Resenha - Live Hallelujah - Sammy Hagar and The Waboritas

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 10


Mr. Sammy Hagar já possuía uma carreira respeitada e conceituada, seja solo ou como integrante do Montrose, quando aceitou o convite de Eddie Van Halen para integrar o Van Halen nos idos de 1985. Muitos fãs acreditam que a entrada de Sammy transformou o Van Halen numa banda de arena qualquer, apesar da indiscutível qualidade de seus álbuns e da voz potente de Hagar, enquanto que muitos acham que Sammy deu ao Van Halen uma nova cara, sendo muito mais versátil que "Diamond" Dave Lee Roth. Apesar das divergências, a formação duraria 11 anos, com Sammy saindo em 1996, numa situação meio tumultuada, com rumores de um suposto retorno de Dave, que de fato aconteceu e durou alguns meses. Sammy então retornou para sua carreira solo, lançando o sério e instropectivo "Marching to Mars" em 1997. Mas, ao passar no México, Sammy descobriu o Cabo Wabo... um clube que ele criou e o qual mantém até hoje, por onde já passaram feras como Alice Cooper (que gravou lá seu cd ao vivo "Fistful of Alice") e o próprio Sammy, presença constante.

Em 13/10/1947: nascia Sammy HagarHeavy Metal: os maiores álbuns da história para os gregos

As coisas mudariam muito para Sammy. A postura séria dos tempos de Van Halen daria vez a um Sammy Festeiro e zoador, apoiado por uma banda competente, devidamente apelidados de Waboritas. Seguiriam-se três cd's e um DVD, aonde Sammy mostraria uma face mais compatível com o hard festejador dos anos 80, se mostrando um grande "performer" e um bruta gozador, como se pode ver no DVD "Cabo Wabo Birthday Bash". Este novo cd é nada mais que um registro da turnê de seu último cd "Not 4 Sale", cujo nome de uma música "Hallelujah" batiza o cd.

"Live Hallelujah" alterna faixas dos cd's mais recentes de Sammy como "Shaka Dobbie", "Deeper Kinda Love" , "Mas Tequila" (uma das mais diferentes, do cd "Red Voodoo") e "Deeper Kinda Love", todas com aquele hard-rock oitentista que Sammy sabe fazer muito bem, com clássicos mais antigos, como "Only One Way to Rock" e "Give to Live" (que o Van-Halen tocava ao vivo), a excelente "Heavy Metal" (tema do filme homônimo) e a bela "Eagles Fly", com Sammy na voz e violão.

É difícil apontar um destaque neste cd, pois o mesmo se mantém empolgante do começo ao fim, com os Waboritas se mostrando a banda que deve mesmo acompanhar seu vocalista. E alguns momentos se tornam especiais: Sammy recebe Michael Anthony (baixista do Van Halen) em "Dreams", "Right Now" (clássicos do Van Halen, tocados a exastão na MTV e rádios) e "pasmem!", Gary Cherone (seu substituto no Van Halen) para um dueto em "When It's Love" com direito a participação de M.Anthony e Pat Badger (ex-Extreme). É muito legal ouvir Sammy e Gary juntos, e notar como Gary é influenciado por Sammy. Fechando o cd, a faixa título "Hallelujah" aparece em versão estúdio, segundo Sammy, "porque eu queria lançar como single!".

Os Waboritas não são virtuosos, mas dão conta do recado com bastante eficiência e o material aqui selecionado ajuda muito, sendo de altíssima qualidade. Uma prova que sair do Van Halen só fez bem a Sammy Hagar, que vai muito bem obrigado. Imperdível.

Line Up:
Sammy Hagar - Vocal, Guitarras
Jesse Harms - Teclados
Vic Johnson - Guitarras
Mona - Baixo
Daiv Lauser - Bateria

Site oficial: http://www.redrocker.com

Lançado pela Sanctuary/Metal Is Records em 2003.


Outras resenhas de Live Hallelujah - Sammy Hagar and The Waboritas

Resenha - Live Hallelujah - Sammy Hagar and The Waboritas




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Sammy Hagar"


Em 13/10/1947: nascia Sammy HagarSammy Hagar & The Circle: banda lança filme experimental e clipe

Sammy Hagar: voltando a sobrar após convite a David Lee RothSammy Hagar
Voltando a "sobrar" após convite a David Lee Roth

Van Halen: David Lee Roth explica a diferença entre Sammy Hagar e eleVan Halen
David Lee Roth explica a diferença entre Sammy Hagar e ele


Heavy Metal: os maiores álbuns da história para os gregosHeavy Metal
Os maiores álbuns da história para os gregos

Simone Simons: Rammstein me faz querer mexer a bundaSimone Simons
"Rammstein me faz querer mexer a bunda"


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336