Matérias Mais Lidas

imagemSteven Tyler dá entrada em clínica de reabilitação após sofrer recaída

imagemVital, o ex-Paralamas que virou nome de música e depois foi pro Heavy Metal

imagemEncontro entre Paul Di'Anno e Steve Harris resultou em "algo que será discutido"

imagemA opinião de Arnaldo Antunes sobre a competição interna que havia nos Titãs

imagemRegis Tadeu explica porque Ximbinha é um dos melhores guitarristas do Brasil

imagemO dia que os membros do Black Sabbath foram amaldiçoados por uma seita satânica

imagemShavo Odadjian, baixista do System Of A Down, conta quais álbuns mudaram sua vida

imagemNick Mason relembra a época que o Pink Floyd desastrosamente tentou tocar reggae

imagemMark Tremonti, do Alter Bridge, revela que é grande fã de lendária banda de metal

imagemAs composições de Paul McCartney nos Beatles preferidas de John Lennon

imagemO que Adrian Smith descobriu ao retornar ao Iron Maiden

imagemIntegrantes do Rush relembram a época que abriram shows para o Kiss, em 1975

imagemJen Majura disse que sair do Evanescence não foi decisão dela e recebe apoio dos fãs

imagemMarcello Pompeu agradece mobilização de fãs

imagemIron Maiden apresenta Eddie em versão samurai ao vivo; veja vídeo oficial


Almah e Hibria: Vocalista do Hibria rouba a cena

Resenha - Almah e Hibria (Rock in Rio, Rio de Janeiro, 19/09/2013)

Por Diego Camara
Em 22/09/13

No segundo show do dia, cabia mais uma vez aos brasileiros mostrarem que aqui nesta terra também tem heavy metal, e dos bons. As bandas convidadas foram o ALMAH, do vocalista Edu Falaschi (ex-Angra) e os ótimos porto-alegrenses do HIBRIA, projeto de heavy metal que está na estrada há muito tempo, mas ainda sofre para ser conhecido do público brasileiro.

Fotos: divulgação, Approach, Rock In Rio, IHateFLash

O show começou na hora, quando o vocalista Edu Falaschi entrou com sua banda. O público aplaudiu e demonstrou bastante alegria ao rever uma das grandes figuras do metal nacional no palco do Rock in Rio. A banda começou com a música "Hypnotized", que abre o álbum "Motion", o último da banda. O som estava bastante estranho, os vocais de Edu pareciam muito pouco e os instrumentos pareciam não se encontrar. Mesmo assim, a presença marcante do guitarrista Marcelo Barbosa, que realizou um ótimo solo, ainda atraíram aplausos da plateia.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Apesar dos problemas do palco, que foram resolvidos no decorrer do show, a banda não podia deixar de demonstrar o prazer em tocar no Rock in Rio. Edu parecia mais confortável do que nunca. "É uma emoção estar de volta ao Rock in Rio depois dos incidentes que ocorreram anteriormente", disse ele, fazendo o público logo lembrar da péssima apresentação do Angra em 2011. O público respondeu gritando pelo Almah, trazendo sorrisos dos integrantes em resposta.

Em "Trace of Trait", o som do palco realmente estava já ótimo. A música, bastante técnica, foi muito bem executada. "Birds of Prey" teve a participação de Iuri Sanson, do Hibria. O som, muito completo com os dois vocalistas, empolgou o público de vez. O set do Almah foi fechado com a música "King", que foi aplaudida por todos os presentes.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

A segunda parte do show era do Hibria. A banda entrou no palco e se apresentou: "Quem aqui está pela primeira vez no Rock in Rio? Estamos juntos, galera!". A banda começou então com "Silent Revenge", que espantou todos os presentes que não conheciam a banda. O público levantou os braços e seguiu junto o som. O chamado do vocalista funcionou, estavam realmente todos juntos.

Já com "Shoot me Down", a grande performance de Iuri Sanson dominou a plateia. Os bangers aplaudiram e gritaram com vontade o nome da banda. O perfeito solo de guitarra completou maravilhosamente a apresentação. O Hibria mostrou porque é uma banda que agradou tanto o público japonês e que não deve em nada para qualquer banda internacional.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Desta vez retribuindo a "visita" na primeira parte do show, o vocalista Edu Falaschi veio ao palco para cantar junto com Sanson a música "Blinded by Faith", do álbum "Blind Ride" de 2011. Todo o público pula e é dominado por Sanson, que mais uma vez rouba a cena pela sua empolgação, vontade e performance no palco.

A banda finaliza o seu set com "Tiger Punch", um de seus principais hits da banda. Iuri Sanson pede que a plateia abra uma grande roda, e é prontamente atendido com um mosh gigante digno das atrações internacionais que rolariam durante o dia. Sem dúvidas este foi o ponto alto do show, e se ali ainda restava alguma dúvida dos presentes sobre a qualidade do Hibria, esta já tinha sumido das mentes dos mais céticos.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Após as palmas, Edu volta ao palco com sua banda e anuncia uma grande surpresa. Um dos fãs grita "Saint Seiya!" Edu sacaneia por um momento, mas acaba cedendo quando todo o público começa a pedir a música. Canta o refrão, junto com todos os fãs mais que nerds presentes. Mas a homenagem não era esta, obviamente, e as bandas então trazem um cover do Led Zeppelin para finalizar o show com chave de ouro. "Eles foram os primeiros a utilizar as guitarras distorcidas que fizeram o metal", diz Falaschi. O que os fãs viram foi uma performance espetacular, uma das melhores do dia, com ambas as bandas extremamente afiadas: se Robert Plant ouvir, ficará orgulhoso.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O show terminou embaixo das palmas dos fãs, que puderam ver um bom show do Almah e se espantar com a vivacidade e vontade do Hibria. Se uma banda as vezes precisa de apenas um show para ganhar um público, o Hibria só precisou de meio para roubar os fãs do Rock in Rio. Quem ainda não conhece o Hibria, melhor correr para ver a apresentação.

Almah é:
Edu Falaschi – Vocal
Marcelo Barbosa – Guitarra
Gustavo di Padua – Guitarra
Rafael Dafras – Baixo
Marcelo Moreira – Bateria

Hibria é:
Iuri Sanson – Vocal
Abel Camargo – Guitarra
Renato Osorio – Guitarra
Benhur Lima – Baixo
Eduardo Baldo – Bateria

Setlist:
Almah:
1. Hypnotized
2. Living And Drifting
3. Trace of Trait
4. Birds of Prey (com Iuri Sanson do Hibria)
5. King
Hibria:
6. Silent Revenge
7. Shoot Me Down
8. Silence Will Make You Suffer
9. Blinded By Faith (com Edu Falaschi do Almah)
10. Tiger Punch
Almah e Hibria:
11. Rock and Roll (cover do Led Zeppelin)

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Gustavo Di Padua lança álbum com versões de clássicos do samba no estilo rock n' roll



Exodus: "Rick Rubin é uma verdadeira fraude", diz Gary Holt


Sobre Diego Camara

Nascido em São Paulo em 1987, Diego Camara é jornalista, radialista e blogueiro. Seu amor pelo metal e rock começou há 6 anos. Um amante da nova geração, é um grande fã de Arjen Lucassen, Andre Matos e bandas como Nightwish, Hammerfall, Sonata Arctica, Edguy e Kamelot. Também não deixa de ter amor pelos clássicos, como Helloween, Gamma Ray e Iron Maiden e do Rock de bandas como Oasis, Queen e Kings of Leon. Atualmente seus textos podem ser lidos no blog OCrepusculo.com sobre assuntos diversos, além de planos para criação de um projeto totalmente voltado aos blogs de Rock e Metal.

Mais informações sobre

Mais matérias de Diego Camara.