Resenha - Spreading The Rage - Disbelief

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Thiago Sarkis
Enviar Correções  

9


Vamos àquela famosa pergunta: "vocês estão prontos?" É melhor que estejam, pois o Disbelief vem com tudo em seu quinto álbum, num death metal não convencional, mas definitivamente pronto para amassar miolos.

publicidade

Detesto a frase que escrevi acima, mas não desconsiderem, pois, apesar de ser tão clichê, funciona neste caso.

A banda alemã vem num pacote de violência e cumplicidade de imagem e som praticamente perfeito e, o qual, dificilmente terá um efeito negativo sobre os ouvintes.

As músicas são simples, conduzidas geralmente por harmonias cativantes, e raramente com uma variação surpreendente. O ponto forte é a evolução dos temas que vão te conquistando pela maneira crua, direta e raivosa, contando ao mesmo tempo com o ombro largo da produção de Andy Classen.

publicidade

É um risco dizer isso, mas eles soam como um death metal embalado pelo alternativo e rock ‘n’ roll. Incluindo aí solos bluesly, e uma versão bastante original para "Democracy" do Killing Joke.

Destacam-se também as músicas "To The Sky", "Addiction" e "It’s God Given".

É tudo tão sob medida que às vezes parece produzido em excesso. Contudo, é inegável que uma hora ou outra a violência desenvolta do álbum te pega de jeito, fazendo-te envolver com todo o trabalho.

publicidade

Site Oficial: http://www.disbelief.de

Formação:
Karsten Jäger (Vocais)
Olly Lenz (Guitarras)
Jan-Dirk Löffler (Guitarras)
Jochen Trunk (Baixo)
Kai Bergerin (Bateria)

Material cedido por:
Massacre Records – http://www.massacre-records.com
GmbH Rauheckstr. 10 D-74232 Abstatt
GERMANY
FAX: 00 49 (0)7062/64375
Email: [email protected]

publicidade




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Roadrunner: os álbuns mais desprezados de todos os temposRoadrunner
Os álbuns mais desprezados de todos os tempos

Ozzy Osbourne: Fim do Guns foi a maior tragédia do rockOzzy Osbourne
Fim do Guns foi a maior tragédia do rock


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.

WhiFin WhiFin WhiFin WhiFin