Matérias Mais Lidas

Jon Schaffer: nomes do Iced Earth e Demons & Wizards somem do site da gravadoraJon Schaffer
Nomes do Iced Earth e Demons & Wizards somem do site da gravadora

Nicko McBrain: pedal duplo é pra caras como Aquiles PriesterNicko McBrain
Pedal duplo é pra caras como Aquiles Priester

Greta Van Fleet: Robert Plant odeia aquele vocalistaGreta Van Fleet
Robert Plant "odeia" aquele vocalista

Metallica: veja o primeiro (e curioso) cartão de visitas da bandaMetallica
Veja o primeiro (e curioso) cartão de visitas da banda

Megadeth: Dave Mustaine, agora, é faixa roxa em jiu-jitsu brasileiroMegadeth
Dave Mustaine, agora, é faixa roxa em jiu-jitsu brasileiro

Pearl Jam: exigindo que banda cover Pearl Jamm mude nome, sob ameaça de processoPearl Jam
Exigindo que banda cover Pearl Jamm mude nome, sob ameaça de processo

Megadeth: Dave Lombardo quase entrou pra banda, mas percebeu a merda que ia darMegadeth
Dave Lombardo quase entrou pra banda, mas percebeu a merda que ia dar

Nervosa: Banda lança videoclipe de Under RuinsNervosa
Banda lança videoclipe de "Under Ruins"

Joe Lynn Turner: detonando gravadora por continuar projeto Sunstorm sem eleJoe Lynn Turner
Detonando gravadora por continuar projeto Sunstorm sem ele

Iron Maiden: As faixas do clássico The Number Of The Beast, da pior para a melhorIron Maiden
As faixas do clássico "The Number Of The Beast", da pior para a melhor

Loudwire: o melhor álbum de thrash metal de cada ano, de 1983 até 2020Loudwire
O melhor álbum de thrash metal de cada ano, de 1983 até 2020

Pantera: as cinco melhores músicas da banda, segundo leitores da RevolverPantera
As cinco melhores músicas da banda, segundo leitores da Revolver

Bon Jovi: Fear Factory fez a banda mudar de estúdio durante gravação de These DaysBon Jovi
Fear Factory fez a banda mudar de estúdio durante gravação de "These Days"

Lista: 10 grandes sucessos que farão 30 anos em 2021 e continuam sendo ouvidos até hojeLista
10 grandes sucessos que farão 30 anos em 2021 e continuam sendo ouvidos até hoje

Megadeth: todas as músicas que aparecem na faixa escondida de Capitol PunishmentMegadeth
Todas as músicas que aparecem na faixa escondida de "Capitol Punishment"


Matérias Recomendadas

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1990Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1990

Simplicidade é para os falsos: o nome de banda mais complicado do mundoSimplicidade é para os falsos
O nome de banda mais complicado do mundo

Manowar: você acha as fotos da década de 80 ridículas?Manowar
Você acha as fotos da década de 80 ridículas?

WatchMojo: os 10 guitarristas mais subestimados de todos os temposWatchMojo
Os 10 guitarristas mais subestimados de todos os tempos

Classic Rock: as 10 melhores baladas dos anos 80Classic Rock
As 10 melhores baladas dos anos 80

Tunecore
Malvada

Resenha - Setembro Negro Festival (Led Slay, São Paulo, 06/09/2003)

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Drustan
Enviar Correções  












Fotos: Tena

Previsto para começar às 20:00, esta 2ª edição do Setembro Negro teve seu início por volta das 21:00, tendo como banda de abertura os catarinenses do MALICE GARDEN.

Apesar da qualidade de som não estar das melhores, o grupo demonstrou muita garra, executando com precisão um Death/Black muito veloz, pesado e além de tudo dotado de muita técnica, com grande destaque para os vocais guturais, bem semelhantes ao de Dave Ingran, do BENEDICTION.

Depois se apresentaram os cariocas do AVEC TRISTESSE, que já de cara mandaram um cover de "Roswell 47" do HYPOCRISY, que seria perfeito se não fossem os teclados que a princípio estavam muito altos.

Solucionado este problema, deram continuidade a seu set, baseada em seu debut CD "Ravishing Beauty", com músicas que mostram um estilo bem particular, que varia desde o Black Metal mais veloz até partes mais atmosféricas, com vocais limpos e climas repletos de melancolia.

Depois de mais de meia hora acertando a regulagem dos instrumentos (pelo menos resultou numa melhora do som em relação aos seus antecessores), teve início a apresentação da banda de Black Metal mineira AGAURES.

Apesar da grande competência apresentada pelos integrantes em seus respectivos instrumentos e da execução precisa de seu Black Metal rápido e bem trabalhado, em minha opinião, assim como na de muitos lá presentes, a banda decepcionou um pouco um relação à postura de palco e no visual de alguns de seus integrantes.

Não que eu seja tão radical, mas penso que algumas coisas são inaceitáveis, principalmente em uma banda dita de Black Metal mas, enfim, há gosto para tudo...

Já com uma maior concentração em frente ao palco, a próxima atração a se apresentar foram as garotas do VALHALLA, que não deixando se intimidar em momento algum com os "elogios sexuais" proferidos por parte da platéia, detonaram um set perfeito, tocando sons do CD "Petrean Self" e do LP "... In The Darkness Of Limb", gravado em 1994.

Além de muito profissionalismo, demonstraram uma presença de palco marcante, principalmente a vocalista Carol, que berrava como se estivesse possuída por algum demônio.

Mesmo sendo um set curto, e marcado por um problema técnico durante uma música, quando o microfone da vocalista foi simplesmente "desligado", o que a banda apresentou foi o suficiente para sentir seu poderio ao vivo, ao contrário do que algumas pessoas comentam por aí (com certeza são alguns imbecis que se ofendem pelo fato de se tratar do "sexo frágil" fazendo um som de alto nível).

Depois de uma pequena pausa, sobem ao palco os americanos do AVERSE SEFIRA. Confesso que estava muito curioso para ver esta banda ao vivo e fiquei realmente impressionado com o visual e a presença de palco apresentada.

É incrível como eles conseguem ao vivo fazer de seu Black Metal ríspido algo ainda mais avassalador que no CD, principalmente a precisão e velocidade atingida pelo baterista The Carcass, que de tão rápido nos passava a impressão que suas baquetas possuiam vida própria!

O vocalista Sanguine se comunicava todo o tempo com o público, assim como o baixista Wrath, que inclusive em um de seus diálogos teceu duras críticas ao governo americano, finalizando por mandar um belo "Fuck You George Bush!".

A satisfação de estar tocando no Brasil ficou nitidamente visível no momento em que o vocalista exibiu com orgulho a Bandeira Brasileira, e ao final da apresentação, quando o baixista pegou sua câmera e bateu algumas fotos dos Bangers, que a esta altura se mostravam totalmente enlouquecidos e igualmente satisfeitos com o que acabavam de presenciar, ou seja, uma grande apresentação, comprovando o fato do AVERSE SEFIRA estar sendo considerado como um dos maiores (senão O MAIOR) representante do Black Metal da Terra de Tio Sam!

Depois de um intervalo de mais de 40 minutos para a preparação do palco, ao mesmo tempo em que a aglomeração se tornava mais e mais intensa, a ponto de ser impossível chegar mais próximo, eis que adentram, por volta de uma e meia da manhã, a grande atração da noite: Lord Ahriman e sua máquina de destruição denominada DARK FUNERAL, que foram aclamados clamorosamente pelos Bangers.

Assumindo em definitivo somente o posto de vocalista, que resultou numa movimentação no palco ainda mais assustadora, Emperor Magnus Caligula comandou por cerca de uma hora um verdadeiro massacre sonoro, provando que possui um dos vocais mais infernais dentro do Black Metal da atualidade.

Sem muita falação, apresentaram um set baseado em praticamente todas suas fases, começando com "The Arrival of Santan’s Empire", e prosseguindo com hinos como "Vobiscum Satanas", "Armageddon Finally Comes", "Open The Gates", "The Secrets Of The Black Arts" e outros, executados com extrema maestria.

Sem contar os clássicos "Hail Murder", "An Aprentice Of Satan" e "My Dark Desires", ocasião em que boa parte do público cantou junto com o vocalista, um momento que ficará na memória de todos que lá estavam presentes.

O DARK FUNERAL pode até não ter o mesmo carisma do AVERSE SEFIRA, mas impossível negar que sua apresentação beirou à perfeição, que com certeza transformou muitos que compareceram apenas como apreciadores em verdadeiros fanáticos pela horda!


Stamp
Receba novidades de Rock e Heavy Metal por Whats App
Anunciar no Whiplash.Net

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Metal: em vídeo, 10 bandas satanistas de fatoMetal
Em vídeo, 10 bandas satanistas de fato

Pseudônimos no Black Metal: De entidades pagãs a O Senhor dos AnéisPseudônimos no Black Metal
De entidades pagãs a O Senhor dos Anéis


Slash: guitarrista fala sobre a origem da sua cartolaSlash
Guitarrista fala sobre a origem da sua cartola

Pink Floyd: The Wall é uma obra de arte conceitualPink Floyd
The Wall é uma obra de arte conceitual


Sobre Drustan

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.