Resenha - Best Of - All GUN Years - Rage

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Alexandre Avelar
Enviar Correções  


Quando a gravadora GUN Records anunciou o lançamento desta coletânea, Peter "Peavy" Wagner, o "dono" do Rage, saiu falando cobras e lagartos, dizendo que não havia autorizado a coletânea, que não tinha nada a ver com a escolha das faixas, chegando inclusive a desaconselhar sua aquisição pelos fãs, alegando ainda que as melhores músicas do Rage foram gravadas quando a banda ainda fazia parte da Noise (de 1986 a 1994), antes de se transferir para a GUN em 1995.

publicidade

Eis que a tão polêmica coletânea finalmente chega às mãos dos fãs brasileiros, através da Louder Music, que também lançou os CDs que Running Wild, Grave Digger e UDO gravaram pela GUN.

A verdade é que, insatisfeito com os anos em que esteve vinculado ao contrato feito com a gravadora alemã GUN Records, obviamente nosso admirável "Peavy" acabou se excedendo em suas declarações, uma vez que falar mal de qualquer disco do Rage é uma tremenda injustiça. Embora a saída de Manni Schmidt (hoje a serviço do Grave Digger) tenha sido uma grande perda - afinal, com ele a banda gravou seus maiores clássicos - não se pode negar que Sven Fischer e Spiros Efthmiadis cumpriram sua tarefa com louvor, isso sem mencionar a formação que gravou o último disco pela GUN, Welcome To The Other Side, que conta com os tecnicamente perfeitos Victor Smolski e Mike Terrana.

publicidade

É lógico, portanto, que os fãs do metal tradicional com toques de power e thrash do Rage irão se deparar com um disco em que todas as músicas são ótimas, sendo que onze delas foram retiradas dos álbuns Black In Mind, End Of All Days, XIII, Ghosts e Welcome To The Other Side, outras duas foram incluídas como bônus em edições limitadas de Ghosts e XIII, e, para aqueles que apreciam a participação da orquestra sinfônica de Praga (a famosa "Lingua Mortis"), tem um medley no final, com mais de quinze minutos, incluindo mais cinco músicas.

publicidade

Enfim, este é um CD que, simplesmente, não dá para não ter. Sinto muito, Sr. "Peavy", quem mandou fazer trabalhos geniais na gravadora errada?




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


1988: 99 discos de rock e metal lançados há 30 anos1988
99 discos de rock e metal lançados há 30 anos

Anos 90: 10 shows pouco comentadosAnos 90
10 shows pouco comentados


Morreu Dormindo: as últimas horas de vida de Lemmy KilmisterMorreu Dormindo
As últimas horas de vida de Lemmy Kilmister

A História da Tatuagem: Forma de expressão artística há mais de 3.500 anosA História da Tatuagem
Forma de expressão artística há mais de 3.500 anos


Sobre Alexandre Avelar

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

WhiFin WhiFin WhiFin