Brian Johnson: "parem de fazer shows beneficentes"

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Por Anderson Alves, Fonte: AC/DC Brasil
Enviar correções  |  Comentários  | 

Matéria de 04/02/10. Quer matérias recentes sobre Rock e Heavy Metal?

Os rockers anglo-australianos do AC/DC, tem uma mensagem para os rock stars - parar de fazer shows beneficentes pedindo dinheiro para a caridade.

554 acessosMetallica: Lars queria ver Phil Rudd tocando Enter Sandman5000 acessosOzzy Osbourne: comendo oferenda de macumba no Rock in Rio

O vocalista da banda, Brian Johnson, em uma entrevista com o jornal australiano "The Daily Telegraph", disse que as pessoas não querem que celebridades ricas, como Bob Geldof e Bono, fiquem pedindo para elas pensarem nas crianças que estão passando fome.

"Eu não falo para as pessoas que elas precisam dar dinheiro - elas não podem pagar por isso", disse Brian, cuja banda ganhou na semana passada o primeiro Grammy de sua carreira em 37 anos, de "Melhor Performance Hard Rock" para a música "War Machine".

"Quando eu era um trabalhador, não ia a um concerto para ouvir algum bastardo dizendo pra mim que eu deveria pensar nas crianças africanas."

Brian disse que sua banda vai continuar fazendo caridade em sigilo, e gastar um pouco de seu próprio dinheiro.

"Fazer um show beneficiente tudo bem, mas não em emissoras do mundo inteiro." disse ele.

Brian Johnson comenta como o AC/DC vem se preparando para começar na próxima semana sua primeira turnê australiana depois de nove anos. A banda já viajou para muitas partes do globo em sua turnê "Black Ice".

O álbum com o mesmo nome, o primeiro após sete anos, já vendeu cerca de 6,7 milhões de cópias em todo o mundo.

Brian Johnson, com 62 anos, que entrou como vocalista do grupo em 1980, após a morte de Bon Scott, disse que não tem nenhum plano para se aposentar.

"Claro que eu não quero me aposentar", ele diz. "Mas estou te dizendo, se o corpo ou a voz empacotar, não há nada que eu poderei fazer. Orgulho é o que é. Você não quer deixar você, a banda ou os fãs tristes. Vou continuar enquanto eu puder."

GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no G+

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato.

Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Trolls e chatos que quebram estas regras podem ser banidos. Denuncie e ajude a manter este espaço limpo.

Mais comentários na Fanpage do site, no link abaixo:

Post de 04 de fevereiro de 2013

Phil RuddPhil Rudd
Por que ele se recusa a fazer solos de bateria

554 acessosMetallica: Lars queria ver Phil Rudd tocando Enter Sandman1479 acessosRock: gênero é um trintão decadente, segundo Spotify0 acessosTodas as matérias e notícias sobre "AC/DC"

TatuagensTatuagens
Os piores rabiscos de rockstars transplantados para fotos reais

WikimetalWikimetal
As melhores duplas do Metal

NoisecreepNoisecreep
As dez melhores canções de Metal (e Hard) dos 80s

0 acessosTodas as matérias da seção Notícias0 acessosTodas as matérias sobre "AC/DC"

Ozzy OsbourneOzzy Osbourne
Comendo oferenda de macumba no Rock in Rio I

MetallicaMetallica
Hetfield fala sobre Dave Mustaine, Load e homossexualidade

Andre MatosAndre Matos
"Eu não estava preparado para cantar no Maiden!"

5000 acessosDossiê Guns N' Roses: A versão de Slash para os fatos5000 acessosHeavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 19905000 acessosGhost: uma foto assustadora dos bastidores do Rock In Rio5000 acessosIn Flames: "É fácil julgar um trabalho só pela capa"5000 acessosP.O.D.: banda esclarece posição de Katy Perry no grupo5000 acessosAndy Johns: "Nem imaginávamos que o Rock duraria tanto"

Sobre Anderson Alves

Anderson Alves, nascido em 1990, é fã incondicional e apaixonado por rock and roll. O seu primeiro contato com o rock and roll foi quando conheceu o som de AC/DC, Ozzy Osbourne e Creeedence por volta do ano 2000 nos discos de vinis que encontrara em sua casa. Mais tarde conheceu a raíz do estilo, indo de Big Joe Turner, Hank Williams até Creedence e Elvis Presley. É também administrador, redator e editor de vídeos do fã site AC/DC Brasil.net, onde dedica uma parcela de seu tempo em tributo ao AC/DC e colaborador constante do site wiki brasileiro do rock e metal, Whiplash.net.

Mais matérias de Anderson Alves no Whiplash.Net.

Whiplash.Net é um site colaborativo. Todo o conteúdo é de responsabilidade de colaboradores voluntários citados em cada matéria, e não representam a opinião dos editores ou responsáveis pela manutenção do site, mas apenas dos autores e colaboradores citados. Em caso de quebra de copyright ou por qualquer motivo que julgue conveniente denuncie material impróprio e este será removido. Conheça a nossa Política de Privacidade.

Em fevereiro: 1.218.643 visitantes, 2.740.135 visitas, 6.216.850 pageviews.

Usuários online