Peter Criss: 'O Kiss virou uma banda cover'

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Fonte: Disconnected
Enviar Correções  

É para envergonhar qualquer fã, uma vez que se repete uma situação típica do início dos anos 80. Depois de dizer que se sentiu desrespeitado no Kiss, o ex-batera Peter Criss ouvir o baixista e vocalista Gene Simmons dizer com todas as letras que ele deveria se dar por satisfeito, já que as drogas o impediam de sair em turnê e foram o motivo de sua terceira saída do grupo. Em seu site oficial, Criss rebateu.

Graham Bonnet: "Bob Kulick estava bravo em nosso último contato, havia algo errado"Dinheiro não é tudo mas ajuda: 5 Rock Stars que nasceram ricos

"Algumas pessoas aforam ouvir a elas mesmas. Gene Simmons é uma delas. Li on-line o que ele disse à imprensa em Iowa [nos EUA] e na Alemanha. Agora me deixem dizer o que é realmente importante. Eu nunca estive tão feliz em toda a minha vida. Finalmente estou livre para ser um artista novamente. Eu me cerco de pessoas que me amam e respeitam. Minha mulher, Gigi, amigos verdadeiros, minha amada família e Deus. Se não fosse por Ele, não haveria nada. Há coisas que me tornam rico, Sr. Simmons.

"Eu cantei e toquei com todo o meu coração na turnê com o Aerosmith. Isso é fato! Os fãs sabem disso. Fim da história! E eu senti saudades de Ace na turnê. Minha saúde está excelente. Estou mais esperto física e profissionalmente. Apenas queria que os fãs soubessem disso. Não comentarei o que o Sr. Simmons disse porque é mentira! Não preciso justicar suas mentiras.

"A banda original já era. Como um integrante fundador, estou chocado que Gene e Paul Stanley tornaram uma banda legendária num grupo cover apenas para ganhar dinheiro. Lamentável. Mas sabem o que é loucura? Os fãs continuarão apoiando porque eles são o verdadeiro coração do Kiss. Tive orgulho de ser parte de algo que um dia foi grandiosao. Deus abençoe a todos e digo adeus a uma parte da minha vida".


adWhipDin adWhipDin