Resenha - In The Name Of Rock - Mad Margritt

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Thiago Sarkis
Enviar correções  |  Ver Acessos

Nota: 9


O grupo norte-americano Mad Margritt foi corajoso ao escolher o nome "In The Name Of Rock" para o seu segundo álbum. Afinal, só pelo título o ouvinte já acredita que algo de muito bom esteja lhe esperando e, desta forma, a responsabilidade dos músicos passa a ser imensa.

Gorgoroth: As orientações sexuais e políticas de GaahlFãs de Rock: você conhece o estilo de se vestir de cada um

O que fica visível a cada faixa do álbum é que, além de coragem, os caras têm talento e são extremamente competentes. Honraram, sem dúvida alguma, o nome que deram ao primeiro lançamento que fizeram pela Delinquent Records.

Músicas pesadas, intensas, frenéticas, com variações bem interessantes e refrãos inesquecíveis que, definitivamente, grudam na mente. Além disso, ótimas baladas, com belíssimas melodias.

O destaque maior é o vocalista Eddie Smith, que mostra uma garra fenomenal aliada a uma voz estupenda. Nas baladas, ele nos apresenta um estilo próprio, marcante. Já nas músicas mais pesadas, Eddie faz verdadeiras "menções" a vocalistas que entraram para a história do hard rock, como Sebastian Bach. A citação feita não foi à toa. Apesar de trazer características de outras feras do estilo, Eddie Smith lembra mesmo é Sebastian Bach em seus momentos mais empolgantes, que chegam a passar aquela impressão de um cantor irado, fazendo até mais do que pode com suas cordas vocais.

A faixa que dá o título ao álbum é a melhor de todas. Tem todas as características já apontadas e mais algumas que só podem ser desvendadas por um verdadeiro fã de rock, em todas as suas vertentes. Do mais puro ao mais variado.

Infelizmente, existem falhas na produção. Não são coisas "brutais" mas chegam a incomodar.

Para quem quiser uma amostra do que essa excelente banda faz, aí vai um link para um arquivo mp3, com um trecho de vinte e oito segundos da faixa-título, localizado no site oficial do Mad Margritt:

Formação
Eddie Smith - Vocais e Guitarra
Michael V. Teeter - Guitarra
Skip Mullis - Baixo
Danny Belli - Bateria

In The Name Of Rock
Site Oficial http://www.madmargritt.com



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Resenhas de CDs e DVDsTodas as matérias sobre "Mad Margritt"


Gorgoroth: As orientações sexuais e políticas de GaahlGorgoroth
As orientações sexuais e políticas de Gaahl

Fãs de Rock: você conhece o estilo de se vestir de cada umFãs de Rock
Você conhece o estilo de se vestir de cada um


Sobre Thiago Sarkis

Thiago Sarkis: Colaborador do Whiplash!, iniciou sua trajetória no Rock ainda novo, convivendo com a explosão da cena nacional. Partiu então para Van Halen, Metallica, Dire Straits, Megadeth. Começou a redigir no próprio Whiplash! e tornou-se, posteriormente, correspondente internacional das revistas RSJ (Índia - foto ao lado), Popular 1 (Espanha), Spark (República Tcheca), PainKiller (China), Rock Hard (Grécia), Rock Express (ex-Iugoslávia), entre outras. Teve seus textos veiculados em 35 países e, no Brasil, escreveu para Comando Rock, Disconnected, [] Zero, Roadie Crew, Valhalla.

Mais matérias de Thiago Sarkis no Whiplash.Net.