Ghost: renascendo polêmica sobre anticristianismo

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Joao Carlos Gomes, Fonte: Noise and Cult
Enviar correções  |  Ver Acessos

Em meio à máscaras, capas e muita sombriedade, a apresentação do Ghost foi marcada por uma forte corrente de inaceitação dos presentes no evento e de parte dos credenciados pela cobertura do festival. Revelando um tradicional heavy metal, ora lembrando algumas das várias vozes do dinamarquês King Diamond, ora chamado de Marilyn Manson pelas atitudes blasfêmicas, a banda sueca mostrou agradar uma massa headbanger mais cult das redes sociais e pôs em pauta a essência do heavy metal como nos tempos do surgimento do Black Sabbath e a popularidade do Rock in Rio como principal porta de acesso ao undeground.

Slash: guitarrista fala sobre a origem da sua cartolaSeparados no nascimento: Paul McCartney e Kiko do Chaves

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

O baixista Whipstriker se manifestou no seu perfil do Facebook defendendo a importância e a necessidade de ser ter eventos como o Rock in Rio como a porta de entrada para quem se identifica com o som pesado ou tem acesso apenas às músicas de massa.

"É inegável que o Rock in Rio cumpre uma função de trazer para o lado obscuro novos moleques que estariam perdidos ouvindo música ruim ou mainstream. Ninguém começou ouvindo Sarcófago ou Morbid Angel. Eu não recrimino os moleques novos que vão começar a ser fãs do Ghost a partir de hoje. De repente semana que vem eles já vão ouvir Mercyful Fate, depois thrash metal, death metal e enfim começar a procurar bandas mais undergrounds da Alemanha e do Brasil", destacou Whipstriker.

Levantando a ideia do choque anticristão que ainda é um tabu social e um paradigma, o vocalista do Flagelador, Armando Exekutor, opinou sobre a necessidade de bandas como o Ghost manterem a atitude em um evento de grande porte mesmo sendo massivamente recriminadas por fãs de bandas populares.

"Tava em falta um pouco de polêmica. O rock'n'roll e o heavy metal em geral anda acometido por uma "bundamolice broxante". As bandas de hoje são seguras, sob medida e aprovadas para toda a família: classificação livre. Um pouco de discussão cai bem, rock'n'roll precisa de polêmica", declarou o vocalista nas redes sociais.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Após longo hiato entre o fim das rádios rock no Rio de Janeiro e a organização do Rock in Rio com bandas de expressão como Krisiun e Destruction colocadas apenas como coadjuvantes no humilde palco Sunset, o principal palco do festival ao menos permitiu a chance de apresentação do Ghost provocando o oculto como nos primórdios do nascimento do metal.




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção OpiniõesTodas as matérias sobre "Ghost"


Ghost: banda não interage com outros grupos durante turnêsGhost
Banda não interage com outros grupos durante turnês

Máscaras: confira algumas das mais fodas do metalMáscaras
Confira algumas das mais fodas do metal


Slash: guitarrista fala sobre a origem da sua cartolaSlash
Guitarrista fala sobre a origem da sua cartola

Separados no nascimento: Paul McCartney e Kiko do ChavesSeparados no nascimento
Paul McCartney e Kiko do Chaves


Sobre Joao Carlos Gomes

Autor sem foto e/ou descrição cadastrados. Caso seja o autor e tenha dez ou mais matérias publicadas no Whiplash.Net, enviando sua descrição e link de uma foto.

Goo336x280 GooAdapHor Goo336x280