Guitarpedia: você conhece a escala pentatônica?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Adrian Dragassakis, Fonte: Guitarpedia
Enviar correções  |  Comentários  | 

Você pode aprender muito sobre estes fatos e como a música se desenvolveu em aulas sobre história da Música em www.guitarpedia.com.br.

347 acessosInstrumentos estranhos: Motosserras, acordeons, berimbaus e mais5000 acessosBruce Dickinson: A estranha mensagem subliminar no nome do vocalista

A escala pentatônica (ou simplesmente “penta”) é uma das favoritas por diversos guitarristas, principalmente os improvisadores, principalmente de Rock e Blues. É uma das primeiras escalas que aprendemos quando começamos a aprender a tocar.

A escala pentatônica surgiu no Oriente, em uma região onde hoje localiza-se a China, por músicos que reuniram sons que não geravam dissonâncias (notas que quando tocadas juntas geram uma certa tensão). Estas sonoridades já eram conhecidas também na Grécia antiga, quando Pitágoras, em suas diversas pesquisas em relação à proporção de sons resultantes de uma corda, descobriu que se uma corda gerava uma nota "x" e esta fosse dividida ao meio, geraria a mesma nota porém uma oitava acima, ou ainda se dividida em 3 gerava um som que era uma quinta em relação ao som original (se o som original da corda era nota dó, a quinta nota em relação ao dó é o sol - Dó re mi fa sol).

Falando sobre como a música se desenvolveu no Ocidente, este ponto (extração de intervalos sobre uma corda por Pitágoras) é considerado o início formal da Teoria Musical, quando na Grécia Antiga os Músicos começaram a estabelecer um rigoroso sistema musical, com estruturas de escalas, intervalos, etc.

Voltando à escala pentatônica, as notas que a compõem são organizadas usando as sete notas da escala maior, dó, ré, mi, fa, sol, lá e si. Porém, devido à proximidade das notas mi para fa e si para a nota dó de meio tom, acaba por gerar dissonância entre estas notas, principalmente quando tocadas juntas. Por essa razão foram retiradas as notas fa e si desta escala, sendo formada a escala de 5 notas: do, re, mi, sol, la (surgindo daí, o seu nome, penta, 5 notas).

A escala pentatônica pode ser maior ou menor. A pentatônica maior contém 5 notas da escala maior, e a pentatônica menor contém 5 notas da escala menor.

Um dos principais desafios é aplicá-la por todo o braço do instrumento, com seus vários formatos e aplicar as frases da escala em tons diferentes.

Falamos um pouco da história e de teoria. Mas e na prática, como podemos aplicá-la?

O Guitarpedia fornece o curso Penta Pro, com videoaulas feitas por alguns dos professores mais experientes do país. Vale a pena dar uma conferida e curar de uma vez por todas todos os vícios do improviso. Improvisar e compor são uma prática possível para todos, pois além da criatividade, música exige conhecimento técnico. Afinal, aprender nunca é demais.

youtube player
Inscreva-se no nosso canalWhiplash.Net no YouTube

Conheça o Guitarpedia para saber mais sobre esse e outros assuntos!

https://guitarpedia.com.br/

5000 acessosQuer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

GuitarrasGuitarras
As mais caras da história do rock

347 acessosInstrumentos estranhos: Motosserras, acordeons, berimbaus e mais0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Instrumentos"

Heavy MetalHeavy Metal
50 dos mais famosos riffs em 18 minutos

Vinnie VincentVinnie Vincent
Ele mijava na guitarra quando bravo?

Cordas de guitarraCordas de guitarra
Veja em vídeo como elas são feitas?

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 25 de setembro de 2015

0 acessosTodas as matérias da seção Matérias0 acessosTodas as matérias sobre "Instrumentos"

Bruce DickinsonBruce Dickinson
A estranha mensagem no nome do vocalista

FamaFama
5 bandas que são grandes no exterior e nem tanto no Brasil

MetallicaMetallica
Veja como fica seu nome com o formato do logo da banda

5000 acessosSeparados no nascimento: Paul McCartney e Kiko do Chaves5000 acessosBruce Dickinson: curiosidades sobre a voz por trás do Iron Maiden5000 acessosMarduk: guitarrista tem pedaços do crânio de Dead5000 acessos"Master Of Puppets": membros de bandas comentam álbum3467 acessosGrammy 2016: Os indicados ao prêmio em 2016 nas categorias de Rock e Metal3074 acessosKreator: A promessa de um futuro melhor é uma mentira

Sobre Adrian Dragassakis

Nascido em 91, paulista, estudante de Jornalismo e músico nas horas vagas. Conheceu o Rock e o Metal com 11 anos de idade e até hoje carrega no sangue e nas veias bandas como Iron Maiden, Savatage, Dream Theater, Megadeth, entre outras...

Mais matérias de Adrian Dragassakis no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online