Alice In Chains: a juventude de Layne Staley

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Guilherme Carvalho, Fonte: Seattle Times, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Reportagem de Tom Scanlon, do jornal Seattle Times:

Quando adolescente ele era conhecido pelos amigos como Layne Elmer, sobrenome do padastro que ele usava no segundo grau. Voltou ao seu nome de batismo Staley quando começou uma carreira no rock que o catapultou para muito além de Lynnwood.

3630 acessosKurt Cobain: Com membros do AIC e Sepultura numa jam no Rio em 1993?5000 acessosGuns N' Roses: A crítica de Portnoy ao trabalho de Matt Sorum

Em 2006, Nancy McCallum representou o filho na 20ª reunião da turma de 2º grau de Layne, na Meadowdale High School. Ela se apresentou às pessoas e conversou com alguns antigos amigos de Layne – que se surpreenderam quando souberam que ele tinha se tornado o vocalista principal do ALICE IN CHAINS. “Eles disseram: ‘Layne Staley era Layne Elmer? Ele era o garoto mais quieto da nossa classe!’ Eles ficaram chocados!”

Em uma entrevista por telefone, sua mãe o descreveu como um jovem artístico e introspectivo. O seu Layne era um estudante um tanto indiferente, excelente nas aulas que gostava, sem se importar com tarefas das matérias que o chateavam.

“Ele era um dos garotos mais baixos da sala, até o 2º ou o 3º ano do 2º grau. No 3º ano ele já tinha praticamente perdido o interesse pela escola – ele tinha sido visado [pelas brincadeiras] porque era pequeno, então já estava cheio de tudo isso. Eu dei a ele a opção de largar a escola – ele já era maduro o suficiente para não precisar estar na escola, poderia trabalhar nos seus hobbies e projetos e ter um emprego em meio-período. Ele tinha acabado de passar por um crescimento súbito, do garoto mais baixo da sala para um garoto de um metro e oitenta – e ele sempre quis ter um metro e oitenta. Ele dizia: ‘As garotas começaram a me notar.’ Ele preferiu ficar na escola".

“Ele se meteu em problemas fazendo coisas que os garotos fazem. Experimentou drogas com 13 ou 14 anos. Nos últimos anos do 2º grau ele ficou limpo, e ele era mais feliz assim”.

Era apenas maconha com 13 ou 14, ou drogas mais fortes? “Tudo que eles achassem no playground”, respondeu McCallum. “Você disse ‘apenas maconha’, mas isso é repugnante para mim. Maconha não é uma droga benigna, é ilegal por uma razão muito boa. É uma droga assintomática que faz as pessoas perderem o vigor de completar seus trabalhos".

“Eu não estava proparada para isto, porque minha família não teve absolutamente nenhum contato com drogas, nem mesmo remédios ou drogas medicinais. Na escola Layne andava com pessoas que usavam maconha – eu não sei se haviam mais coisas envolvidas. Meu marido e eu não bebíamos, então não tínhamos álcool por perto”.

O artigo completo pode ser visto no link abaixo.

Por que destacamos matérias antigas no Whiplash.Net?

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, nos links abaixo:

Post de 10 de dezembro de 2012
Post de 10 de dezembro de 2012
Post de 19 de julho de 2014
Post de 22 de dezembro de 2016

Kurt CobainKurt Cobain
Com membros do AIC e Sepultura numa jam no Rio em 1993?

1499 acessosHeart: "As bandas de Seattle festavam direto na minha casa"2544 acessosAlice in Chains: "a canção Would é em homenagem a Andy Wood"1808 acessosAlice In Chains: "abençoados" por terem William DuVall1359 acessosL7: apresentação ao vivo na Rádio Cidade, antes perdida, ressurge0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Alice In Chains"

Alice In ChainsAlice In Chains
"Banda já discutia a saúde de Layne Staley"

FlashbackFlashback
Os 10 melhores álbuns do ano de 1992

Alice In ChainsAlice In Chains
Quando o guitarrista foi detido armado no aeroporto

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Alice In Chains"

Guns N RosesGuns N' Roses
A crítica de Portnoy ao trabalho de Matt Sorum

KissKiss
Sobre Secos e Molhados: "Há quem acredite em OVNIs!"

EpicaEpica
Foto original de Simone Simons nua em capa é revelada?

5000 acessosMotörhead: Amy Lee no colo de Lemmy Kilmister5000 acessosAC/DC: as 10 melhores músicas da banda com Bon Scott5000 acessosEm 16/01/1993: o Nirvana fazia um show catastrófico no Brasil5000 acessosNME: os 50 álbuns com mais vendas na primeira semana5000 acessosDeep Purple: Ian Paice não sabe se ainda é amigo de Blackmore5000 acessosNightwish: Por que a Anette foi tão criticada pelos fãs?

Sobre Guilherme Carvalho

Gaúcho de Santiago, é redator em uma agência de propaganda de Florianópolis. Começou escutando o pai dedilhar Tom Jobim, Vinícius e Toquinho no violão, mas só teve um contato mais sério com o instrumento aos 18 anos. Hoje é um apaixonado por solos, guitarras e violões. Seu estilo preferido é o rock, mas escuta quase todo tipo de música, de Beatles a Arctic Monkeys, passando por Oasis, Iron Maiden, Wolfmother, Dream Theater, John Mayer, Maná, Scorpions, Gotan Project, Silverchair, Green Day, Guns 'N Roses, Jack Johnson, Jamiroquai, Kiss, Lenny Kravitz, Foo Fighters, Metallica e, é claro, guitar heroes, música nativista e bandas gaúchas.

Mais informações sobre Guilherme Carvalho

Mais matérias de Guilherme Carvalho no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online