mil títulos de Kid Vinil

BurzumBurzum
A polêmica história e filosofia de Varg Vikernes

Heavy MetalHeavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados no ano de 1981

5000 acessosUncut Magazine: fãs elegem as 10 melhores músicas do Pink Floyd5000 acessosFãs de Rock: você conhece o estilo de se vestir de cada um5000 acessosPorta dos Fundos: Andreas Kisser e a cobrança dos metaleiros5000 acessosMúsica ao Vivo: entenda como algumas casas estão a destruindo5000 acessosGene Simmons: Kiss, Bon Jovi, Maiden, e crianças africanas5000 acessosSlayer: fanático cristão chama "Repentless" de sujeira satânica

Sobre OFICIAL FAN CLUBE BRASIL

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online