Matérias Mais Lidas

imagemIggor Cavalera diz que reunião da formação clássica do Sepultura seria incrível, mas...

imagemTravis Barker, do Blink-182, é hospitalizado às pressas e filha pede orações

imagemTravis Barker, do Blink-182, está com pancreatite, diz TMZ

imagemGregório Duvivier: "Perto de Chico Buarque, Bob Dylan é uma espécie de Renato Russo!"

imagemVeja diz que David Coverdale só passa vergonha nas redes sociais

imagemAvenged Sevenfold e o álbum do Guns N' Roses que deveria ser mais valorizado

imagemQuando Jimi Hendrix chamou Eric Clapton para subir no palco e afinar sua guitarra

imagemKerry King explica por que não assumiu o posto de guitarrista do Megadeth

imagemEngenheiros do Hawaii e as tretas com Titãs, Lulu Santos, Lobão e outros

imagemMike Portnoy e a música do Rush que virou um grande sucesso do Guns N' Roses

imagemCuecão de couro: Rob Halford posa com suas "great balls of fire" em camarim

imagemNergal diz que Behemoth é mais que anti-religião e emociona-se com LGBTQ e aborto

imagemA fundamental diferença entre Paulo Ricardo e Schiavon que levou RPM ao fim

imagemMick Jagger diz que sente muito a falta do baterista Charlie Watts

imagemCinco nomes do heavy metal que já gravaram músicas do ABBA


Stamp

Keith Richards: "As drogas de hoje são uma droga"

Por César Enéas Guerreiro
Fonte: Contact Music
Em 25/09/06

Em entrevista de setembro de 2006 ao Contact Music, o veterano encrenqueiro Keith Richards diz que a única razão pela qual ele não consome mais drogas é que a qualidade delas agora é "muito ruim".

O guitarrista da canção "Brown Sugar" foi viciado em heroína durante quase toda a década de 1970 e permanece como o mais célebre sobrevivente daquela época. Mas ele não se impressiona com os narcóticos atuais. Conforme suas palavras: "Eu realmente acho que a qualidade caiu. Tudo o que eles fazem é tentar deixar as pessoas cada vez mais 'altas'. Eu não gosto da maneira deles trabalharem no cérebro ao invés de apenas no sistema circulatório. É por isso que não tomo mais nada. E você está falando com uma pessoa que conhece as drogas que toma".

Richards admite que experimentou Morfina novamente no hospital depois da cirurgia no cérebro que teve que fazer após cair de uma árvore quando estava de férias em Fiji no dia 6 de abril de 2006. Ele acrescenta: "Eu não tomo drogas a menos que eu seja obrigado, como quando estava muito estressado depois de terem aberto meu cérebro. Fiquei tomando Morfina por umas duas semanas. Eu realmente tentei pedir um pouco mais pra enfermeira do turno da noite. Ela foi muito gentil".

Em 2006 Keith filmou sua participação na seqüência do filme "Piratas do Caribe", e de acordo com os presentes, o roqueiro chegou ao set completamente embriagado! Após ter sido advertido pelo diretor, Keith teria dito: se vocês querem alguém 'certinho', escolheram a pessoa errada!

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp


Super Bowl: quando as guitarras fizeram touchdown



Sobre César Enéas Guerreiro

Nascido em 1970, formado em Letras pela USP e tradutor. Começou a gostar de metal em 1983, quando o KISS veio pela primeira vez ao Brasil. Depois vieram Iron, Scorpions, Twisted Sister... Sua paixão é a música extrema, principalmente a do Slayer e do inesquecível Death. Se encheu de orgulho quando ouviu o filho cantarolar "Smoke on the water, fire in the sky...".

Mais informações sobre

Mais matérias de César Enéas Guerreiro.