Primeiro CD da banda Inkoma

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Enviar correções  |  Ver Acessos

Saiu o primeiro CD da banda INKOMA da Bahia. O Inkoma é uma banda de hardcore, que conta com os vocais femininos da Pitty, que já participou do CD "Sob o Signo de Satã" do pessoal de Brasília DFC. O CD é uma porrada, super bem gravado, mas como só tem nove músicas é considerado um EP. O petardo se chama "Influir". Vale a pena conferir! Fonte: Trambonete Entertainment




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Inkoma"


Rock in Rio: algumas das maiores vaias em edições nacionaisRock in Rio
Algumas das maiores vaias em edições nacionais

Slash: chapação, a louca e atraente Fergie e Axl RoseSlash
Chapação, a louca e atraente Fergie e Axl Rose

Cinco contra um?: Roqueiros comentam como a revista Playboy os marcouCinco contra um?
Roqueiros comentam como a revista Playboy os marcou

Dead Fish: A proposta mais indecente que a banda já recebeuDead Fish
A proposta mais indecente que a banda já recebeu

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1983Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1983

Andreas Kisser: tocar com o 'Big Four' foi incrívelAndreas Kisser
"tocar com o 'Big Four' foi incrível"

Iron Maiden: o equipamento de palco da World Slavery TourIron Maiden
O equipamento de palco da World Slavery Tour


adClio336|adClio336