Bret Michaels: asilo para groupies que passaram da idade

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Maneco Grotesco, Fonte: Sleaze Roxx, Tradução
Enviar correções  |  Ver Acessos

Jennifer Garcia do People.com relata: Bret Michaels nunca esquece suas fãs, não importa a idade.

Separados no nascimento: James Hetfield e o Leão ValenteBlack Sabbath: About.com elege os 5 melhores álbuns da banda

Em um bloco humorístico gravado para o 'Do Something Awards' (premiação para os maiores atos beneficentes do ano), Bret Michaels faz uma brincadeira com as groupies mais velhas e promete fazer algo para ajudá-las.

"Groupies. Todos nós as amamos, e elas nos amam também. Mas o que acontece quando elas ficam muito velhas para o serviço," ele pergunta antes de imagens de imagens de ardentes fãs de meia-idade aparecerem na tela. "Horripilante. De partir o coração."

Derramando uma lágrima verdadeira, Michael fala de seus planos para ajudar a levantar o Groupie Love, o primeiro lar de retiro para groupies de idade avançada, para ajudar aquelas que cairam em momentos difíceis.

Michael implora aos expectadores que "façam doações às pessoas que proporcionaram bons momentos a mim e inúmeras outras bandas."



GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Os comentários são postados usando scripts e logins do FACEBOOK, não estão hospedados no Whiplash.Net, não refletem a opinião dos editores do site, não são previamente moderados, e são de autoria e responsabilidade dos usuários que os assinam. Caso considere justo que qualquer comentário seja apagado, entre em contato. Respeite usuários e colaboradores, não seja chato, não seja agressivo, não provoque e não responda provocações; Prefira enviar correções pelo link de envio de correções. Denuncie os que quebram estas regras e ajude a manter este espaço limpo.


Todas as matérias da seção NotíciasTodas as matérias sobre "Poison"


Guitar World: os 100 piores solos de guitarra da históriaGuitar World
Os 100 piores solos de guitarra da história

Poison: Kotzen me fez um favor quando me corneou, diz RikkiPoison
Kotzen me fez um favor quando me corneou, diz Rikki

O tempo é implacável: a turma do rock/metal não sabe envelhecer?O tempo é implacável
A turma do rock/metal não sabe envelhecer?


Separados no nascimento: James Hetfield e o Leão ValenteSeparados no nascimento
James Hetfield e o Leão Valente

Black Sabbath: About.com elege os 5 melhores álbuns da bandaBlack Sabbath
About.com elege os 5 melhores álbuns da banda

Rock Stars: como se pareceriam alguns se não tivessem morridoRock Stars
Como se pareceriam alguns se não tivessem morrido

Max Cavalera: Deveríamos ter demitido aqueles dois e mantido o nomeMax Cavalera
"Deveríamos ter demitido aqueles dois e mantido o nome"

Dinho Ouro Preto: É assustador ver todo o rock ficar de direitaDinho Ouro Preto
"É assustador ver todo o rock ficar de direita"

Nirvana: uma versão clássica de Smells Like Teen SpiritNirvana
Uma versão clássica de "Smells Like Teen Spirit"

Uruca: Os 9 mais azarados da história do RockUruca
Os 9 mais azarados da história do Rock


Sobre Maneco Grotesco

Nascido em 1979, em Curitiba, desde pequeno sonhava em tocar ao descobrir a velha guitarra do pai. Ainda no colégio montou sua banda, o Grotesco, que apesar de praticamente inativa atualmente, ainda existe. Os estilos preferidos variam muito com o tempo, do thrash ao punk, do ska ao folk, a única paixão que permanece sempre no topo no mundo do rock é pelas guitarras Gibson.

Mais matérias de Maneco Grotesco no Whiplash.Net.