Matérias Mais Lidas

Iron Maiden: debilitado, Paul Di'Anno depende de vaquinha virtual para fazer cirurgiaIron Maiden
Debilitado, Paul Di'Anno depende de vaquinha virtual para fazer cirurgia

Inesquecíveis: 50 grandes sucessos do rock e do metal que nunca saem de modaInesquecíveis
50 grandes sucessos do rock e do metal que nunca saem de moda

Paul Stanley: não consegue cantar Kiss e se arrisca no R&B? Saiba a resposta delePaul Stanley
Não consegue cantar Kiss e se arrisca no R&B? Saiba a resposta dele

Metallica: Uma versão de Battery que todo headbanger sempre quis ouvirMetallica
Uma versão de "Battery" que todo headbanger sempre quis ouvir

Metallica: TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully GuitarsMetallica
TikToker que calou haters na guitarra agora tem patrocínio da Sully Guitars

Snowy Shaw: ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no NightwishSnowy Shaw
Ex-King Diamond se oferece para substituir Marko Hietala no Nightwish

Guns N' Roses: guitarrista ex-Black Crowes recusou entrar para a banda por duas vezesGuns N' Roses
Guitarrista ex-Black Crowes recusou entrar para a banda por duas vezes

Bruce Dickinson: O Iron Maiden é melhor que o MetallicaBruce Dickinson
"O Iron Maiden é melhor que o Metallica"

Rodolfo Abrantes: O sonho da minha mãe era eu voltar aos RaimundosRodolfo Abrantes
"O sonho da minha mãe era eu voltar aos Raimundos"

Nirvana: Kurt Cobain era meio pau no c*, diz produtorNirvana
"Kurt Cobain era meio pau no c*", diz produtor

Nirvana: Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.Nirvana
Kurt Cobain cuspiu no piano de Elton John pensando ser de Axl Rose.

Classic Rock: As 100 maiores músicas do século... até agora!Classic Rock
As 100 maiores músicas do século... até agora!

Guns N' Roses: Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivoGuns N' Roses
Bumblefoot revela quais músicas mais gostava de tocar ao vivo

Mötley Crüe: Vince Neil e namorada são criticados por foto caçando animaisMötley Crüe
Vince Neil e namorada são criticados por foto caçando animais

Metallica: gosto musical impediu que se tornassem um MaidenMetallica
Gosto musical impediu que se tornassem um Maiden


Matérias Recomendadas

Separados no nascimento: Roger Waters e Richard Gere.Separados no nascimento
Roger Waters e Richard Gere.

Bon Jovi: as fotos do vocalista com mulheres nuas em 1985Bon Jovi
As fotos do vocalista com mulheres nuas em 1985

R.E.M.: banda é dona da faixa que mais faz o homem chorarR.E.M.
Banda é dona da faixa que mais faz o homem chorar

Van Halen: o constrangedor encontro de Eddie com o NirvanaVan Halen
O constrangedor encontro de Eddie com o Nirvana

Pink Floyd: dupla sertaneja desvirtua clássico da bandaPink Floyd
Dupla sertaneja desvirtua clássico da banda

Stamp
Tunecore

Dr. Sin: Fama consolidada de uma das mais talentosas do Brasil

Resenha - Dr. Sin (Ballroom, Rio de Janeiro, 28/05/2004)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Rafael Carnovale
Enviar Correções  




Fotos: Anderson Guimarães

E já se vão 10 anos desde que o Dr. Sin apareceu no Hollywood Rock de 1993 fazendo o show de abertura para L7 e Nirvana. Neste meio tempo, a banda consolidou sua fama de uma das mais talentosas do Brasil, lançando 4 cd's e contando inclusive com o talentoso vocalista Michael Vescera (ex-Malmsteen) como integrante durante alguns meses. Mas o tempo passou, e a banda não perdeu o estilo. Lançando o CD/DVD "10 anos Ao Vivo", Andria Busic (baixo/vocal), Ivan Busic (bateria/vocal) e Eduardo Ardanuy (guitarra) chegam ao Rio de Janeiro para mais um bom evento, mesclando hard e heavy metal com extrema competência. Pessoas mais exageradas chegam a chamá-lo de "O Rush brasileiro", equivocadamente... mas que a banda é boa isso é.

A banda concedeu uma tarde de autógrafos na loja Scherazade na tijuca no dia do show, por volta das 16 hs, atendendo com extremo bom humor cerca de 100 fãs que compareceram com cd´s, camisetas, posters, guitarras e o que mais se possa imaginar. Tudo correu extremamente bem e após isso a banda rumou para o Ballroom, aonde às 21:30 começaria o show.

A galera já formava uma fila considerável na porda da casa, quando por volta das 22:30 a entrada começou a ser liberada. Uma certa confusão fez o show atrasar bastante, começando as 23:30, com a banda detonando "Fly Away" e "Sometimes" numa tacada só. O grupo usou o mesmo pano de fundo branco usado no DVD, mas o jogo de luz ficou bem inferior ao esperado. "Time After Time", com Andria fazendo bem os vocais gravados por Vescera no cd "Dr Sin II". O empurra-empurra era muito intenso, e a galera do gargarejo realmente estava passando por dificuldades, fato que obrigou a banda a parar o show algumas vezes para pedir calma. Edu chegou a brincar dizendo que "as garotas já estão engravidando".

"Down in the Trenches" foi executada, sendo bem recebida, emendada numa "jam" com um solo de guitarra e de bateria, que provaram a extrema competência de Ivan e a excelência de Edu como guitarrista (se é que ainda paira alguma dúvida sobre isso). "Eternity" foi executada em seguida, dando espaço para Andria anunciar uma música "que tem o melhor solo de guitarra que eu já ouvi": era a deixa para "Isolated", que a galera cantou junto. Outra "jam" seguiu músicas como "Revolution" e "Fire Burns Cold" (com Andria lembrando do Hollywood Rock), e "Emotional Catastrophye" ("nosso primeiro clipe"). Ambas foram recebidas com entusiasmo. Mas o público parecia meio morno em alguns momentos. Será que foi um "set" mal escolhido? Eu acho que não.

A banda volta para o "bis" levando "It´s Alright" (Black Sabbath), que literalmente passou desapercebida (maldita geração Toddynho que não conhece heavy metal!!!!). Para compensar o trio tocou "Karma", deixando os torpedos "Fire" (que ficou matadora) e a agitadora "Futebol, Mulher e Rock and Roll" (com o famoso coro que homens e mulheres gritaram a plenos pulmões" encerrando 1 hora e meia de puro rock.

O público compareceu em bom número, totalizando entre 550 a 600 pessoas, mas o atraso de 2 horas foi determinante para prejudicar o evento. Mas mesmo assim foi um grande show, digno da trajetória heróica dos rapazes, que estão na ativa muito antes do Dr. Sin existir. Que venha o próximo cd (previsto para o fim do ano) e mais shows!!!!

Agradecimentos:
Dr.Sin
Tatiana e Rafaela (PROJETO BSM)
Renato (Scherazade)


Baladas de Sangue
Receba novidades de Rock e Heavy Metal por Whats App

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Edu Ardanuy: Novo trabalho a caminho

Dr Sin: Andria Busic fala em entrevista exclusiva à Revista Freak

Supla: como o vocalista ajudou a formar Dr. Sin e Angra involuntariamenteSupla
Como o vocalista ajudou a formar Dr. Sin e Angra involuntariamente


Família: irmãos que tocam ou já tocaram juntos na mesma bandaFamília
Irmãos que tocam ou já tocaram juntos na mesma banda

Importando Metal: músicos gringos que atuam ou já atuaram em bandas brasileirasImportando Metal
Músicos gringos que atuam ou já atuaram em bandas brasileiras


Esquisitices: algumas exigências bizarras para showsEsquisitices
Algumas exigências bizarras para shows

Bon Jovi: Larissa Riquelme dançando com os seios de foraBon Jovi
Larissa Riquelme dançando com os seios de fora


Sobre Rafael Carnovale

Nascido em 1974, atualmente funcionário público do estado do Rio de Janeiro, fã de punk rock, heavy metal, hard-core e da boa música. Curte tantas bandas e estilos que ainda não consegue fazer um TOP10 que dure mais de 10 minutos. Na Whiplash desde 2001, segue escrevendo alguns desatinos que alguns lêem, outros não... mas fazer o que?

Mais matérias de Rafael Carnovale no Whiplash.Net.