Lulu Santos: A apresentação do mestre do pop em Porto Alegre

Resenha - Lulu Santos (Pepsi on Stage, Porto Alegre, 11/06/2016)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Karen Waleria
Enviar correções  |  Comentários  | 

O texto representa opinião do autor, não do Whiplash.Net ou dos editores.

No dia 11 de junho, o cantor carioca Luiz Maurício, mais conhecido como Lulu Santos, apresentou-se em Porto Alegre. Há 10 anos atrás, para ser mais precisa, em maio de 2006, o músico inaugurou o palco do Pepsi on Stage, e no último sábado retornou para festejar a data com o show que integra a turnê "Clube Lux", na véspera do Dia dos Namorados.

5000 acessosHetfield: egos, Mustaine, Load e homossexualidade no Metallica5000 acessosMalmsteen: "A 1ª vez que fui ao Brasil não consegui acreditar"

A performance iniciou com trinta minutos de atraso mas o time de músicos mais que competentes formado por Milton Guedes (sax, flauta e vocal), Sergio Melo (bateria), Jorge Ailton (baixo), Pedro Augusto (teclados), Hiroshi Mizutani (teclados e programações), o DJ de funk carioca Sany Pitbull, Silvio Charles (violão e percussão) e Andrea Negreiros (backing vocal e percussão) que acompanham um dos maiores hitmakers brasileiros conseguiu fazer com que as 3.500 pessoas presentes na casa de eventos esquecesse esse fato e o frio que fazia na capital.

Durante exatas duas horas, Lulu que estava bem como ele gosta, como ele mesmo diz, plugado e amplificado à suas várias guitarras fez um show que agradou gregos e troianos, ora dançante, suingado, ora romântico.

Lulu interagiu muito com o público. Falou da melhora que notou na qualidade acústica da casa, se bem que isso ainda necessita uns ajustes. Falou um pouco da situação do país, contou como foi a estréia, digamos, inusitada, de Milton Guedes na banda, isso há 30 anos atrás ( Risos) quando o músico, na sua estréia caiu de cara no palco... E até conduziu um "Parabéns pra Você" para a casa de shows. Teve um momento em que pediu mais interação do público, pedido que foi mais do que atendido.

O público dançou e cantou as músicas apresentadas o tempo todo. Tanto as músicas novas do seu trabalho do CD "Luiz Maurício" como hits pra lá de confirmados nas suas performances, como "Toda forma de amor", "O último romântico", "Sereia", "De repente, Califórnia", "Assim caminha a humanidade", "Como uma onda", "Tempos Modernos" entre muitos outros hits.

Esse mestre do pop, que agrega as funções de cantor, compositor e guitarrista, mescla com total maestria, como poucos mortais, MPB, rock, funk, música eletrônica e etc. E mostrou o porquê está na estrada há 35 anos - mantendo seus antigos fãs e agregando novos. Aliás, foi o que se viu no Pepsi, pessoas das mais variadas faixas etárias.

Mas isso sempre com uma roupagem pra lá de atual; seja com novos arranjos e também devido à mistura dos elementos eletrônicos agregados ao show com a participação de Sany Pitbull. Talvez esteja aí um dos segredos do grande Lulu - O cara é um eterno camaleão, sempre em mutação, mas sempre primando pelo bom gosto e qualidade.

Vida longa à boa música!
Vida longa ao Lulu Santos!

Fotos:Sonia Butelli

Veja fotos do show no link a seguir:
http://bit.ly/1WLYlxe

Agradecimentos à Opinião Produtora pelo Credenciamento.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

0 acessosTodas as matérias da seção Resenhas de Shows0 acessosTodas as matérias sobre "Lulu Santos"

MetallicaMetallica
Hetfield fala sobre Dave Mustaine, Load e homossexualidade

MalmsteenMalmsteen
"A 1ª vez que fui ao Brasil não consegui acreditar"

Fotos de InfânciaFotos de Infância
Joey Jordison, do Slipknot, muito antes da fama

5000 acessosFotos de Infância: Cradle Of Filth5000 acessosMetallica: Falha geral no sistema de som durante show no RIR5000 acessosAs tatuagens de Rob Halford5000 acessosVan Halen: intestinos de Eddie literalmente explodiram em 20125000 acessosBayley, Wilson e Cherone: grandes erros na história de grandes bandas5000 acessosNickelback: deveriam aprender a tocar com o Foo Fighters

Sobre Karen Waleria

Blogueira gaúcha. Estudou letras. Ecleticidade musical é seu ponto forte; com uma tendência ao Rock e Metal. Já foi colaboradora em grandes sites de Rock e Heavy Metal, trabalha com divulgação de bandas e eventos. Responsável pelo blog www.karenwaleria.blogspot.com.br. Siga no Twitter @Rocksblog.

Mais informações sobre Karen Waleria

Mais matérias de Karen Waleria no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online