Aerosmith: Joe Perry comenta influência do Led

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Zé Elias, Fonte: Blabbermouth, Tradução
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 03/12/07. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Na matéria de capa da última revista Rolling Stone, “o retorno do Led Zeppelin”, oito artistas comentam sobre o impacto da banda sobre eles.

1042 acessosBanda dos sonhos: qual seria a sua?5000 acessosRolling Stone: As 500 melhores músicas segundo a revista

O guitarrista do AEROSMITH, Joe Perry, diz: “Aprendemos o som do rock de arena a partir de seus discos. Jimmy Page era muito jovem quando gravou pela primeira vez, mas passou muitas horas em estúdio, tinha tudo previamente planejado na cabeça, tal qual Eisenhower contemplando a Normandia” [Nota: ele se refere ao General norte-americano Dwight D. Eisenhower, que comandou o desembarque realizado na Normandia em 1944, no que passou para a história como "O Dia D"].

Jimmy Page recebeu em Londres o prêmio de "Living Legend Award at the Classic Rock Roll of Honour" (que significa "Prêmio de Lenda Viva no Roll da Honra do Rock Clássico") no começo de novembro. Na ocasião, Steven Tyler fez um tributo ao guitarrista, que recebeu mensagens em vídeo de Robert Plant e de Les Paul – uma lenda das guitarras.

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Fatos DesconhecidosFatos Desconhecidos
Personalidades que supostamente fizeram pacto com o diabo

1042 acessosBanda dos sonhos: qual seria a sua?4420 acessosEm 07/07/1980: O último show de John Bonham480 acessosLoudwire: em vídeo, 10 maiores riffs de metal dos anos setenta0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "Led Zeppelin"

Led ZeppelinLed Zeppelin
Segundo Jason Bonham a reunião esteve muito próxima

Robert PlantRobert Plant
Músicos adoram tocar no Brasil por causa da galera

Led ZeppelinLed Zeppelin
Candidato destrói em Whole Lotta Love no The Voice

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "Aerosmith"0 acessosTodas as matérias sobre "Led Zeppelin"

Rolling StoneRolling Stone
As 500 melhores músicas segundo a revista

Câncer na línguaCâncer na língua
Outros cinco músicos que sofreram deste mal

Mr CatraMr Catra
Uma lista das suas maiores influências no rock

5000 acessosContra-baixo: as melhores introduções do Heavy Metal5000 acessosGaleria de fotos: 13 motivos para gostar de Rock N Roll5000 acessosGuitarristas: os 10 maiores de todos os tempos segundo a Time5000 acessosGuns N' Roses: o brasileiro que registrou o primeiro 3D da banda5000 acessosRock in Rio: brasileiro é o artista que mais tocou no evento2900 acessosHunger: uma versão bem mais pesada de "Another Brick In The Wall"

Sobre Zé Elias

José Elias da Silva Neto é paulista, nasceu em 1965. Mora em Poços de Caldas, MG. É designer gráfico, baixista e palmeirense. O primeiro rock que ouviu foi com uns 3 anos de idade, "Wooly Booly", de Sam the Sham and the Pharaos. Aos 6 anos, em 1972, foi apresentado por um primo 12 anos mais velho ao Machine Head, do Deep Purple, e ao Santana 3, saídos então do forno. Uns três anos depois, conheceu a coletânea 1962-1966 dos Beatles, aquela de capa vermelha. Mas a paixão só engrenou de vez em 1979, quando escutou o álbum No Mean City, do Nazareth. Quem tá sempre no player: Jethro Tull, Deep Purple, Queen, Led Zeppelin, Genesis, Kansas, Gentle Giant, Dixie Dregs, Emerson Lake & Palmer, Rush, Yes, Focus... e também algumas coisas de outros gêneros: jazz dos tempos de cabaré, música clássica, algo de MPB. Quem ele escutou muito, mas deixou de lado: Iron Maiden. Quem nunca lhe fez a cabeça: Kiss, Radiohead, Rolling Stones, U2, thrash metal, power metal, melodic metal, death metal (e quase tudo que leva metal no nome) e músicas com solos que duram dois dias e meio.

Mais matérias de Zé Elias no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online