Resenha - Appetite for Destruction - Guns N' Roses

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Paulo Jr.
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.


Com certeza, um dos melhores álbum de hard rock dos anos 80. O disco de estréia do Guns N' Roses certamente é um dos mais populares da história do rock. Com grandes faixas, como "Welcome to the Jungle", "Nightrain", que se tornaram clássicos do grupo e do rock/hard rock. Outras menos pesadas como "Paradise City" e a histórica "Sweet Child O'mine", responsável por colocar o disco em primeiro lugar no mundo durante cinco semanas. O LP na época, vendeu cerca de 20 milhões de cópias, ganhando quinze vezes o disco de platina só nos Estados Unidos.
1565 acessosWagner Nascimento: Tocar como o Slash?? Muito fácil!!5000 acessosPensadores e autores que inspiraram o Heavy Metal: Friedrich Nietzsche

Axl Rose nos vocais, Slash e Izzy Stradlin nas guitarras, Duff Mckagan no baixo e Steven Andler na bateria, foi a primeira e melhor formação do grupo até hoje. Essa formação também destaca-se por ser a única a seguir o modelo mais pesado do grupo.

"Welcome to the Jungle" é uma abertura perfeita para o disco, pesada do início ao fim, um verdadeiro hard rock de primeira. Até hoje o Guns executa essa música em seus shows empurrado por um público fanático por esta faixa. Depois desta abertura estupenda, vem "It's so Easy", que é uma continuação do hard rock da primeira música, não deixando a peteca cair.

Depois vem "Nightrain", que na minha opinião é simplesmente a melhor música do Guns N' Roses. Um hard rock tão puro, que chega muito perto do heavy metal tradicional. Uma música que faz o ouvinte delirar, já no começo, com um ótimo riff de guitarra, que marca a introdução, e vai até o final, sempre com o mesmo peso. Nas duas músicas seguintes, "Out ta Get Me" e "Mr. Brownstone", se mantém o peso do início do disco, e com a mesma qualidade nota 10! São faixas indescritíveis, simplesmente demais.

Surgem, então, algumas mais lentas, como "Paradise City", que possuem uma linha bem hard no meio da música e "My Michelle", que pode ser considerada uma linha mais punk, só que com um início bem mais lento. "Think about You", mais uma típica do hard rock e por último "Sweet Child O'Mine", o maior sucesso do Guns. Para fechar bem o disco, "You're Crazy", "Anything Goes" e "Rocket Queen". As duas primeiras um bom hard rock com chegadas ao punk, um estilo que todos os integrantes do Guns admiram. A útlima, com certeza um heavy metal, que verdadeiramente mostra o lado mais pesado do Guns N'Roses.

Axl estreou mandando muito bem no vocal, em uma de suas melhores fases. Slash detona em todos os solos e Steven Adler é o verdadeiro baterista do Guns.

Enfim, uma obra impecável.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Outras resenhas de Appetite for Destruction - Guns N' Roses

5000 acessosGuns N' Roses: Um clássico definitivo do rock5000 acessosGuns N' Roses: Em meio a laquê, a brutal estreia em 19875000 acessosGuns N' Roses: o último grande álbum de rock feito a mão5000 acessosTradução - Appetite For Destruction - Guns N' Roses

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Guns N RosesGuns N' Roses
Banda vai comemorar 30 anos do "Appetite"

1565 acessosWagner Nascimento: Tocar como o Slash?? Muito fácil!!0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Guns N' Roses"

SlashSlash
Como surgiu a desavença com Paul Stanley

Axl RoseAxl Rose
Vídeo compila tretas em shows de 1988 a 1993

DJ AshbaDJ Ashba
"Não me vejo voltando ao Guns N' Roses nunca mais"

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDs0 acessosTodas as matérias sobre "Guns N' Roses"

Heavy MetalHeavy Metal
Autores que inspiraram o estilo: Friedrich Nietzsche

Judas PriestJudas Priest
A bizarra semelhança de Ian Hill e Stênio Garcia

Ivete SangaloIvete Sangalo
"Ouço muito SOAD, Linkin Park, Slipknot e Rush"

5000 acessosTotal Guitar: os melhores e piores covers da história5000 acessosReligião: os rockstars que se converteram5000 acessosAs I Lay Dying: Banda cristã explica a proximidade com o Behemoth5000 acessosNirvana: Bebê da capa de Nevermind planta tomates para viver5000 acessosCasamento homoafetivo: rockstars postam mensagens sobre decisão5000 acessosDavid Lee Roth: Cocaína, putaria e mais cocaína

Sobre Paulo Jr.

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online