Matérias Mais Lidas

imagemSteven Tyler dá entrada em clínica de reabilitação após sofrer recaída

imagemEncontro entre Paul Di'Anno e Steve Harris resultou em "algo que será discutido"

imagemVital, o ex-Paralamas que virou nome de música e depois foi pro Heavy Metal

imagemA opinião de Arnaldo Antunes sobre a competição interna que havia nos Titãs

imagemShavo Odadjian, baixista do System Of A Down, conta quais álbuns mudaram sua vida

imagemMark Tremonti, do Alter Bridge, revela que é grande fã de lendária banda de metal

imagemO que Adrian Smith descobriu ao retornar ao Iron Maiden

imagemRegis Tadeu explica porque Ximbinha é um dos melhores guitarristas do Brasil

imagemAs composições de Paul McCartney nos Beatles preferidas de John Lennon

imagemMarcello Pompeu agradece mobilização de fãs

imagemGene Simmons compartilha tweet com meme da ex-presidente Dilma Rousseff

imagemIrmãos Cavalera tocam "Beneath The Remains" em show nos EUA; assista vídeo

imagemNick Mason relembra a época que o Pink Floyd desastrosamente tentou tocar reggae

imagemNicko McBrain, do Iron Maiden, mostra o seu novo (e enorme) kit de bateria

imagem"Eu não tinha ideia de quão grande o Maiden iria ficar", diz Bruce Dickinson


Bret Michaels: "Ensinei Charlie Sheen a destruir quartos!"

Por Nathália Plá
Fonte: blabbermouth.net
Em 24/03/11

O frontman do POISON, Bret Michaels, revelou durante sua participação no "Access Hollywood" em 18 de março de 2011 que ele "profissionalmente" ensinou Charlie Sheen a destruir um quarto de hotel porque o perturbado ator "não estava fazendo um bom trabalho a princípio".

"Eu disse, 'Você tem que realmente botar tudo pra fora, cara! Você tem que se soltar e destruir essas coisas'", disse Michaels.

Bret e Sheen tinham uma empresa produtora de filmes que produziu o "A Letter From Death Row" pela Showcase Entertainment bem como o "No Code Of Conduct" pela Miramax/Dimension Films, que Michaels escreveu, dirigiu e estrelou. Eles também produziram o filme "Free Money" ("Assaltantes de Primeira" no Brasil), estrelando Marlon Brando e Mira Sorvino.

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

"Ele me mostrou como fazer filmes e ganhar dinheiro, e eu mostrei a ele como perder muito dinheiro destruindo quartos de hotel", brincou Michaels no "Access Hollywood".

Sheen foi preso em outubro de 2010 no hotel New York Plaza após ficar bêbado e destruir seu quarto de hotel.

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Stamp
publicidade
Ademir Barbosa Silva | Alexandre Faria Abelleira | Andre Sugaroni | André Silva Eleutério | Antonio Fernando Klinke Filho | Bruno Franca Passamani | Caetano Nunes Almeida | Caio Livio de Lacerda Augusto | Carlos Eduardo Ramos | Carlos Gomes Cabral | Cesar Tadeu Lopes | Cristofer Weber | César Augusto Camazzola | Dalmar Costa V. Soares | Daniel Rodrigo Landmann | Décio Demonti Rosa | Efrem Maranhao Filho | Eric Fernando Rodrigues | Eudes Limeira | Fabiano Forte Martins Cordeiro | Filipe Matzembacher | Gabriel Fenili | Helênio Prado | Henrique Haag Ribacki | Jesse Silva | José Patrick de Souza | Leonardo Felipe Amorim | Marcello da Silva Azevedo | Marcelo Franklin da Silva | Marcelo H G Batista | Marcio Augusto Von Kriiger Santos | Pedro Fortunato | Rafael Wambier Dos Santos | Regina Laura Pinheiro | Reginaldo Tozatti | Ricardo Cunha | Ricardo Dornas Marins | Sergio Luis Anaga | Sergio Ricardo Correa dos Santos | Tales Dors Ciprandi | Thiago Cardim | Tiago Andrade | Tom Paes | Vinicius Valter de Lemos | Wendel F. da Silva
Siga Whiplash.Net pelo WhatsApp

Produtor do Poison dedurou grupo por plágio; é uma banda sueca, quem vai saber?Produtor do Poison dedurou grupo por plágio; "é uma banda sueca, quem vai saber?"


Poison: Bret passou o cambão na mãe da Hannah Montana?

Bret Michaels: como ele se sente vendo a filha modelo posando de maiô


Câncer na língua: entenda a doença de Bruce Dickinson


Sobre Nathália Plá

Mineira de Belo Horizonte, nasceu e cresceu ouvindo Rock por causa de seu pai. O som de Pink Floyd e Yes marcou sua infância tanto quanto a boneca Barbie, mas de uma forma tão intensa que hoje escutar essas bandas lhe causa arrepios. Ao longo dos anos foi se adaptando às incisivas influências e acabou adquirindo gosto próprio, criando afinidade pelo Hard Rock e Heavy Metal. Louca e incondicionalmente apaixonada por Bon Jovi, não está nem aí pras críticas insistentes dirigidas à banda. Deixando a emoção de lado e dando ouvidos à técnica e qualidade musical, tem por melhores bandas, nessa ordem, BlackSabbath, Led Zeppelin, Deep Purple, Metallica e Dream Theater. De resto, é apenas mais uma apreciadora do bom e velho Rock'n'roll.

Mais matérias de Nathália Plá.