DVD traz filme com participação de Mick Jagger

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Cleyton Lutz, Fonte: Mojo Music
Enviar Correções  

"Performance", longa-metragem lançado originalmente em 1970, estrelado pelo vocalista dos ROLLING STONES, Mick Jagger, vai ganhar uma versão em DVD, com o lançamento previsto para o dia 5 de março. Além do filme, a edição vai contar com um documentário de 25 minutos.

O longa-metragem causou muita polêmica quando foi lançado – sendo, inclusive, censurado no Brasil pela ditadura militar – devido às cenas de sexo, violência e consumo de drogas. Contando com atores como James Fox, Anita Pallenberg e Michelle Breton – além do próprio Jagger – "Performance", dos diretores Donald Cammel e Nicolas Roeg, conta a história de um gangster jurado de morte, que se refugia na mansão do rockstar bissexual interpretado por Jagger. No mesmo lugar, moram duas garotas andróginas. É o ponto de partida para uma história recheada de sexo, drogas e violência.

publicidade

O conteúdo explosivo do filme fez com que "Performance", gravado em 1968, fosse lançado dois anos depois, graças ao complicado processo de edição do material. O filme, mal-visto durante anos pela própria Warner Bross, produtora do longa-metragem, agora ganha sua versão em DVD, 37 anos depois do lançamento original.




Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Felipe Andreoli: Se você quiser se arriscar a ligar para o ex-cantor do Angra...Felipe Andreoli
"Se você quiser se arriscar a ligar para o ex-cantor do Angra..."

Sepultura: Pavarotti gravou uma versão de Roots Bloody Roots?Sepultura
Pavarotti gravou uma versão de "Roots Bloody Roots"?


Sobre Cleyton Lutz

Estudante de Jornalismo, mora em Guarapuava, PR. Adora escrever sobre futebol e rock 'n' roll. Sobre música, adora o Hardão Setentista (Grand Funk, Uriah Heep, Deep Purple, Led Zeppelin) e o progressivo (Yes, Jethro Tull, Focus). Para música acha que nasceu pelo menos uns 30 anos atrasado. Das bandas atuais gosta de White Stripes, Wolfmother e Hellacopters. Mas sua paixão é o som trascendental do Pink Floyd. Os seus grandes sonhos são ver ao vivo uma reunião dos quatro novamente, como ocorreu no Live 8, além de comprar uma moto com a primeiro dinheiro que ganhar com o jornalismo.

Mais matérias de Cleyton Lutz no Whiplash.Net.

WhiFin