Ramones: quantas vezes eles usaram Wanna/Want nos títulos?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Por Luis Fernando Ribeiro, Fonte: Wikipédia
Enviar correções  |  Comentários  | 

Se os RAMONES foram decisivos na consolidação do Punk Rock, eles pareciam muito indecisos ao se expressarem. Quem nunca reparou a quantidade de vezes que a expressão “I wanna” ou “I don't wanna” já foi citada em suas músicas? Essa matéria reúne todos os títulos de músicas gravados pela banda com a palavra que relatam o que a banda “queria” ou “não queria”.

Heavy Lero: Ramones, 2ª parte, apresentado por Gastão e ClementeMetallica: os fantasticos carros de James Hetfield

Imagem

“I Wanna Be Your Boyfriend” (Disco: Ramones - 1976)

Trecho: “Do you love me babe? What can I say? Because I wanna be your boyfriend. Hey, little girl. I wanna be your boyfriend”.

Tradução: “Você me ama, baby? O que posso dizer? Porque eu quero ser seu namorado. Hey garotinha. Eu quero ser seu namorado”.

“Now I Wanna Sniff Some Glue” (Disco: Ramones – 1976)

Trecho: “Now I wanna sniff some glue. Now I wanna have somethin' to do”.

Tradução: “Agora eu quero cheirar um pouco de cola. Agora eu quero ter alguma coisa para fazer”.

“I Don't Wanna Go Down To The Basement” (Disco: Ramones – 1976)

Trecho: “Hey, daddy-o. I don't wanna go down to the basement. There's somethin' down there. I don't wanna go”.

Tradução: “Ei papai. Eu não quero descer no porão. Tem alguma coisa lá em baixo. Eu não quero ir”.

“I Don't Wanna Walk Around With You” (Disco: Ramones – 1976)

Trecho: “I don't wanna walk around with you. So why you wanna walk around with me?”.

Tradução: “Eu não quero passear por aí com você. Então porque você quer passear por aí comigo?”.

“I Don’t Wanna Be Learned/I Don't Wanna Be Tamed” (Disco: Ramones [Bonus Track] – 1976)

Trecho: “And I don't wanna be learned. And I don't wanna be tamed”.

Tradução: “E eu não quero aprender. E eu não quero ser domesticado”.

“Now I Wanna Be a Good Boy” (Disco: Leave Home – 1977)

Trecho: “Now I wanna be a good boy. I don't wanna be bad. Now I wanna run away from home now. I wanna be on my own”.

Tradução: “Agora eu quero ser um bom garoto. Eu não quero ser mau. Agora eu quero fugir de casa. Eu quero estar na minha própria”.

“Do You Wanna Dance?” (Disco: Rocket to Russia [Bobby Freeman] – 1977)

Trecho: “Do you wanna dance and hold my hand? Tell me baby I'm your lover man”.

Tradução: “Você quer dançar e segurar minha mão? Diga-me baby, eu sou seu amante”.

“I Wanna Be Well” (Disco: Rocket to Russia – 1977)

Trecho: “Yeah, I wanna be well. I wanna be well”.

Tradução: “Sim, eu quero ficar bem. Eu quero ficar bem”.

“I Wanted Everything” (Disco: Road to Ruin – 1978)

Trecho: “Not much of a salary. No tip for the delivery. I wanted everything”.

Tradução: “Não é muito de salário, não havia gorjetas nas entregas. Eu queria tudo”.

“I Don't Want You” (Disco: Road to Ruin – 1978)

Trecho: “I don't want you anymore. You said that you'd be mine”.

Tradução: “Eu não quero mais você. Você disse que você seria minha”.

“I Wanna Be Sedated” (Disco: Road to Ruin – 1978)

Trecho: “Nothing to do, nowhere to go, oh. I wanna be sedated”.

Tradução: “Nada para fazer, nenhum lugar para ir, oh. Eu quero ser sedado”.

“I Want You Around” (Disco: Road to Ruin [Bonus Track] – 1978)

Trecho: “I know what you're thinking when you find out, I want you around”.

Tradução: “Eu sei o que você pensa quando você descobre que, Eu quero você por perto”.

“We Want The Airwaves” (Disco: Pleasant Dreams – 1981)

Trecho: “We want the airwaves, baby. If rock is gonna stay alive”.

Tradução: “Nós queremos as ondas de transmissão, baby. Se o rock continuar vivo”.

“I Wanna Live” (Disco: Halfway to Sanity – 1987)

Trecho: “I wanna live. I want to live my life”.

Tradução: “Eu quero viver. Eu quero viver minha vida”.

“Merry Christmas (I Don't Want to Fight Tonight)” (Disco: Brain Drain – 1989)

Trecho: “Merry Christmas, I don´t want to fight tonight”.

Tradução: “Feliz natal, eu não quero brigar esta noite”.

“I Don't Want to Grow Up” (Disco: ¡Adios Amigos! – 1995)

Trecho: “When I'm lying in my bed at night. I don't wanna grow up”.

Tradução: “Quando estou à noite em minha cama. Eu não quero crescer”.

“Any Way You Want It” (Disco: Greatest Hits Live [The Dave Clark Five] – 1996)

Trecho: “Any way you want it, you can call me any day”.

Tradução: “De toda maneira que você quiser, você pode me chamar qualquer dia”.

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

Quer ficar atualizado? Siga no Facebook, Twitter, G+, Newsletter, etc

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+Compartilhar no WhatsApp

Heavy Lero: Ramones, 2ª parte, apresentado por Gastão e ClementeKZG recomenda: livros sobre o RamonesRock e Metal: em vídeo, as 10 despedidas mais épicas da históriaArquivo KZG: Gastão Moreira entrevista Joey Ramone em 1996Ramones: a melhor biografia de um ex-integranteHeavy Lero: Ramones 1/3, apresentado por Gastão e ClementeTodas as matérias e notícias sobre "Ramones"

Ramones
Morre o baterista e produtor Tommy Ramone

Axl Rose
O equívoco na escolha da capa de "Use Your Illusion"

CJ Ramone
"Usar camisa dos Ramones por causa da moda é estúpido"

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 15 de março de 2017

Todas as matérias da seção CuriosidadesTodas as matérias sobre "Ramones"

Metallica
Os fantasticos carros de James Hetfield

Capas de álbuns
A história das artes de alguns dos maiores clássicos

Slayer
Kerry King lista suas músicas favoritas do Megadeth

Bon Jovi: tráfico e uso de drogas, escândalo sexualMegadeth: Dave Mustaine não está feliz com os improvisos de Kiko Loureiro?Metal Sucks: os melhores álbuns de metal do século 21Dave Grohl: culpa não é da pirataria, é da falta de talentoAngra: Quem Kiko Loureiro acha que deve ocupar a sua vaga?Mayhem: "Varg é um cara muito talentoso e inteligente!"

Sobre Luis Fernando Ribeiro

Estudante de Programação de Computadores e Analista de sistemas. Fui apresentado ao Heavy Metal aos 14 anos, quando através do intermédio de um amigo, gravei algumas fitas do Metallica, Destruction e Blind Guardian.

Mais matérias de Luis Fernando Ribeiro no Whiplash.Net.

Link que não funciona para email (ignore)

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em agosto: 1.237.477 visitantes, 2.825.604 visitas, 7.034.755 pageviews.

Usuários online