A morte vale o preço da fama?

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net

Por Cínthia Demaria, Fonte: Da Morte ao Mito
Enviar correções  |  Ver Acessos

"Morra jovem, permaneça belo", definiu Kurt Cobain em algum de seus escritos suicidas. O fato do fim significar o recomeço para muitas carreiras musicais já é algo que venho discutindo e estudando há algum tempo.

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1992Guitarristas: você consegue identificar todos nesta imagem?

Anunciar bandas e shows de Rock e Heavy Metal

Mas para ser mito é preciso morrer? Não necessariamente. Ou melhor, ninguém precisa morrer para fazer sucesso. Pelo contrário. É preciso estar bem vivo para deixar um bom repertório e conquistar muitos fãs em sua carreira. Porém, todos aqueles que se tornam ídolos e por alguma fatalidade - ou vontade própria - morrem no auge da fama, eternizam-se no tempo. Pare e repare. Somente estes ganham especiais de televisão, capas de revistas mundiais, documentários, filmes, bibliografias e uma série de homenagens prestadas por fãs e por veículos, que sabem que conquistam um elevado número de vendas com essas publicações.

E se Axl Rose morresse?

Com certeza centenas de milhares de fãs continuariam a seguí-lo em todas as partes do mundo, mas já pensou se isso acontecesse nas duas últimas décadas? Axl seria imortalizado, dado ao número de influência de suas músicas e do sucesso estrondoso do Guns n` roses.

Veja mais no blog Da morte ao mito




GosteiNão gostei

Compartilhar no FacebookCompartilhar no TwitterCompartilhar no WhatsAppSeguir Whiplash.Net


Todas as matérias da seção Notícias

Heavy Metal: os dez melhores álbuns lançados em 1992Heavy Metal
Os dez melhores álbuns lançados em 1992

Guitarristas: você consegue identificar todos nesta imagem?Guitarristas
Você consegue identificar todos nesta imagem?


Sobre Cínthia Demaria

Jornalista, especialista em imagens e culturas midiáticas e aspirante a psicóloga. Estuda a influência dos ídolos do rock que se tornam mitos depois que morrem, no blog damorteaomito.blogspot.com.

Mais matérias de Cínthia Demaria no Whiplash.Net.

adClio336|adClio336