11/01/13 - Motorocker @ Festa do Capital do Rock (Brasília - DF)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Márcio Leal, Fonte: Midia.Com
Enviar correções  |  Comentários  | 

Evento passado. Acesse a Agenda de shows de Rock e Heavy Metal.


5000 acessosIron Maiden: as dez melhores músicas, segundo a Loudwire5000 acessosKiss: 15 bandas que abriram shows deles e se tornaram famosos

A banda de rock paranaense MOTOROCKER volta à capital federal nesta sexta-feira (11/01). E o motivo não podia ser melhor: eles vêm para comemorar junto com o público de Brasília os três anos de sucesso do projeto CAPITAL DO ROCK. “Não podíamos ter uma oportunidade melhor. Celebrar o classic rock com a banda que colocou 800 pessoas para cantar e dançar junto, quando se apresentou no projeto em junho do ano passado”, destaca Daniel Lemos, diretor da HOMEM DA MARRETA PRODUÇÕES.

Elogiado pelo próprio AC/DC, o Motorocker apresenta repertório com o melhor dos australianos e muito rock autoral dos dois álbuns da banda. E, pela primeira vez, eles vão apresentar em Brasília o novo sucesso, Estação das Almas, lançado no final do ano passado.

A festa, que acontece no Espaço Livre (Ascade), a partir das 22h30, ainda vai contar com show de abertura dos brasilienses da CELEBRATION BAND – A Led Zeppelin Tribute. E, nos intervalos, duelo nas picapes com os DJs MARASKIN (residente Capital do Rock) e THIAGO FREITAS (residente Homem da Marreta), com o melhor do rock’n’roll.

O Capital do Rock, realizado pela Homem da Marreta Produções, estreou em março de 2010. Ele acontece toda quarta-feira a partir das 21h, na Stadt Bier Cervejaria, e visa resgatar a vertente do rock’n’roll de Brasília – grande sucesso e repercussão nacional nos anos 70 e 80. “Estamos comemorando três anos de sucesso e já aproveitando para lançar a quarta temporada do projeto, que começa no dia 6 de fevereiro próximo”, destaca o DJ Thiago Freitas, que também é diretor da produtora.

MOTOROCKER

O MOTOROCKER nasceu em 1993 e começou como uma banda de rock que tocava suas próprias composições e também covers de artistas consagrados, como AC/DC e ZZ Top. A banda conquistou e atraiu muitos fãs devido à alta qualidade das apresentações e a energia no palco.

Eles poderiam ter parado por aí, mas resolveram investir na carreira autoral. Escreveram músicas novas e, com outras já prontas, lançaram em 2006, seu primeiro álbum, intitulado Igreja Universal do Reino do Rock. O disco contém músicas próprias, sendo cinco em português e cinco em inglês, sendo que uma delas é o clássico do AC/DC "Back in Black", cujos direitos de gravação foram cedidos pela banda australiana.

Partindo da idéia de que existem igrejas para todas as crenças, eles resolveram descrever a congregação dos seus sonhos, que reuniria quem curte o rock'n'roll e sua filosofia libertária. O disco foi muito bem recebido pelo público brasileiro e pela crítica especializada, em especial as revistas Guitar Player Brasil, Roadie Crew e Rock Brigade, esta tendo destacado a banda em três de suas edições. Além disso, o disco ficou em primeiro lugar nas paradas de rádios de Rock do país.

Como uma prova de seu talento e carisma, Motorocker teve a oportunidade de dividir o palco com bandas como o Deep Purple, Glenn Hughes, Motörhead, Nazareth, Suicidal Tendencies, Biohazard, Misfits, Sepultura, Twisted Sister, Iron Maiden, entre outras.

O Motorocker foi selecionado, juntamente com o Metallica e o Guns’n’Roses, para participar do disco Ruby Nazareth Tribute. Esse disco, produzido por um dos membros fundadores do Nazareth, Manny Charlton, contém a interpretação, pelo Motorocker, da música Telegram, muito elogiada pelo próprio Manny.

O segundo disco da banda é intitulado Rock na Veia. O álbum também foi bem recebido pelos fãs e pela imprensa e já ultrapassou em vendas o disco anterior. Outros diferenciais incluem a embalagem em digipack e uma música acústica, a primeira da banda.

E, no final de 2012, Marcelus Motorocker (vocal), Luciano Pico (guitarra), Thomas Jefferson (guitarra), Silvio Krüger (baixo) e Juan Neto (bateria) lançaram o mais novo single do Motorocker, Estação das Almas.

SERVIÇO
O quê: 3 Anos de Capital do Rock – Motorocker (PR), Celebration Band e DJs Maraskin e Thiago Freitas
Quando: Sexta-feira (11/01), às 22h30.
Onde: Espaço Livre – ASCADE – SCES trecho 2 conjunto 10 (ao lado do Clube Naval).
Quanto:
Com nome na lista (www.capitaldorock.com.br), até 0h, R$ 25.
Após 0h ou Sem nome na lista, R$ 35.
Informações: http://www.homemdamarreta.com.br
Classificação indicativa: 18 anos

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Agenda

Iron MaidenIron Maiden
As dez melhores músicas, segundo a Loudwire

KissKiss
15 bandas que abriram shows deles e se tornaram famosos

Batom, laquê...Batom, laquê...
Como formar uma banda de Hard Rock em 69 lições

5000 acessosBizarro & Absurdo: 12 Tristes Realidades da Música5000 acessosIron Maiden: o passado vergonhoso registrado em fotos5000 acessosBruce Dickinson: foi difícil evitar as drogas durante tours5000 acessosIron Maiden: as 10 libras que mudaram a vida de Bruce5000 acessosLegião Urbana: semelhanças com faixas dos Ramones e Stooges?5000 acessosRock in Rio: vocalista do The Who chamou Axl Rose de karaokê no AC/DC

Sobre Márcio Leal

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, entre em contato enviando sua descrição e link de uma foto.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online